Neste sábado (8), organizações lançam plataforma unitária em defesa da soberania nacional e dos bens da natureza

Evento é parte da programação do Seminário Terra e Território: Diversidade e Lutas que acontece na Escola Nacional Florestan Fernandes, em Guararema

Da Página do MST

Um grande ato político marcado para a tarde deste sábado (8), que contará com a presença do ex-candidato à presidência Fernando Haddad, encerra as programações do Seminário Terra e Território: Diversidade e Lutas.

A atividade – que reúne mais de 50 organizações, entre movimentos populares, partidos políticos, ambientalistas, pesquisadores, intelectuais, indígenas, quilombolas e artistas -, tem o objetivo de propor o alinhamento político acerca da terra e do território no Brasil.

Segundo João Pedro Stedile, da coordenação nacional do MST: “O Seminário Terra e Território é o encontro de todos que lutam pelo meio ambiente, a agricultura e a natureza. O objetivo é a unidade de reflexão e programática sobre o Brasil”.

No sábado a programação do Seminário conta com o lançamento de uma plataforma unitária que terá como objetivo central a defesa da soberania nacional e dos bens da natureza, será divulgada a “Carta da Terra”, um documento-síntese construído durante os dias de debate que trará um posicionamento político e uma agenda que serão apresentadas para a sociedade.

Além dos participantes do seminário e de Haddad, estão confirmadas as presenças de parlamentares e artistas.

Serviço:

Ato político de encerramento do Seminário Terra e Território: Diversidade e Lutas
Data: 8/06
Horário: 14h  (com transmissão ao vivo pela página do Brasil de Fato no Facebook)
Local: Escola Nacional Florestan Fernandes (ENFF)

Deixe uma resposta

O comentário deve ter seu nome e sobrenome. O e-mail é necessário, mas não será publicado.

16 + treze =