AGU: de boa vontade o inferno está cheio

Por Egon Heck, do secretariado nacional, e Guilherme Cavalli, da assessoria de comunicação / Cimi

Na última semana, de 02 a 07, uma delegação de oito povos cumpriu uma série de agendas em Brasília (DF). Nos órgãos federais, aproximadamente 70 indígenas vindos do Maranhão (povos Apanikrã Kanela, Krepun, Memortumré Kanela, Krenyê e Gavião), de Roraima (Macuxi e Wapixana) e da Bahia (Tupinambá de Olivença) ressoaram o grito que repudia medidas assumidas pelo atual governo. A principal agenda ocorreu na Advocacia Geral da União (AGU), terça-feira (03), onde os indígenas exigiram a revogação do parecer 001/2017, chamado de anti-demarcação. (mais…)

Ler Mais

Nota de esclarecimento da Articulação Camponesa à sociedade tocantinense: Por que paralisamos trecho da Ferrovia Norte-Sul?

Na CPT

Nós, famílias camponesas e remanescentes de quilombo, unidos na Articulação Camponesa de Luta pela Terra e Defesa dos Territórios do Tocantins, que representa comunidades de Araguaína, Babaçulândia, Bandeirantes, Barra do Ouro, Campos Lindos, Darcinópolis, Goiatins, Palmeirante e São Bento, juntamente com a Via Campesina, vimos a público para denunciar a inoperância e omissão dos órgãos de âmbito federal (Incra, Programa Terra Legal, Ibama) e estadual (Instituto de Terras do Tocantins e Naturatins). (mais…)

Ler Mais

ONU considera urgente a implementação de políticas públicas habitacionais no mundo

No blog da Raquel Rolnik

Todos os anos, desde 1985, na primeira segunda-feira de outubro, é celebrado o Dia Mundial do Habitat. Esta tem sido uma das estratégias da agência ONU-Habitat para disseminar, a governos e cidadãos, campanhas e mensagens relacionadas ao tema. Neste Dia Mundial do Habitat, depois de muitos anos sem abordar a questão, a declaração da agência enfoca a necessidade urgente de implementação de políticas habitacionais de interesse social pelos governos. (mais…)

Ler Mais

“Censurar é a pior maneira”: confira a entrevista com Lilia Schwarcz

Biógrafa de Lima Barreto conversou com o Jornal do Commercio sobre racismo, cotas, censura na arte e a importância do autor carioca

No JC Online

Pesquisadora da questão racial no Brasil há quase 30 anos, Lilia Schwarcz, antropóloga, historiadora e escritora paulista, lançou recentemente a biografia de Lima Barreto: Triste Visionário. Ela esteve no Recife no último fim de semana participando da Bienal Internacional do Livro, onde ministrou no domingo (8) uma palestra sobre o posicionamento político e social do escritor carioca, sua vida e obra. (mais…)

Ler Mais

“Sociedade brasileira cultua a violência”

Estudo mostra alta propensão do país ao autoritarismo. Em entrevista à DW, pesquisador alerta para risco de políticos com “posições salvacionistas” e defende Estado que garanta a paz, e não o medo.

Na DW

Uma pesquisa realizada pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP), em conjunto com o Datafolha, mostrou que o medo da violência é uma das principais razões para que o brasileiro tenha propensão a posições autoritárias.  (mais…)

Ler Mais

PFDC apoia manifesto contra nova lei de planos de saúde

Retrocessos nos direitos dos usuários do SUS são apontados pelas mais de 20 instituições que assinam o documento

PFDC

A Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão, do Ministério Público Federal (PFDC/MPF), está entre as instituições que assinam manifesto sobre os riscos que as alterações na lei que regulamenta os planos de saúde podem representar tanto no acesso à saúde pública quanto nas relações médico-paciente. A iniciativa é coordenada pela Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco), o Centro Brasileiro de Estudos de Saúde (Cebes) e o Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) e conta com o apoio de mais de 20 entidades de defesa do consumidor, da saúde e instituições públicas de direitos humanos. (mais…)

Ler Mais