Em denúncia contra agronegócio, 2 mil pessoas ocupam a Transamazônica no Maranhão

Romaria caminhou pelas ruas da cidade de Balsas, que recebeu também o Encontro Nacional do Cerrado

Rute Pina, Brasil de Fato

Cerca de 2 mil pessoas paralisaram, na manhã deste sábado (30), a rodovia Transamazônica, na altura do município de Balsas, região Sul do estado do Maranhão. A via ficou bloqueada por duas horas, e o ato marcou o início da primeira edição da Romaria Nacional do Cerrado, que reúne representantes de povos de pelo menos nove estados para denunciar os impactos do agronegócio no bioma. (mais…)

Ler Mais

Moradores do Horto e aliados realizam reunião estratégica para resistir à remoção

No RioOnWatch

Na segunda-feira, 25 de setembro, um grupo de moradores do Horto, Vila Hípica e Rio das Pedras, representantes da assembléia legislativa, e apoiadores da sociedade civil reuniram-se na Pastoral das Favelas para discutir as ameaças de remoção enfrentadas por estes bairros. Conforme consta no convite da Associação dos Moradores e Amigos do Horto (AMAHOR) para o evento, o objetivo da reunião era “debater uma intervenção imediata contra as remoções que paralise as remoções, até que tenhamos uma alternativa social adequada, nos moldes da legislação vigente na Constituição Federal, Estatuto das Cidades, Lei Orgânica do Município e Plano Diretor do Município do Rio de Janeiro”.  O debate focou na importância de construir uma frente unida e fortalecer a ação legal para prevenir as remoções. (mais…)

Ler Mais

Cortes na Ciência ameaçam o futuro do Brasil, dizem ganhadores do Nobel

Carta enviada a Temer traz assinatura de 23 ganhadores do prêmio; mesmo argumento está em outro texto, enviado por 250 pesquisadores da área de Matemática

Herton Escobar, O Estado de S.Paulo

Os cortes orçamentários em Ciência e Tecnologia “comprometem seriamente o futuro do Brasil” e precisam ser revistos “antes que seja tarde demais”, segundo um grupo de 23 ganhadores do Prêmio Nobel, que enviou nesta sexta-feira, 29, uma carta ao presidente Michel Temer, recomendando mudanças na postura do governo com relação ao setor. (mais…)

Ler Mais

Caiuá, a ONG de R$ 2 bilhões que se tornou dona da saúde indígena no Brasil

Maurício Angelo, The Intercept Brasil

Convênios bilionários mantidos à custa de influência política, relações suspeitas com a Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), acusações de suborno de lideranças indígenas, denúncias de assédio moral e ameaças a funcionários da instituição. É assim que a Missão Evangélica Caiuá, sediada na zona rural de Dourados (MS) tornou-se dona da saúde indígena no Brasil, recebendo mais de R$ 2 bilhões do governo federal entre 2012 e 2017. A rede de atuação da entidade está na mira do Ministério Público, do Tribunal de Contas da União, do Ministério Público do Trabalho e da Polícia Federal. (mais…)

Ler Mais

Sob ameaça, Comissão da Anistia sofre intervenção do governo Temer

Movimentos de direitos humanos organizam abaixo-assinado contra reprovação de pedidos de reparação a vítimas da ditadura

Norma Odara, Brasil de Fato

Movimentos populares, entidades e cidadãos que defendem os direitos humanos estão organizando um abaixo-assinado para evitar o fim da Comissão de Anistia. Nos últimos meses, o governo do presidente golpista, Michel Temer (PMDB), vem realizando intervenções nas decisões da comissão, fato nunca ocorrido antes. (mais…)

Ler Mais

Renovação Liberal: a associação familiar para onde vai o dinheiro do MBL

Renan Santos, um dos líderes do grupo, e seus irmãos são os associados da entidade que controla os recursos e as doações ao movimento. Família Santos é ré em 125 processos

Vinícius Segalla, Marina Rossi e Felipe Betim, El País Brasil

O Movimento Brasil Livre (MBL), que surgiu em 2014 carregando a bandeira do impeachment da ex-presidenta Dilma Rousseff e do combate intransigente à corrupção, se autodenomina uma entidade sem fins lucrativos, segundo consta em sua página no Facebook. Porém, há um lado nebuloso sobre como se organiza e se mantém financeiramente este movimento, que conta com 2,5 milhões de fãs em seu perfil na rede social. Todos os recursos que recebe por meio de doações, vendas de produtos e filiações são destinados a uma “associação privada” — como consta no site da Receita Federal — , chamada Movimento Renovação Liberal (MRL), registrada em nome de quatro pessoas, sendo três deles irmãos de uma mesma família: Alexandre, Stephanie e Renan Santos. Este último é um dos coordenadores nacionais do MBL e um dos rostos mais conhecidos do grupo. (mais…)

Ler Mais

ANVISA proíbe o uso do agrotóxico paraquate; medida só valerá daqui 3 anos

Nos melhores casos, o contato com o veneno leva à morte rápida. Nos piores, leva à fibrose pulmonar e morte lenta

Leonardo Melgarejo*, Brasil de Fato

Neste mês, após 9 anos de análise, a ANVISA emitiu parecer sobre o paraquate (mais conhecido como gramoxone). Vai proibir seu uso no Brasil, daqui a três anos, porque agora reconhece que se trata de veneno mortal e sem antídotos, que é absorvido pela pele, pela respiração e, é claro, pela boca através dos alimentos produzidos com seu uso. (mais…)

Ler Mais