Vereadora Marielle Franco, do PSOL, é morta no Estácio

Parlamentar havia acabado de voltar de evento na Lapa quando criminosos encostaram em carro guiado por motorista e fizeram os disparos

Por O Dia

Rio – A vereadora Marielle Franco (Psol) foi assassinada a tiros, na noite desta quarta-feira, no Estácio, Centro do Rio. O motorista, que guiava o carro, também foi morto. Ele ainda não foi identificado. Marielle voltava de um evento na Rua dos Inválidos, na Lapa, quando um carro parou ao lado do veículo de seu motorista na Rua Joaquim Palhares, próximo ao metrô, e dois bandidos dispararam, fugindo em seguida. O veículo ficou com diversas marcas de tiro na lateral.  (mais…)

Ler Mais

Em Mariana, atingidos pela Samarco cobram direitos da Fundação Renova

No MAB

Atingidos pela Samarco Mariana vão até escritório da Fundação Renova buscar garantia de direitos. Cerca de 40 atingidos das comunidades de Paracatu de Baixo, Paracatu de Cima, Ponte do Gama, Pedras, Campinas e Barretos estiveram hoje, 14 de março, no escritório da Fundação Renova em Mariana para cobrar os prazos firmados pela empresa para garantia dos reassentamentos coletivos e familiares. (mais…)

Ler Mais

GCM agride professores municipais em protesto na Câmara de SP

Bombas de gás lacrimogênio foram lançadas e uma mulher foi espancada pela polícia

No Catraca Livre

A Guarda Civil Metropolitana (GCM) agrediu professores municipais durante o protesto realizado em frente à Câmara Municipal de São Paulo nesta quarta-feira, dia 14. Bombas de gás lacrimogênio foram lançadas e uma mulher foi espancada pela polícia, de acordo com relato da vereadora Sâmia Bomfim (PSOL). (mais…)

Ler Mais

Um dramático Fórum Social Mundial em Salvador

Por Ana Prestes*, no Vermelho

Considerando que em 2018 o FSM completa 17 anos de existência, podemos pensar que parte dos que hoje se organizam no MBL não tinham nascido ou ainda engatinhavam quando teve início o maior movimento mundial antissistema do então nascente século XXI. O ambiente latino-americano em que cresceram foi marcado por uma agenda que incorporava formulações produzidas ou projetadas no interior do FSM. (mais…)

Ler Mais

Conferência de Vigilância em Saúde é marcada por protestos contra o sucateamento da área

Assistentes sociais reafirmam discurso em defesa da saúde pública, universal, estatal e de qualidade

Por  CFESS, no blog Contra a Privatização da Saúde

Em uma conjuntura de graves retrocessos nas políticas sociais, ocupar os espaços públicos de debate e reivindicar o acesso a direitos previstos na Constituição Federal faz parte também do cotidiano de assistentes sociais. Realidade de toda a categoria, inclusive da grande parcela que trabalha na área da Saúde, seja nas esferas municipal, estadual ou federal. (mais…)

Ler Mais

MPMG ajuíza ação contra a Anglo American pedindo o bloqueio de R$ 10 milhões devido ao rompimento de mineroduto

No Ministério Público de Minas Gerais

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) ajuizou, nesta terça-feira, 13 de março, Ação Civil Pública contra a Anglo American Minério de Ferro Brasil S/A requerendo a adoção de medidas emergenciais pela empresa em virtude do rompimento do mineroduto Minas-Rio no município de Santo Antônio do Grama, na Zona da Mata mineira. O MPMG pede também o imediato bloqueio de R$ 10 milhões da mineradora. O objetivo é garantir a reparação e indenização dos danos sociais e ambientais causados. (mais…)

Ler Mais

Marcha de movimentos sociais dá início a Fórum Mundial em Salvador

É a primeira vez que evento é realizado no Nordeste; veja programação

Por Pedro Vilas Boas, Correio

O espaço entre o Campo Grande e a Praça Castro Alves ficou pequeno quando milhares de pessoas de diferentes cidades e movimentos sociais se reuniram na tarde desta terça-feira (13) para lutarem contra o racismo, a lgbtfobia, o machismo e outros tantos problemas sociais. E foi justamente essa união de propósitos em uma passeata que deu início à 13ª edição do Fórum Social Mundial, primeira vez realizada no Nordeste. (mais…)

Ler Mais

MPF quer demarcação imediata das terras indígenas Fulni-ô em Pernambuco

Índios esperam há mais de 20 anos por direito assegurado na Constituição de 1988

Procuradoria Regional da República da 5.ª Região

O Ministério Público Federal (MPF) na 5ª Região recorreu ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) e ao Supremo Tribunal Federal (STF) para que seja determinada a demarcação imediata das terras indígenas Fulni-ô em Pernambuco. Há mais de 20 anos, o grupo indígena aguarda, sem resposta, a identificação, delimitação e demarcação do território tradicionalmente ocupado por ele, no município de Águas Belas, no Agreste do estado. Os recursos foram ajuizados pelo procurador regional da República Marcos Antônio da Silva Costa. (mais…)

Ler Mais