Prisões autorizadas por Moro desarticularam agricultura familiar no PR; caso terminou em absolvições

Os agricultores foram absolvidos em sete das oito ações penais da operação Agro-Fantasma, por falta de provas

Por Daniel Giovanaz
Do Brasil de Fato / MST

Um ano antes de se tornar conhecido como “juiz da Lava Jato”, o nome de Sérgio Moro provocava calafrios em agricultores familiares do Paraná. Foi ele quem autorizou a prisão preventiva de 11 produtores rurais em 15 municípios do estado, durante as investigações da operação Agro-Fantasma. Os trabalhadores eram acusados de fraudes no Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), lançado pelo governo Lula (PT) em 2003. Os processos correm em segredo de justiça, e os juízes não estão autorizados a comentar casos em andamento, conforme a Lei Orgânica da Magistratura Nacional (Loman). (mais…)

Ler Mais

“Com educação e cultura é possível mudar essa realidade”, explica dirigente do MST

Fala aconteceu durante o 19º Encontro Estadual dos Educadores e Educadoras do MST na Bahia

Por Coletivo de Comunicação do MST na Bahia
Da Página do MST

Neste último sábado (28), durante o 19º Encontro Estadual dos Educadores e Educadoras do MST, foi abordada a questão das “Incidências do Agronegócio na Educação e Cultura”, com a proposta de mostrar como o capital tem agido de forma “sorrateira” ao se apropriar de políticas públicas e como tem “influenciado”, direta e indireta, a vida do povo brasileiro, especialmente dos camponeses. (mais…)

Ler Mais

Ocupação do MST no Paraná ganha prêmio por recuperação da Mata Atlântica

Prêmio Juliana Santilli reconhece prática que alia produção de alimentos e preservação ambiental

Por Julia Rohden

Do Brasil de Fato / MST

“Mato para nós não é problema, é solução” brinca o agricultor Jonas Souza. Ele integra uma das 20 famílias do acampamento José Lutzenberger, no município de Antonina. O acampamento ocupa parte da Área de Proteção Ambiental (APA) de Guaraqueçaba, no litoral norte do Paraná, e desde 2003 concilia a produção de alimentos livres de agrotóxicos – de couve à café – com a recuperação da Mata Atlântica. Por isso, a comunidade foi contemplada no prêmio Juliana Santilli, na categoria ampliação e conservação da agrobiodiversidade. A premiação acontecerá em 21 de novembro, em Brasília, e envolve a entrega de troféu, de selo de reconhecimento e apoio financeiro para intercâmbio de experiências. (mais…)

Ler Mais

Pistoleiros, policiais e pecuarista são condenados em Rondônia por morte de sem-terra e tentativas de assassinato

Em 31 de janeiro de 2016, após uma reintegração de posse no Acampamento Terra Nossa, em Rondônia, cinco membros do acampamento sofreram uma verdadeira caçada humana. Um jovem foi morto e encontrado carbonizado. Outro continua desaparecido até hoje. Desde então, várias testemunhas e lideranças foram mortas. Quase dois anos depois, os responsáveis foram levados ao Tribunal do Júri. Confira:

Por CPT Rondônia

O Tribunal do Júri da Comarca de Ariquemes, em Rondônia, que estava programado para o dia 15 de agosto de 2017, foi adiado para o dia 23 de outubro após a desistência de última hora do advogado de defesa de um dos acusados. A Sessão do Júri iniciou no dia 23 sob presidência do Juiz Alex Balmant, e acusação dos Promotores de Justiça Anderson Batista e Otávio Júnior, além da participação do Assistente de Acusação Fábio Dib, nomeado pela mãe de uma das vítimas, Ruan Hildebran Aguiar. (mais…)

Ler Mais

Derivados do cupuaçu e açaí são destaque em festival promovido por assentamento em Santarém (PA)

Incra

O Projeto de Assentamento Agroextrativista (PAE) Eixo Forte, localizado no município de Santarém (PA), realizará o sétimo festival com foco na produção neste ano. A comunidade Santa Maria sedia, nos dias 28 e 29 de outubro, a oitava edição do Festival do Cupuçaí, no qual serão comercializados derivados do cupuaçu e açaí – frutas cultivadas na própria comunidade -, como doces, sorvetes, tortas, licores e bombons. Em relação ao açaí, durante o festival, também haverá a venda em litro e porções menores. (mais…)

Ler Mais

Rondônia: Tribunal julga acusados de assassinatos de jovens camponeses

O Tribunal do Júri da Comarca de Ariquemes iniciou na manhã desta segunda-feira, 23 de outubro de 2017, julgamento sobre os assassinatos dos dois jovens sem-terra, Allysson Henrique Lopes e Ruan Hildebran Aguiar, e a tentativa de assassinato de outras três pessoas no Acampamento Terra Nossa, na Fazenda Tucumã, no município de Cujubim, em Rondônia, fatos que ocorreram no dia 31 de janeiro de 2016. Marcado inicialmente para o dia 15 de agosto deste ano, o julgamento foi adiado após a desistência de última hora de um dos advogados da defesa

CPT em Rondônia

São julgados pelo Tribunal do Júri sob acusação dos homicídios Sérgio Sussumu Suganuma e Paulo Iwakami (o japonês). Já Rivaldo de Souza (Neguinho), Moisés Ferreira de Souza (sargento Moisés) e Jonas Augusto dos Santos Silva (Augusto) são julgados por homicídios consumados (Alysson e Ruan) e três tentativas de homicídio contra vítimas do mesmo acampamento. (mais…)

Ler Mais

Governo promete descontigenciar orçamento da reforma agrária

Uma nova proposta orçamentária para 2018 deverá ser enviada ao Congresso Nacional com revisão de valores do orçamento para a reforma agrária e agricultura familiar

MST

Em reunião realizada em resposta às mobilizações da Jornada Unitária de Lutas de Outubro, os ministros da Casa Civil e Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Eliseu Padilha e Dyogo Oliveira afirmaram que o Governo Federal irá descontigenciar o orçamento da reforma agrária “para quase zero” ainda neste ano de 2017.  (mais…)

Ler Mais

Contra cortes na Reforma Agrária e por alimentação saudável, MST se mobiliza em Jornada Nacional

A Jornada Nacional de Lutas de Outubro já mobiliza cerca de dez mil militantes em nove estados e no Distrito Federal

Da Página do MST

Desde as primeiras horas desta segunda-feira (16), trabalhadores rurais organizados no Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) ocupam sedes do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e órgãos relacionados à política agrária, bem como latifúndios improdutivos em 9 estados e no Distrito Federal. (mais…)

Ler Mais

Ocupação em Goiás da início à Jornada Nacional em Defesa da Reforma Agrária

Cerca de 300 famílias Sem Terra ocuparam um latifúndio improdutivo em Cocalzinho, na madrugada deste domingo (15)

Da Página do MST

Cerca de 300 famílias do MST ocuparam um latifúndio improdutivo no município goiano de Cocalzinho. A ação ocorreu na madrugada deste domingo (15), e faz parte da Jornada Nacional do Campo em Defesa da Reforma Agrária, que busca denunciar a retirada de direitos dos trabalhadores do campo e exige a recomposição do orçamento destinado para a Reforma Agrária e para a Agricultura Familiar e Camponesa. (mais…)

Ler Mais