Falta água e presença do Estado: coronavírus aprofunda desigualdades estruturais nas periferias

Por Débora Britto, em Marco Zero

Uma das principais recomendações para prevenção ao coronavírus é lavar as mãos, mas para quem vive em locais em que água na torneira é o evento da semana, não é tão simples. Apesar de em Pernambuco a Companhia de Saneamento (Compesa) estar proibida de cortar a água de quem está inadimplente e ter anunciado medidas para minimizar o déficit estrutural de fornecimento em várias regiões, diversos bairros e comunidades relatam que continuam vivendo uma realidade de intenso racionamento.

(mais…)

Ler Mais

O que pensam os juízes que estão soltando presos em meio à pandemia

O anúncio do Depen de que 30 mil presos foram beneficiados por recomendação do Conselho Nacional da Justiça assustou parte da população, mas juízes ouvidos pela Pública levam em conta os riscos para sociedade e para a saúde coletiva

Por Julia Dolce, Agência Pública

Nesta terça-feira (7) completam-se três semanas desde que o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) publicou sua Recomendação nº 62, trazendo medidas para a contenção do avanço da pandemia do novo coronavírus no sistema carcerário brasileiro. Desde então, a Covid-19 avançou pelo Brasil, infectando milhares de pessoas em todos os estados e causando as primeiras centenas de mortes no país – não matou apenas no Acre e Tocantins. Ao mesmo tempo em que a necessidade do isolamento tornou-se evidente para grande parte dos brasileiros, decisões tomadas com o intuito de preservar a saúde da população carcerária têm alarmado a população.

(mais…)

Ler Mais

Quando as máscaras caem: política, religiosidade e desavenças entre parentes. Por Gilvander Moreira*

Quem é minha mãe e meus irmãos?” (Mc 3,33), perguntou Jesus Cristo em plena missão no meio do povo. Jesus também brigou com parentes? Desde a última campanha eleitoral, temos ouvido falar de briga entre parentes, em grupos de família no WhatsApp, via telefone ou presencialmente. Como resultado destes embates, parentes se afastam, saem dos grupos de WhatsApp, porque discordam de posturas uns dos outros.  A evolução tecnológica colocou celulares nas mãos da maioria da população. Com isso a comunicação virtual se acelerou e possibilitou revelar o que há de bom nas pessoas, mas também o que há de pior e execrável. Hoje em dia é cada vez mais raro ouvir falar sobre um grupo de família no WhatsApp em que não tenha ocorrido chateação e discórdia entre parentes. Para além do grupo, muitos se bloqueiam definitivamente. 

(mais…)

Ler Mais

Governo estrangula (ainda mais) Ciência brasileira

Em todo o mundo, a busca pela vacina ao coronavírus. No Brasil, mais desmonte: governo atinge as pesquisas da Capes, precarizando-as, e elitiza a carreira científica. Mais bolsas serão cortadas — só ano passado, foram 8 mil

por Flávia Calé em entrevista a Rôney Rodrigues, no OP Entrevista / Outras Palavras

Em meio à pandemia de coronavírus, o mundo corre em busca de vacina ou medicamento para frear o avanço do vírus que já matou mais de 70 mil pessoas. Já no Brasil, a linha de frente da pesquisa científica divide esses esforços com o receio de perder bolsas, em muitos casos a única fonte de renda para o pesquisador.

(mais…)

Ler Mais

O dia em que Bolsonaro latiu mas não mordeu

História de uma não-demissão. Com o país entregue à pandemia, presidente perde-se em intrigas palacianas, vê governo dividido ao meio e não consegue afastar Mandetta. Leia também: empresários liberdade eterna para demitir e cortar

Por Maíra Mathias e Raquel Torres, em Outra Saúde

BOLSONARO: O MITO DA CAVERNA

A segunda-feira começou com um telefonema: o deputado federal Osmar Terra (MDB-RS) ligou para um aliado político de seu partido, o governador do Distrito Federal Ibaneis Rocha, para dar “conselhos” sobre a epidemia de covid-19. A ligação acendeu o radar de quem ficou sabendo dela. Depois de ameaçar “usar a caneta” contra Luiz Henrique Mandetta, o presidente Jair Bolsonaro teria autorizado Terra a falar em nome do governo.

(mais…)

Ler Mais

PFDC aponta que Ministério da Saúde é a instância competente para deliberar sobre medidas essenciais no contexto da pandemia

Posicionamento foi encaminhado a órgãos do MPF em todo o país para orientar atuação quanto a espaço de deliberação de estados e municípios

A Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão (PFDC/MPF) encaminhou nesta segunda-feira (6) a membros do Ministério Público Federal (MPF) que atuam no campo da cidadania em todo o país uma nota técnica com parâmetros para orientar a atuação do órgão no que se refere ao espaço de deliberação de estados e municípios quanto a restrições em atividades não essenciais frente à epidemia do novo coranavírus (covid-19) no Brasil. O documento assenta que os gestores locais não estão autorizados a adotar quaisquer medidas que, de algum modo, causem impacto no isolamento social recomendado pelo Ministério da Saúde e pela Organização Mundial da Saúde (OMS) no contexto de enfrentamento da covid-19. Significa dizer que a eles tampouco é permitido determinar o funcionamento daquilo que não é serviço ou atividade essencial.

(mais…)

Ler Mais

MPF processa governo federal por discursos contraditórios sobre as medidas contra a pandemia de covid-19

Ação enumera consequências das falas do presidente contra isolamento social, como afrouxamento das regras em 16 municípios paraenses

Ministério Público Federal no Pará

O Ministério Público Federal (MPF) iniciou ação na Justiça Federal em Belém pedindo que o governo brasileiro seja obrigado a seguir o regramento legal estabelecido no país para o enfrentamento da pandemia do novo coronavírus e se abstenha de emitir discursos e informações falsas que enfraqueçam o isolamento social necessário para reduzir a velocidade de contágio da covid-19. “A União, por meio de seu representante máximo, o presidente da República, não pode expor a risco o direito à saúde das pessoas, expor toda a sociedade a risco, recomendando a retomada das atividades cotidianas, a reabertura dos comércios etc, diante da pandemia da covid-19, contrariando todas as evidências científicas que apontam em sentido contrário”, dizem os 20 procuradores da República que assinam a ação.

(mais…)

Ler Mais

Safatle: “Bolsonaro se acha capaz de esconder os corpos”

Em entrevista à Pública, o filósofo Vladimir Safatle afirma que, no Brasil, combate à pandemia passa por uma “mobilização de forma horizontal” da população em direção ao impeachment do presidente

Por Marina Amaral, Agência Pública

O Estado brasileiro tem todas as condições para lidar com a crise do coronavírus, protegendo a população. Mas o Brasil não tem como enfrentar a pandemia com Jair Bolsonaro na presidência do país. Para o filósofo Vladimir Safatle, professor livre-docente da Universidade de São Paulo, o presidente “potencializa a crise” ao travar e desarticular as medidas de combate à epidemia e proteção às pessoas, o que deve motivar a maioria da população a se mobilizar “de forma horizontal” pelo impeachment do presidente.

(mais…)

Ler Mais

Ministério da Saúde adverte: falta tudo contra a pandemia

País não tem leitos, equipamentos de proteção nem profissionais experientes. Cinco estados estão entrando em fase de “aceleração descontrolada” da covid-19. Leia também: o desastre econômico e social à vista

Por Maíra Mathias e Raquel Torres, em Outra Saúde

“ACELERAÇÃO DESCONTROLADA”

Ao contrário dos boletins anteriores do Ministério da Saúde, o que foi divulgado na sexta à noite é uma edição especial e traz a avaliação de risco da Pasta sobre o coronavírus. Diz com todas as letras o que já vem sendo objeto de preocupação há muito tempo: nos hospitais faltam leitos, equipamentos de proteção individual, respiradores e ainda profissionais capacitados para o manejo clínico de pacientes graves. Na atenção básica, faltam trabalhadores treinados para lidar com casos leves.

(mais…)

Ler Mais