Resíduos de Brumadinho já matam os peixes do rio São Francisco

Dados da Fundação S.O.S. Mata Atlântica mostram que alguns trechos do Velho Chico já estão com água imprópria para uso da população; Concentração de ferro, manganês, cromo e cobre está acima dos limites permitidos por lei

Por Joana Oliveira, El País Brasil

Um dos maiores temores dos ambientalistas depois do rompimento da barragem da Vale Córrego do Feijão, em Brumadinho, no dia 25 de janeiro, concretizou-se: os rejeitos da barragem já contaminaram o rio São Francisco. Os dados recolhidos pela Fundação S.O.S. Mata Atlântica —que monitora o impacto ambiental da tragédia através de uma expedição pelo rio Paraopeba (afluente do Velho Chico)— mostram que alguns trechos do Alto São Francisco já estão com água imprópria para uso da população.

(mais…)

Ler Mais

Raposos, uma cidade que a mineração criou e destruiu

Município com prazo de validade: após escassez da mina da região, cidade se tornou um dormitório

Raíssa Lopes, Brasil de Fato

Camila Madeira é moradora de Raposos, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, mas não trabalha na cidade, assim como a maioria de seus familiares e dos mais de 15 mil habitantes de lá. “Meus primos estudam e trabalham fora, meus tios e a maior parte das pessoas. A gente depende muito de coisas que estão em outros municípios, até mesmo para atividades de lazer”, conta.

(mais…)

Ler Mais

Pobres pagam mais pela água do que ricos, afirma ONU

Em todo o mundo, pessoas pobres ou que sofrem discriminação social têm maior probabilidade de ter acesso limitado a água potável e saneamento adequado, afirma relatório da Unesco.

Na Deutsche Welle

A ONU divulgou nesta terça-feira (19/03) seu relatório mundial sobre o desenvolvimento dos recursos hídricos, que destacou que mais de 2 bilhões de pessoas não têm acesso a uma fonte adequada de água potável e que um número ainda maior, 4,3 bilhões, não têm saneamento básico.

(mais…)

Ler Mais

Expedição pelo rio Paraopeba não encontra água própria para consumo

A Fundação SOS Mata Atlântica seguiu o caminho da destruição causada pelo rompimento das barragens da Vale e classifica o resultado como “estarrecedor”

Por Redação Gallileu

Ainda vai levar muito tempo até que a dimensão dos estragos causados pelo rompimento das barragens da mineradora Vale em Brumadinho, em Minas Gerais. Os primeiros estudos, no entanto, já demonstram um cenário “estarrecedor”.

(mais…)

Ler Mais

MPF: mineração ilegal no Parque da Serra da Canastra vem assoreando rios e nascentes em Minas Gerais

Operação realizada nesta quarta-feira combate a extração clandestina de quartzito, que tem causado graves danos ambientais

Ministério Público Federal em Minas Gerais

Duzentos policiais federais estão cumprindo hoje (20), na região do Parque Nacional (Parna) da Serra da Canastra, na região central do estado de Minas Gerais (MG), 73 mandados de prisão (53 temporárias e 20 preventivas) e 67 mandados de busca e apreensão, expedidos pela Justiça Federal em Passos (MG). 

(mais…)

Ler Mais

Barragem de alto risco é vetada pelos vereadores de Pedreira, no interior paulista

Em primeira votação, Câmara aprovou projeto que disciplina a construção de barragens, por recear repetição de crimes ambientais como o da Vale. Na vizinha Amparo, Legislativo aprovou requerimento

por Cida de Oliveira, da RBA

Barragens de alto risco, com elevado potencial de perdas de vidas humanas e ambientais decorrentes de rompimento, muito próximas dos centros urbanos terão de ser revistas pelo governo de João Doria (PSDB) no município de Pedreira, na região de Campinas (SP). Ontem à noite (18), foram aprovados em primeira votação, por unanimidade, os Projetos de Lei (PL) 20, 21 e 22/19, que regulamentam a construção de barragens de água.

(mais…)

Ler Mais

Dessalinizar os cérebros

Roberto Malvezzi, conhecido como Gogó, explica, neste artigo, que a técnica de dessalinização da água, prometida pelo novo governo federal, é algo já presente no Semiárido brasileiro.  “Os técnicos e cientistas da Embrapa Semiárido e universidades nordestinas há décadas fazem intercâmbio com Israel. Portanto, não é novidade”. Confira:

Por Roberto Malvezzi – Gogó*, em CPT

A técnica de dessalinização em pequenas unidades está espalhada pelo Semiárido brasileiro. Marina Silva, quando ministra do Meio Ambiente do governo Lula, criou o programa “Água Doce”, exatamente utilizando essa técnica.

(mais…)

Ler Mais

Rio Gramame: MPF recomenda que usinas preservem nascentes e olhos d’água na bacia que abastece João Pessoa (PB)

Objetivo é que empresas apresentem projetos de recuperação das áreas de preservação permanente de que são proprietárias ou de onde adquiram cana-de-açúcar

Procuradoria da República na Paraíba

O Ministério Público Federal (MPF), por meio da Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão, e o Ministério Público da Paraíba (MPPB) entregaram recomendações às usinas Tabu, Olho d’Água e Biosev-Giasa (segunda maior processadora de cana-de-açúcar do mundo) com vistas à preservação dos recursos ambientais das bacias dos rios Gramame e Abiaí, que abastecem a capital da Paraíba e região metropolitana. As recomendações, entregues na terça-feira (15), foram feitas no âmbito de inquéritos civis que apuram a poluição dos rios e os danos causados ao meio ambiente e a comunidades ribeirinhas. O rio Gramame é responsável por fornecer água para 70% da Região Metropolitana de João Pessoa.

(mais…)

Ler Mais