Conflitos no campo brasileiro são denunciados na Universidade Nacional de San Martín, no Peru

O Fórum Social Pan Amazônico (FSPA), que tem abertura oficial hoje, é realizado no Campus da Universidade Nacional de San Martín, em Tarapoto, no Peru. E foi neste espaço, em meio aos estudantes, que os conflitos no campo brasileiro foram denunciados, seja através de músicas, palavras de ordem, ou relatos

Por Assessoria de Comunicação da CPT (mais…)

Ler Mais

Lideranças indígenas e dos movimentos sociais firmam compromisso com a luta dos povos originários

Apib

Microfone aberto no último dia da 14ª edição do Acampamento Terra Livre (ATL)! Lideranças indígenas brasileiras e estrangeiras, políticos, procuradores, representantes de organizações da sociedade e civil e movimentos sociais estiveram na plenária da manhã para apoiar as reivindicações dos povos indígenas e repudiar a ação truculenta da polícia nos protestos promovidos ao longo da semana, em Brasília. (mais…)

Ler Mais

Agricultura familiar próspera e sustentável pode reduzir o desmatamento

Por Vandré Fonseca – O Eco

A prosperidade de assentamentos rurais é uma estratégia para reduzir o desmatamento que funciona. Resultados do Projeto Assentamentos Sustentáveis na Amazônia (PAS) apresentados nesta quarta-feira em Brasília mostram que ações para aumentar a produtividade, melhorar acesso ao mercado e valorizar a floresta conseguiram reduzir em 79% a derrubada de árvores em lotes da Reforma Agrária na Amazônia. (mais…)

Ler Mais

Protesto pacífico de povos indígenas é atacado pela polícia no Congresso Nacional

APIB

Um protesto pacífico de mais de três mil indígenas foi atacado com bombas de efeito moral e gás pela policia na frente do Congresso, na tarde de ontem (25/4). Os manifestantes foram dispersados após tentarem deixar quase 200 caixões no espelho de água do Congresso. Vários manifestantes passaram mal por causa do gás. No protesto, havia centenas de crianças, idosos e mulheres. (mais…)

Ler Mais

Nota Pública das Pastorais do Campo: Omissão e impunidade geram mais um massacre no campo

As Pastorais do Campo do Brasil divulgam Nota Pública sobre o Massacre de Colniza em que destacam que “o assassinato destes companheiros não significa simplesmente uma violência contra cada um deles, mas também contra suas famílias, contra a comunidade de Taquaruçu e contra toda a humanidade. Um ataque direto à luta pela terra, pelos territórios, pela água, pelo trabalho, à luta por todos os direitos e pela dignidade das comunidades e dos povos do campo”.

Na CPT

“Mas você não tem olhos nem coração,
a não ser para seu lucro,
para derramar sangue inocente
e para praticar a opressão e a violência”.
(Jr 22, 16-17) (mais…)

Ler Mais

“Ruralistas têm respaldo para fazer o que quiserem” diz Comissão Pastoral da Terra

IHU On-Line

O conservadorismo do Congresso e do governo golpista de Michel Temer são elementos decisivos para o aumento do número de homicídios em conflitos do campo. É o que analisa Antônio Canuto, secretário da Coordenação Nacional da Comissão Pastoral da Terra, a CPT, que comentou com a Radioagência Brasil de Fato o recente homicídio do militante do MST Silvino Nunes Gouveia e o massacre de Colniza. (mais…)

Ler Mais