Qual pergunta você faria a Temer se pudesse?, por Leonardo Sakamoto

No blog do Sakamoto

Michel Temer vai responder às 50 perguntas encaminhadas pela Polícia Federal sobre o inquérito sobre o suposto esquema de corrupção no porto de Santos. No ano passado, ele havia ignorado outras 82 indagações feitas pela PF no inquérito que o acusou de corrupção passiva, obstrução de Justiça e organização criminosa no caso que envolveu os donos do JBS.

Na torcida de que ele esteja de bom humor, encaminho 30 questões que me vieram à cabeça e que gostaria que ele respondesse também: (mais…)

Ler Mais

CPT Nordeste 2: Balanço da questão agrária brasileira em 2017

A Comissão Pastoral da Terra – Regional Nordeste 2 divulga o balanço da questão agrária no Brasil em 2017. Confira a análise na íntegra:

***

O ano de 2017 começou e terminou sangrento. O contexto vivido pelos povos da Terra, das Águas e das Florestas exigiu teimosia, resistência e questionamento sobre o papel do Estado e do modelo de desenvolvimento. Também foi preciso muita reflexão e mobilização para superar as formas viciadas e distorcidas de construção de poder. (mais…)

Ler Mais

“Ver o racismo como um ‘problema dos negros’ é um privilégio dos brancos”

Por , no The Intercept Brasil

O Brasil está longe de ser uma democracia racial, como inúmeros fatos demonstraram ao longo de 2017. A demissão do apresentador William Waack, da TV Globo, depois de dizer que uma buzina insistente era  “coisa de preto”, uma festa em que secundaristas se fantasiaram de faxineiras e entregadores de pizza, a fala do ministro Luís Roberto Barroso sobre Joaquim Barbosa ser um “negro de primeira linha”, os novos ataques online sofridos por personalidades como a atriz Taís Araújo, a apresentadora Maria Júlia Coutinho e a Miss Brasil 2017, Monalysa Alcântara, entre outros, ampliaram o debate sobre o tema. Os brancos, porém, pouco discutiram sobre seu papel nessa história. (mais…)

Ler Mais

“Cracolândia acabou”, disse prefeito. Mas ela segue apanhando da PM em SP, por Leonardo Sakamoto

No blog do Sakamoto

Sabe qual o grande problema do Brasil? Os malditos fatos – esses rebeldes transgressores – cismam em não obedecer aos discursos dos políticos.

Em maio do ano passado, a administração da capital paulista e o governo de São Paulo baixaram a porrada nos usuários de psicoativos na região da Luz, demolindo até imóvel com gente dentro, sob o pretexto de acabar com o fluxo de venda e consumo de drogas. Afinal, primeiro a Cidade Linda, depois a Dignidade Humana. (mais…)

Ler Mais

Assédio é sobre poder, não é sobre sexo

Tem gente da esquerda que prefere alinhar o discurso à direita mais tacanha a dar a mão para a companheira feminista

Por Camila Kfouri, no Nocaute

A gente fala tanto em união das esquerdas, prega tanto que a esquerda tem que se repensar, se juntar, nas esferas partidárias e institucionais, e a gente esquece que nem nas micro políticas do cotidiano a gente têm conseguido construir consenso. Nesse momento, por exemplo, tem muito coleguinha de esquerda preferindo alinhar o seu discurso ao da direita mais tacanha a dar a mão para a companheira feminista. (mais…)

Ler Mais

A tribo indígena que está sendo dizimada por uma epidemia de HIV

Por 

Há uma comunidade indígena da etnia warao que não tem mais homens. Todos morreram. E as mulheres do grupo que sobreviveram estão isoladas. Ninguém quer se casar com elas. Acredita-se, entre os warao, que foram amaldiçoadas.

Mas, na verdade, os homens dessa tribo venezuelana morreram em decorrência dos problemas causados pelo vírus HIV, causador da AIDS. “Há uma prevalência de 10% de infectados em algumas comunidades. Nas pequenas, quase todos os homens entre 16 e 23 anos têm HIV”, afirma o médico holandês Jacobus de Waard, do Instituto de Biomedicina da Universidade Central da Venezuela, que trata dos warao desde 1993. (mais…)

Ler Mais

Família negra é atacada com escritos racistas na própria casa em Ribeirão das Neves, MG

Por Maria Eliza, no Esquerda Diário

“Senzala”, “voltem para a África” e “negrões imundos” foi o que o racismo vem escrevendo, há três meses, no muro da casa de uma família negra em Ribeirão das Neves, região metropolitana de Belo Horizonte. O último ataque, escrito nessa quinta feira, 11, diz “escravos à venda”.

Vizinhos da família estão organizando uma manifestação nesse sábado, dia 13 às 19 horas, em apoio às vítimas, repúdio a esse asqueroso acontecimento e cobrando providências dos órgãos públicos. Uma das vítimas, Ivan, fez o boletim de ocorrência, segundo o site Ribeirão das Neves.net. (mais…)

Ler Mais

“Prenderam o assassino, mas não os mandantes do crime”, dizem lideranças Xokleng

Comunidade está revoltada porque teve que fazer um protesto para prenderem o assassino dentro da casa dele, onde estava parado há vários dias, diz presidente dos caciques Tucun Gakran. Para lideranças, Lideranças Xokleng, prisão do homem que matou o educador Marcondes Namblá a pauladas não deve encerrar as investigações. Versão da polícia para o crime como assassinato comum por “motivo fútil” revolta o povo indígena.

Por Raquel Wandelli, no Jornalistas Livres

As aldeias da reserva de José Boiteux estão recebendo a notícia da prisão do assassino do juiz da Terra Indígena Xokleng Laklãnõ, Marcondes Namblá, morto a pauladas na virada do Ano Novo, no Litoral Norte de Santa Catarina, num misto de dor, alívio e indignação. Passados 12 dias do assassinato, a Polícia Civil prendeu hoje (12/1), às 8h30min, Gilmar César de Lima, identificado pelas câmeras de vigilância como autor do espancamento que levou à morte cerebral Marcondes Namblá, 38 anos, pai de cinco filhos, educador da última reserva Xokleng do Brasil e a única no Planeta. Gilmar, 23 anos foi detido e algemado na casa de familiares em Gaspar, no Vale do Itajái, de onde era natural, oito dias após ter sido expedido o seu mandado de prisão (4/1), o segundo contra ele que já tinha cometido um crime anterior de tentativa de homicídio qualificado. (mais…)

Ler Mais