‘Cana é o 28° estado da federação. O mais rico, que manda no Brasil’

Segundo Ângelo Cavalcante, professor de Economia na Universidade Estadual de Goiás, o Brasil é governado por um “oligopólio de canavieiros isento de impostos, que despeja agrotóxicos 24 horas por dia”

por Redação RBA

São Paulo – A cultura da cana, que se espalha por regiões fronteiriças dos estados do Paraná, Mato Grosso do Sul, Goiás, São Paulo e Minas Gerais, isenta de impostos, destruindo ecossistemas, sugando as águas do Aquífero Guarani, ganha contornos e já se configura como o 28º estado da federação. (mais…)

Ler Mais

Nota de apoio do MPBA à promotora de Justiça Lívia Maria Santana e Sant’Anna Vaz

MP BA

O Ministério Público do Estado da Bahia manifesta seu apoio irrestrito à promotora de Justiça Lívia Maria Santana e Sant’Anna Vaz, coordenadora dos Grupos de Atuação Especial de Defesa da Mulher e da População LGBT (GEDEM) e de Proteção dos Direitos Humanos e Combate à Discriminação (GEDHDIS), que vem sofrendo duros ataques pessoais, com ofensas e ameaças, em virtude de sua atuação. A Instituição afirma a sua convicção na eficiência e lisura do trabalho que a promotora realiza no enfrentamento a injustiças históricas e práticas desrespeitosas sofridas especialmente por mulheres, homossexuais, negros, comunidades religiosas de matrizes africanas e grupos sociais oprimidos. (mais…)

Ler Mais

Após polêmica sobre salário, ministra dos Direitos Humanos diz que é “pobre”

Luislinda Valois é desembargadora aposentada e ganha o teto salarial permitido pela Constituição, de R$ 33,7 mil

Por Estadão, no GaúchaZH

Após a polêmica envolvendo seu salário, a ministra dos Direitos Humanos, Luislinda Valois (PSDB), afirmou nesta segunda-feira (13) que é “preta, pobre e da periferia”. A declaração foi feita em discurso, ao lado do presidente Michel Temer, na cerimônia de lançamento do Programa Emergencial de Ações Sociais para o Estado do Rio de Janeiro e Municípios. (mais…)

Ler Mais

Pó preto: MPF/ES e MPES firmam termo de compromisso ambiental preliminar com Vale e Arcelor Mittal

Empresa pública de São Paulo será contratada para realização de perícias, a fim de mostrar metodologia mais adequada para redução da poluição atmosférica na Grande Vitória

Ministério Público Federal no Espírito Santo

Os Ministérios Públicos Federal (MPF/ES) e do Espírito Santo (MPES) firmam, nesta segunda-feira (13), um Termo de Compromisso Ambiental Preliminar (TCAP) com a mineradora Vale e com a siderúrgica ArcelorMittal Tubarão. O objetivo é identificar a metodologia adequada para implantação de medidas de efetivo e célere controle de emissões de pó preto no ar da Grande Vitória. (mais…)

Ler Mais

O macartismo judicial avança: quem serão os próximos?

“Tu sabes,
conheces melhor do que eu
a velha história.
Na primeira noite eles se aproximam…”
(Eduardo Alves da Costa, Fragmento de “No Caminho com Maiakóvski”)

Por Carlos Eduardo Oliveira Dias , no Justificando

Os tempos no Brasil são obscuros. O hiato institucional, causado por um controvertido processo de afastamento da Presidenta da República, parece ter rompido também as fronteiras da civilidade, a ponto de permitir que um Governo sem legitimidade popular e sustentado por interesses aristocráticos, violasse flagrantemente os poucos avanços sociais de nossa combalida história. (mais…)

Ler Mais

Caso Mariana: Justiça Federal retoma andamento da ação penal

Pedido da defesa para que fossem anuladas as interceptações telefônicas foi indeferido

Ministério Público Federal em Minas Gerais

A Justiça Federal de Ponte Nova (MG) proferiu decisão nesta segunda-feira, 13/11, determinando a retomada do trâmite da Ação Penal nº 2725-15.2016.4.01.3822, que trata dos crimes decorrentes/causadores do rompimento da barragem de Fundão ocorrido em novembro de 2015 no município de Mariana (MG). (mais…)

Ler Mais

Eles não são santos. São os exterminadores do futuro. (O caso do oeste da Bahia)

Por Prof. Dr. Altair Sales Barbosa, nCaminhos do Cerrado

Vocês adultos que tiveram uma infância compartilhada com muitas plantas, que conheceram animais silvestres em liberdade, que saciaram muitas vezes suas sedes tomando com as próprias mãos as águas límpidas de um ribeirão ou mesmo refrescando nestes seus corpos saudáveis. Vocês que eram felizes e inventavam brincadeiras inspiradas nos rios, nas plantas, nos bichos e nos arco-íris, por que querem tirar de seus filhos e netos esta possibilidade? Por que querem deixar para as futuras gerações, uma terra estéril, envenenada e assolada por pestes incontroláveis? (mais…)

Ler Mais

Precarização: Reforma trabalhista entra em vigor para ‘baratear’ brasileiro

por André Barrocal, Carta Capital

A nova lei trabalhista, assinada em julho pelo presidente Michel Temer, entrou em vigor nesse sábado 11. É a mais profunda mudança no mercado de trabalho no País após oito décadas do legado de Getúlio Vargas, o criador da carteira profissional (1932), da Justiça do Trabalho (1941) e da CLT (1943). (mais…)

Ler Mais

Por que precisamos pensar sobre o fascismo?

Por Douglas Rodrigues Barros, no Justificando

Quando o renegado socialista Benito Mussolini encontrou a alcunha para uma prática que nasceu antes da metade do século XIX, com certeza não poderia prever que se desdobraria ao longo do século XX e encontraria expressão no século XXI.

Quando o nacionalismo crescente em todo mundo, a luta contra a ameaça fantasmática do comunismo, agora supostamente travestido de “ideologia de gênero”, e o discurso beligerante a favor da manutenção de relações patriarcais se expressam como tentativa de salvaguardar “os valores”, vicejam no solo social antigos horrores. (mais…)

Ler Mais