Povos indígenas, ribeirinhos e movimentos sociais fecham rodovia de RO contra construção de UHE

Por Cimi Regional Rondônia – Equipe de Guajará-Mirim

Com o objetivo de sensibilizar autoridades públicas e comunidades que serão afetadas diretamente pela construção da Usina Hidrelétrica do Ribeirão, a BR-425, próxima à Cachoeira do Ribeirão, trecho incidente no município de Nova Mamoré (RO), foi trancada pelos indígenas, ribeirinhos, comunidade boliviana impactada e movimentos sociais. (mais…)

Ler Mais

Atingidos pela Samarco ocupam linha da Vale no ES

Atividades acontecem no Dia Internacional de Lutas contra as Barragens, pelos Rios, pelas Águas e pela Vida

Por Danielle Melo
Da Página do MST

Na manhã desta terça-feira (14), os atingidos e atingidas pelo crime ambiental da Samarco, organizados no Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB), ocuparam a linha de trem da Vale, na cidade de Colatina, no Espírito Santo. Pescadores, meeiros e agricultores de comunidades dos municípios de Linhares, Aracruz, São Mateus, Colatina e Baixo Guandu realizaram a ação para denunciar os desmandos da Vale. (mais…)

Ler Mais

No Dia Internacional de Luta contra as barragens, pelos rios, pela água e pela vida, “Belo Monte: depois da inundação” está disponível para download

No Dia Internacional de Luta contra as barragens, pelos rios, pela água e pela vida, 14 de março, o documentário “Belo Monte: depois da inundação” está disponível também para ser baixado e amplamente utilizado

Sobre o filme

Dirigido por Todd Southgate e narrado por Marcos Palmeira, “Belo Monte depois da inundação” é um documentário que relata a situação atual na cidade de Altamira e região. Agora que a construção de Belo Monte está completa e seu reservatório inundado, a primeira turbina da barragem foi testada no início de 2016. (mais…)

Ler Mais

Agência Nacional de Águas não pode outorgar direitos de uso na bacia do rio Solimões

Legislação prevê que, para concessão de autorizações, é necessário que a bacia possua um plano de recursos hídricos; rios da Amazônia não possuem o planejamento

Por Procuradoria da República no Amazonas

A Justiça Federal determinou que a Agência Nacional de Águas (ANA) não mais outorgue direitos de uso de recursos hídricos (Declaração de Reserva de Disponibilidade Hídrica) em processos de licenciamento ambiental na Bacia Hidrográfica do Rio Solimões, enquanto não for instalado o Comitê da Bacia Hidrográfica e aprovado o Plano de Recursos Hídricos da Bacia do Rio Solimões/Amazonas. A sentença foi concedida em ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público Federal no Amazonas (MPF/AM) para proteger os recursos hídricos da região, até agora usados sem nenhum planejamento. (mais…)

Ler Mais

Lançamento do documentário ‘Enchente: o outro lado da Barragem Norte’, sobre a grande obra que impactou a vida do povo Xokleng Laklãnõ

Cimi

Na década de 1970, no auge da ditadura militar, sem qualquer consulta, informação ou respeito ao povo Xokleng Laklãnõ, o governo construiu uma Barragem na porta da terra Indígena “Ibirama Laklãnõ”, no alto vale do Itajaí – Santa Catarina, chamada Barragem Norte. (mais…)

Ler Mais

Transposição, a hora da verdade, por Roberto Malvezzi (Gogó)

Roberto Malvezzi (Gogó), em seu blog

Há uma certa euforia a respeito da reta final da Transposição de águas do São Francisco para o chamado Nordeste Setentrional. Elio Gaspari, na Folha de São Paulo, disse que a “Transposição de Lula é um sucesso”. É compreensível também a euforia da população receptora. Nós aqui às margens do São Francisco, que somos obrigados a olhar a floresta e não só a árvore, mantemos nosso olhar crítico sobre essa obra. (mais…)

Ler Mais

Portela emociona com alegoria que retrata tragédia de Mariana

Carnavalesco

O que era doce virou lama. A tragédia de Mariana, cidade mineira, foi muito bem retratada pela Portela na quarta alegoria “Um Rio que era Doce” da Portela. O carro era totalmente em barro e trazia esculturas de pescadores em pranto, sendo um maior em destaque no meio. O ator Alexandre Maguolo foi veio no centro deste destaque interpretando a dor dos pescadores, que não podem mais viver do rio que morreu. (mais…)

Ler Mais

Governo omite desastre ambiental em Mariana em informe para ONU

O relatório emitido pelo Ministério dos Direitos Humanos, que servirá de base para avaliar o Brasil na Organização das Nações Unidas (ONU), omitiu o desastre ambiental de Mariana, o maior do país, com 18 mortos. Governo alega limite de espaço em documento da ONU

Correio Braziliense / CPT

O governo Michel Temer omitiu o desastre ambiental de Mariana do informe oficial que entregou para a Organização das Nações Unidas (ONU) sobre a situação de direitos humanos no país. O relatório servirá de base para uma sabatina do Brasil no Conselho de Direitos Humanos da entidade, onde recentemente retomou assento por mais dois anos. (mais…)

Ler Mais

Defensores dos rios da América Latina convocam mobilização no dia 14 de março: dia de luta Internacional contra Barragens

Comunicado do Movimento de Atingidos por Barragens da América Latina (MAR). Convocatória para a mobilização no 14 de março, dia de luta internacional contra barragens, pelos rios, pela água e pela vida.

No MAB

As comunidades atingidas por barragens articuladas no Movimento de Atingidos por Barragens da América Latina (MAR) fazem um chamado a todos os movimentos sociais, organizações ambientalistas e defensoras de Direitos Humanos para que no dia 14 de março, marchemos juntos em defesa dos direitos das comunidades atingidas por barragens, pela defesa dos rios, pela construção de um modelo energético popular e pelo fortalecimento e construção de sociedades alternativas em comemoração pelo vigésimo primeiro dia de luta internacional contra barragens e pelos rios, pela água e pela vida. (mais…)

Ler Mais