“Na verdade, Funai é do PSC, do deputado André Moura”, diz ministro da Justiça

Embora tenha sido publicada no dia 20 de abril, somente hoje tomamos conhecimento desta notícia, através do MST. E ela não pode deixar de ser registrada. (TP).

Por Igor Gadelha, no Estadão

O ministro da Justiça, Osmar Serraglio, admitiu na tarde desta quinta-feira (20) ao Broadcast Político que a presidência da Funai é indicação do líder do governo no Congresso Nacional, deputado André Moura (PSC-SE). (mais…)

Ler Mais

Mensagem da CNBB aos trabalhadores(as) do Brasil: “Encorajamos a organização democrática e mobilizações pacíficas”

AOS TRABALHADORES E TRABALHADORAS DO BRASIL, MENSAGEM DA CNBB

“Meu Pai trabalha sempre, portanto também eu trabalho” (Jo 5,17)

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB, reunida, no Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida – SP, em sua 55ª Assembleia Geral Ordinária, se une aos trabalhadores e às trabalhadoras, da cidade e do campo, por ocasião do dia 1º de maio. Brota do nosso coração de pastores um grito de solidariedade em defesa de seus direitos, particularmente dos 13 milhões de desempregados. (mais…)

Ler Mais

Movimentos tradicionais, autonomistas e um novo ciclo de lutas no Brasil. Entrevista especial com Alana Moraes

Patricia Fachin – IHU On-Line

A crise petista transformou a esquerda em um “lugar de muita melancolia”, que produz uma “fixação” por “Bolsonaros”, ao invés de criar “afetos mais potentes para continuar caminhando, pensando novas possibilidades, criando brechas”, avalia a socióloga Alana Moraes na entrevista a seguir, concedida por e-mail à IHU On-Line. Segundo ela, as tentativas de resposta à crise vêm “clamando por fórmulas que simplificam a questão”, seja no discurso que defende a “unidade das esquerdas”, no grito “Fora Temer” ou no discurso do “pacto pela estabilidade democrática”. (mais…)

Ler Mais

Articulação de professores pela greve geral ensina o poder da mobilização, por Leonardo Sakamoto

No blog do Sakamoto

Ouvi uma mulher reclamando, tempos atrás, com uma amiga de uma greve dos professores em São Paulo. “Vagabundo que faz greve deveria ser demitido”, dizia ela.

Pois bem, milhares desses ”vagabundos” da rede particular de ensino planejam participar da greve geral contra a Reforma da Previdência a Reforma Trabalhista e a nova lei sobre a terceirização. Mas também contra a Reforma do Ensino Médio, os baixos salários, o assédio moral. Ao que tudo indica, pode ser a maior paralisação das escolas privadas na história da cidade. (mais…)

Ler Mais