Sozinho e empesteado. Por Janio de Freitas

O isolamento que se prenuncia é o que Bolsonaro não percebe

Na Folha

A festa da direita está chegando ao fim. “O mundo se vira para a direita” veio a ser uma ideia que encobriu todo o planeta. E trouxe uma onda de voracidade material e prepotência antissocial projetadas como um ódio sem razão nem controle. Nada sugeria essa irrupção: os ricos continuavam se fazendo mais ricos, o fantasma do comunismo destruíra-se, as guerras eram o de sempre. Onde o desejo de menos injustiça social chegara ao poder, não houve um só caso de cobrança à riqueza particular por seu débito humanitário. No entanto, a onda veio, voraz e feroz, planejada por teorias econômicas forjadas (nos dois sentidos da palavra) onde maiores são a riqueza e seu poder.

(mais…)

Ler Mais

Chile nas ruas: Milhares cantam música de Víctor Jara, um dos artistas fuzilados pela ditadura Pinochet

Victor Jara, que foi preso, torturado, teve as duas mãos decepadas e foi fuzilado pela ditadura do general Augusto Pinochet, em 1973. Nas ruas de Santiago, milhares entoaram sua música El Derecho de Vivir en Paz

Na Fórum

A revolução popular que tem levado milhões de pessoas às ruas das cidades chilenas vem protagonizando cenas que ficarão marcadas na história. Nesta sexta-feira (25), milhares de pessoas acompanharam centas de violonistas que tocaram a música “El Derecho de Vivir en Paz”, do artista Victor Jara, que foi preso, torturado, teve as duas mãos decepadas e foi fuzilado pela ditadura do general Augusto Pinochet, em 1973.

Leia mais

Ler Mais

Chile Urgente: Piñera demite todo seu ministério e diz que vai encerrar estado de emergência

Com o país em convulsão social, Piñera pediu que todos os seus ministros renunciem e decretou fim do estado de emergência a partir da meia noite do domingo

Na Fórum

O presidente do Chile, Sebástian Piñera, anunciou neste sábado (26) que irá realizar uma reforma ministerial em seu governo e que possivelmente decretará o fim do estado de emergência que foi instaurado em diversas partes do país. Declaração foi feita durante transmissão ao vivo em suas redes sociais.

(mais…)

Ler Mais

O Chile se levanta. Por Jandira Feghali

Em Jandira Feghali

O Chile se levanta. Seu povo se insurge contra uma política que retira direitos e restringe o acesso aos serviços públicos, por muitos anos privatizados. Com coragem, os chilenos gritam: BASTA!

Mulheres e homens, estudantes, trabalhadoras e trabalhadores, crianças e idosos nas ruas protestam contra o descaso por parte de um governo autoritário, impopular e abusivo, que aprofunda uma agenda de desigualdade, que governa para o mercado e não para sua gente.
Declaram que não têm medo e lutarão por seu direito de ir e vir.

(mais…)

Ler Mais

A las organizaciones solidarias de todo el mundo: Ante el Terrorismo de Estado requerimos una misión internacional de observación de la situación de Derechos Humanos en Chile

Durante los últimos días hemos sido testigos de cómo la ciudadanía se ha levantado, inicialmente en Santiago, y luego a lo largo del país, para expresar su cansancio y malestar frente múltiples situaciones de injusticia, inequidad y marginación por parte del Estado y de las élites políticas y económicas que lo controlan.

(mais…)

Ler Mais

“Tudo no Chile é mercadoria, até a água”, explica historiador

Para pesquisador da ditadura chilena, críticas ao modelo neoliberal motivaram os protestos, que explodiram depois de reação autoritária de Piñera

Por Bruno Fonseca, Agência Pública

No Chile, foram os estudantes, uma vez mais, que deram a partida para as manifestações de rua. Após o aumento das passagens de metrô e ônibus no início de outubro, foram eles que começaram a pular as catracas para não pagar as tarifas, as chamadas evasiones masivas. A resposta do presidente Sebastián Piñera foi uma: repressão. Com cada vez mais policiais nas estações de metrô reprimindo os jovens, o “pulão de catraca” cresceu até explodir para manifestações que pararam Santiago e se espalharam o o resto do país.

(mais…)

Ler Mais

Não é só por 5 ml. Por Mauro Luis Iasi

Tudo começou com os loucos. Depois foram as crianças. Pouco antes da explosão tudo seguia normal.

No blog da Boitempo

Os mortos caminhavam, como sempre, de cabeça baixa. Saiam de suas casas ainda de madrugada pelas ruas frias e desertas até os pontos de ônibus, ou as estações de trem. Por serem cinzas como as manhas, ninguém os via. Translúcidos, espectrais, invisíveis.

(mais…)

Ler Mais

Memórias inspiradoras da luta pela terra. Por Gilvander Moreira[1]

Segundo Geralda Magela Fonseca – carinhosamente conhecida como Irmã Geraldinha -, cerca de 85% das famílias que vieram para o Acampamento Dom Luciano Mendes, no município de Salto da Divisa, na região do Baixo Jequitinhonha, MG, eram atingidas/massacradas pela barragem de Itapebi. De fato, grandes obras de infraestrutura que viabilizam o sistema do capital, entre as quais, as grandes barragens, têm gerado conflitos agrários e socioambientais, expropriação de terra dos camponeses e, consequentemente luta pela terra.

(mais…)

Ler Mais

Comunicado Público de organizações e movimentos sociais do Chile

Via Paula Urzua Taleikis

Chile enfrenta la mayor crisis política y social desde la salida de la dictadura militar. El estallido social detonado por las alzas de la locomoción colectiva a puesto en evidencia la rabia contenida y el descontento por las políticas impulsadas en las últimas décadas, alzas permanentes de los servicios básicos, los estancados salarios y la mercantilización de los derechos sociales entre otras.

(mais…)

Ler Mais