Em Brasília, encontro discute direitos humanos dos povos do campo, das águas e das florestas

Na abertura do evento, Ayala Ferreira, da direção nacional do MST, falou sobre os atuais desafios enfrentados pela classe trabalhadora

Por Webert da Cruz, da Página do MST*

Compreender os desafios do atual contexto político e criar estratégias de fortalecimento da base da classe trabalhadora para enfrentamento de retrocessos de direitos são alguns dos objetivos do Encontro Nacional dos Direitos Humanos dos Povos do Campo, das Águas e das Florestas que acontece de 20 a 22 de junho, em Brasília. Reunidos na Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag), o evento integra também o II Encontro dos Estudantes, Professores(as), Advogados(as) e Dirigentes da Via Campesina e Movimento Sindical da Agricultura Familiar.  (mais…)

Ler Mais

Mujeres rurales al rescate de la riqueza alimentaria de América Latina y el Caribe

Iniciativa Saberes y sabores busca valorar los emprendimientos y cultura alimentaria de las mujeres de la región.

Da FAO

El café del desayuno. El ceviche de pescado, la ensalada de quinua, las arepas y empanadas de la cena. El trocito de chocolate con que uno se premia tras un día difícil: detrás de cada uno de esos esos sabores hay un saber latinoamericano. (mais…)

Ler Mais

Luta que emancipa. Por Gilvander Moreira[1]

No Brasil, as classes trabalhadora e camponesa lutam muito. Que tipo de luta pode ser emancipatória? Por luta não nos referimos à luta diária individual e familiar para sobreviver de um/a trabalhador/a que recebe mensalmente apenas um salário mínimo, ou batalhando na economia informal como camelô ou fazendo bicos. É óbvio que esse tipo de luta é necessária e imprescindível para a sobrevivência de grande parte da classe trabalhadora. Não tratamos também de luta individualista na escalada de competição que o sistema capitalista desencadeia e fomenta aos quatro ventos: luta para entrar em uma universidade, luta de uma pessoa para ser aprovada em um concurso público, luta para se tornar um/a empreendedor/a, luta para enriquecer e se tornar uma pessoa opressora, às vezes ou muitas vezes, sem ter intenção deliberada de oprimir. Enfim, não é luta como trabalho no sentido de doulos, trabalho análogo à situação de escravidão. (mais…)

Ler Mais

Especial “Trilogia da Terra”: Filmes de Tetê Moraes debatem a reforma agrária no Brasil

Programação inclui curta-metragem inédito sobre o legado das ocupações

Por Canal Brasil/MST

A cineasta Tetê Moraes deu início, em 1985, a uma trilogia de obras sobre a ocupação por parte de militantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) da Fazenda Annoni, no Rio Grande do Sul. Nascia, nos campos do sul do país, a primeira luta da organização em prol da reforma agrária e da democratização do acesso à terra. (mais…)

Ler Mais

Sobre o “pacto pela democracia”. Por Luís Felipe Miguel

Do Facebook

Nem estava com ânimo de falar sobre o tal “pacto pela democracia”. Bate tristeza ver que tantas organizações com trajetórias em geral vinculadas à esquerda foram seduzidas por algo tão hipócrita. Eu me pergunto o que pessoas como Sâmia Bonfim e Eduardo Suplicy estavam fazendo no lançamento da coisa, junto de gente do PSDB, do Novo, do PPS, da Rede. Deve ser a velha tentação de mostrar que “sou de esquerda, mas sou limpinho”. (mais…)

Ler Mais

Canaã dos Carajás: Há mais de três anos cerca de 700 famílias pelejam em defesa de seus territórios contra a Vale

Em O Furo

Nos acampamentos de ocupações de terras no campo encontramos pessoas e famílias  naturais de diversos Estados, de crianças a idosos, de diversos credos e religiões, com as mais diversas experiências e trajetórias, na sua maioria carregam a marca deixada pela opressão, dominação, espoliação e exploração. (mais…)

Ler Mais

Após protestos e pressão, analista ambiental é nomeado para presidência do ICMBio

Servidores e MPF manifestaram-se contra indicação de político

Por Letycia Bond – Repórter da Agência Brasil

O governo nomeou o analista ambiental Paulo Henrique Marostegan e Carneiro para a presidência do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), que é responsável pela guarda de 333 unidades de conservação federais. A nomeação foi publicada hoje (15) no Diário Oficial da União. (mais…)

Ler Mais

Cinco anos das Jornadas de Junho: um legado em disputa

Para analistas, insatisfação popular que eclodiu em junho de 2013 permanece presente em movimentos como o de ocupações de escolas por secundaristas e na paralisação dos caminhoneiros no final de maio. Para eles, desafio é se apropriar desses movimentos para frear a onda conservadora

André Antunes – EPSJV/Fiocruz

O dia 13 de junho de 2013 foi um marco importante para um movimento que entraria para a história como a maior mobilização de massas dos últimos 20 anos no Brasil, as Jornadas de Junho. Nesse dia, na esquina das ruas Maria Antônia e Consolação, em São Paulo, um protesto organizado pelo Movimento Passe Livre (MPL) contra o aumento da tarifa de ônibus na capital paulista que reuniu cerca de 5 mil pessoas foi reprimido brutalmente pela Polícia Militar. O saldo: mais de uma centena de feridos e 240 pessoas detidas pela polícia.  A violência vitimou inclusive jornalistas que faziam a cobertura do ato, como o fotógrafo Sergio Silva, que perdeu a visão no olho esquerdo depois de ser atingido por uma bala de borracha. As imagens da brutalidade policial em São Paulo circularam o país, gerando uma onda de repúdio. (mais…)

Ler Mais

Da invasão de terra para matar à ocupação de terra para viver, por Jacques Távora Alfonsin

No Sul21

Os “conflitos no campo Brasil” é uma publicação anual da CPT (Comissão Pastoral da Terra), que já recebeu a edição crítica de tudo quanto, sobre essa realidade, aconteceu em 2017, com levantamento detalhado e preciso dos dados relativos ao número de vítimas desses conflitos. No Rio Grande do Sul, o livro onde aparecem os números  relativos a essa verdadeira guerra, vai ser lançado em Nova Santa Rita, no dia 18 deste junho, às 19:30 horas, na Câmara de Vereadores do município de Nova Santa Rita, Rua Dr. Lourenço Záccaro, 1310, centro. (mais…)

Ler Mais