Nota do MST-RJ sobre ameaça de despejo do assentamento PDS Osvaldo de Oliveira (RJ)

Nota do MST do Rio de Janeiro sobre o despejo ilegal, em plena pandemia de Covid-19, de assentados do PDS Osvaldo de Oliveira, em Macaé (RJ)

No MST

Na tarde de ontem, dia 25 de novembro, a 8ª turma do TRF da 2ª região julgou por unanimidade (3 votos a zero) contra o recurso (embargos de declaração) que procurava impedir a reintegração de posse das 63 famílias do PDS Osvaldo de Oliveira, localizado em Macaé (RJ).

(mais…)

Ler Mais

Macaé (RJ): justiça decide por reintegração de posse de assentamento do MST

Movimento irá recorrer aos tribunais superiores; assentamento existe há 10 anos e é referência na produção agroecológica

Jaqueline Deister, Brasil de Fato

O Projeto de Desenvolvimento Sustentável (PDS) Osvaldo de Oliveira, organizado pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) em Macaé, no norte fluminense, perdeu o julgamento dos recursos do processo decisório que impediam a desapropriação do assentamento. A audiência foi virtual e ocorreu no início da tarde desta quarta-feira (25).

(mais…)

Ler Mais

Reintegração de posse retira ilegalmente famílias de seringal em Boca do Acre (AM)

Nove famílias, que viviam havia 17 anos na região do Seringal Igarapé Grande, próximo à BR-317, foram retiradas de suas moradias após cumprimento de decisão judicial. O Seringal está localizado no município de Boca do Acre, ao sul do Estado do Amazonas.

CPT

A área em litígio, no entanto, compreendia o lugar onde cinco, das nove famílias, viviam. Segundo informações locais, o proprietário que reivindica a posse da terra teria indicado ao oficial de justiça que todas famílias estavam na área onde deveria ocorrer a reintegração de posse.

(mais…)

Ler Mais

Brasil tem tudo para adotar a agroecologia como modelo na produção de alimentos

Para o professor e pesquisador Antônio Andrioli, desafio é construir conhecimento em favor da natureza, aliando ciência e conhecimento das comunidades rurais

Por Cida de Oliveira, em Rede Brasil Atual/MST

O Brasil tem tudo para fazer da agroecologia seu modelo hegemônico de produção de alimentos e torná-los saudáveis, sem o uso de agrotóxicos e, por isso, sem agredir o meio ambiente. A opinião é do professor do mestrado em agroecologia da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), Antônio Andrioli.

(mais…)

Ler Mais

Camponesas do MST partilham 6 toneladas de alimentos com mulheres da periferia de Londrina/PR

Ação envolveu oito acampamentos e assentamentos da região norte do estado e faz referência ao Dia Internacional de Combate à Violência Contra a Mulher, 25 de novembro.

Por Setor de Comunicação e Cultura MST/PR
Da Página do MST

A luta pelo fim da violência contra as mulheres aproximou camponesas do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e moradoras da periferia de Londrina, norte do Paraná, na manhã deste sábado (21). Mulheres acampadas e assentadas de oito comunidades da Reforma Agrária na região doaram 300 cestas de alimentos e artesanatos, totalizando cerca de seis toneladas.

(mais…)

Ler Mais

Camponesas do MST partilham 6 toneladas de alimentos com mulheres da periferia de Londrina/PR

Ação envolveu oito acampamentos e assentamentos da região norte do estado e faz referência ao Dia Internacional de Combate à Violência Contra a Mulher, 25 de novembro.

Por Setor de Comunicação e Cultura MST/PR, no MST

A luta pelo fim da violência contra as mulheres aproximou camponesas do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e moradoras da periferia de Londrina, norte do Paraná, na manhã deste sábado (21). Mulheres acampadas e assentadas de oito comunidades da Reforma Agrária na região doaram 300 cestas de alimentos e artesanatos, totalizando cerca de seis toneladas.

(mais…)

Ler Mais

RO: MPF pede que Incra libere recursos para vistoria técnica em terras da União

Terra pública no Sítio Beira Rio e arredores tem causado conflitos agrários no distrito de Nova Dimensão (RO)

Ministério Público Federal em Rondônia

O Ministério Público Federal (MPF) solicitou à presidência do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) a liberação dos recursos humanos e financeiros necessários para que a Superintendência Regional do Incra em Rondônia realize vistoria técnica em terras públicas, especificamente no imóvel Sítio Beira Rio e redondezas, em Nova Dimensão (RO).

(mais…)

Ler Mais

Em live sobre eleições, líderes do MST, Conaq e Coiab atacam distorções do Incra

Durante transmissão do De Olho nos Ruralistas, neste domingo, eles criticaram decisão do governo de titular assentamentos, em vez de priorizar reforma agrária, e reforçaram a importância das candidaturas quilombolas, indígenas e camponesas

Por Mariana Franco Ramos, em De Olho nos Ruralistas

Líderes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), da Coordenação Nacional de Articulação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas (Conaq) e da Coordenação das Organizações Indígenas da Amazônia Brasileira (Coiab) criticam a postura do governo Jair Bolsonaro de não demarcar territórios e, em paralelo, de defender a titulação de assentamentos, colocando em risco a reforma agrária.

(mais…)

Ler Mais

No Rio, Feira Estadual da Reforma Agrária Cícero Guedes chega a 12ª edição

Em novo formato para evitar aglomeração, Feira inicia no Armazém do Campo RJ e segue nas várias regionais do MST no estado

Por MST-RJ, da Página do MST

A Feira Estadual da Reforma Agrária Cícero Guedes se aproxima da sua 12ª edição no Rio de Janeiro. Em novo formato por causa da pandemia, a Feira ganha caráter itinerante e se inicia nos dias 4 e 5 de dezembro no Armazém do Campo RJ, localizado na Lapa. O lema “Reforma Agrária Popular para o Brasil não passar fome” traz para este ano os temas da agroecologia e da solidariedade. 

(mais…)

Ler Mais

Candidato a prefeito na Chapada dos Guimarães compra terreno da reforma agrária por R$ 10 mil

Apoiado pelo Japonês da Federal, Ricardo Sarmento (DEM) adquiriu a terra de um analfabeto surdo-mudo por meio de procuração, em 2001; propriedade fica em área que atraiu mansões e resorts e teve valorização de 3.900% em quase vinte anos

Por Priscilla Arroyo, no De Olho nos Ruralistas

A 67 quilômetros de Cuiabá, no lote 6 do assentamento PA Quilombo, legumes e hortaliças orgânicas poderiam ter sido produzidos por José de Lima Gregório, homem simples e analfabeto. Mas a agricultura camponesa não existe no local. A propriedade de seu José, de 15 hectares, foi vendida há dezenove anos para Ricardo Sarmento (DEM) – candidato à prefeitura da Chapada dos Guimarães (MT) – por R$ 10 mil, por meio de procuração.

(mais…)

Ler Mais