Ativismo digital indígena: passo adiante ou cilada?

Cresceu muito, entre os povos tradicionais, o uso da internet e celular para denúncia e mobilização. Nas condições atuais, esta prática abre enorme vulnerabilidade. Há alternativa?

Por Rafael A. F. Zanatta – Outras Palavras

Quando se fala de “direitos digitais” – privacidade, proteção de dados, liberdade de uso da internet, neutralidade de rede –, as pessoas rapidamente pensam em Marco Civil da Internet, ativismo em redes sociais e grandes centros urbanos que buscam reinventar a democracia diante do impasse de relações sociais cada vez mais controladas por grandes corporações de tecnologia. (mais…)

Ler Mais

MPF/RJ: professor do IFF se torna réu por ato de racismo

Publicação no Facebook comparava mulheres afrodescendentes e cerveja escura

Procuradoria da República no Rio de Janeiro

A Justiça Federal em Campos dos Goytacazes (RJ) recebeu a denúncia oferecida pelo Ministério Público Federal (MPF) contra Maurício Nunes Lamonica, professor do Instituto Federal Fluminense (IFF), por ato de racismo. A decisão da 2ª Vara Federal de Campos afirma que há indícios suficientes de materialidade delitiva e da respectiva autoria, e que a conduta do réu se encaixa em discriminação pela raça. (mais…)

Ler Mais

O inimigo não é quem pensa diferente de você, mas quem não pensa, por Leonardo Sakamoto

No Blog do Sakamoto

O inimigo não é quem pensa diferente de você, tem outra ideologia, outra identidade, outra vida. Mas quem não pensa e, a partir desse vazio, ataca a existência de tudo à sua volta que não lhe faz sentido. O seu inimigo não é seu adversário político ou econômico, mas quem repete mantras violentos que lê na internet, ouve em bares ou vê em certas igrejas e não pára para pensar qual a origem daquilo e a quem interessa que esse discurso seja assim. É quem promove um nós contra eles cego, que utiliza técnica de desumanização, tornando o outro uma coisa sem sentimentos e, ao fim, pede sua extinção. (mais…)

Ler Mais

Internet: uma máquina de produção de minorias. Entrevista especial com Fábio Malini

João Vitor Santos – IHU On-Line

Para o professor Fábio Malini, “as redes sociais digitais explodem uma série de possibilidades de modos de estar junto” e, com isso, reconfiguram uma série de relações. Um dos efeitos mais instantâneos é o de permitir que vozes possam se manifestar sem a necessidade de mediações. É o caso de determinadas classes que, até bem pouco tempo, precisavam de um agente aglutinador. “É a ideia de que, sem intermediários, é possível se indignar”, pontua. “Muitas vezes, não há mais a necessidade de um sindicato para produzir uma mobilização, não há necessidade de se pedir autorização para qualquer entidade para se indignar e realizar atos de rua no mundo”, explica. (mais…)

Ler Mais

Será que há um inferno reservado para quem dialoga só com seus “iguais”?, por Leonardo Sakamoto

Blog do Sakamoto

Deveria haver um círculo do inferno especialmente reservado para os que não aceitam dialogar com quem pensa diferente. Para os que acreditam que, se a pessoa não compartilha da mesma opinião, não merece ser digna de interlocução. Se rolasse uma revisão geral em A Divina Comédia, de Dante Alighieri, sugeriria um inferno em que essas almas ficariam presas, pela eternidade, de frente a um Messenger, um WhatsApp ou um Google Talk com milhões de contatos postando as maiores aberrações, mas sem um teclado para que as almas condenadas pudessem responder. (mais…)

Ler Mais

Corrupção e reforma da Previdência elevam rejeição a Temer a 89% nas redes sociais

Levantamento da empresa de inteligência digital Veto capta rechaço ao Governo superior ao de Dilma às vésperas do impeachment

Carla Jiménez e Marina Rossi – El País

Que o Brasil está rachado num movimento de polarização política não é novidade para ninguém. Desde 2014 as brigas reais e virtuais entre os que se julgam mais à direita e os que se definem mais à esquerda estão ao alcance de um clique. Mas, há um tema que aproxima simpatizantes dos dois polos, embora suas respectivas bolhas não interajam a respeito: a rejeição ao Governo do presidente Michel Temer. Um levantamento da empresa de inteligência digital Veto, feito com exclusividade para o EL PAÍS, mostra que durante todo o mês de fevereiro 89% das manifestações relacionadas a Temer no Facebook e Twitter foram negativas para ele, independentemente do perfil político do usuário. Segundo a análise da Veto, quando assumiu como interino em maio de 2016, a imagem do presidente era positiva para 30% dos usuários. Agora, somente 11% promovem mensagens de apoio a Temer nas redes sociais. (mais…)

Ler Mais

“Uma internet mais cara para quem é mais pobre”. Empresas de telecomunicações atualizam as desigualdades no Brasil. Entrevista especial com Sérgio Amadeu da Silveira

João Vitor Santos – IHU On-Line

No fluxo do lugar comum, somos levados a afirmar que hoje todo mundo tem acesso à internet no Brasil. Entretanto, ao embarcarmos na reflexão do sociólogo Sérgio Amadeu da Silveira, percebemos algumas nuances que revelam o ambiente virtual como mais um espaço que reitera e atualiza as desigualdades. Ele destaca que as pessoas mais pobres acessam a internet pela rede móvel e, ainda assim, com planos pré-pagos e franquias restritivas. “Os maiores entraves para a efetiva democratização da internet estão na concentração de renda, nos elevados custos da conexão no país e na falta de cobertura da banda larga nas regiões mais carentes”, aponta. (mais…)

Ler Mais

Milhares assistem mulher morrer ao vivo em transmissão no Facebook e não ajudam

Segundo a polícia americana, não houve chamada para emergência. Família está chocada; caso ocorreu na frente do filho de 1 ano da jovem

O Dia

Estados Unidos – Uma mulher de Camdem, no Arkansas, Estados Unidos, que usava o Facebook Live para fazer uma espécie de reality show de sua vida particular morreu durante uma transmissão e nenhuma das milhares de pessoas que assistiam o vídeo fez algo para ajudá-la, segundo a polícia local. O fato, ocorrido no último dia 28, entre Natal e Ano Novo, chocou a família de Keiana Herndon, de 25 anos. (mais…)

Ler Mais