Bispos da Amazônia pedem retirada da PL da Grilagem em carta a Rodrigo Pacheco

Projeto permite que territórios públicos desmatados se tornem propriedade de quem os ocupou

Redação Brasil de Fato

Cerca de 60 bispos da Igreja Católica na Amazônia enviaram uma carta ao presidente do Senado Federal, Rodrigo Pacheco (DEM/MG), pedindo a retirada de pauta do Projeto de Lei 510/2021, mais conhecido como PL da Grilagem, que altera as regras de regularização fundiária de terras da união, permitindo que territórios públicos desmatados se tornem propriedade de quem os ocupou.

(mais…)

Ler Mais

Em carta ao Senado, bispos da Amazônia pedem a retirada de tramitação do PL da Grilagem

A nota pública assinada por mais de 60 bispos da região afirma que medida terá maior impacto na Amazônia

REPAM / Cimi

Os bispos da Amazônia entregaram ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, nesta terça-feira (4), por meio da presidência da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), uma carta com considerações sobre o Projeto de Lei 510/2021 e recomendações para a retirada de tramitação.

(mais…)

Ler Mais

Nabhan Garcia defende legalização de grilagem em latifúndios

Secretário de Assuntos Fundiários é genro de Alcides Parzianello, que comprou 67 mil hectares de terras indígenas na região de Tangará da Serra (MT); ele articulou medida responsável por excluir 237 territórios que ainda passam por processo de demarcação

Por Mariana Franco Ramos, em De Olho nos Ruralistas

O secretário de Assuntos Fundiários da Presidência, Luiz Antonio Nabhan Garcia, afirmou que o Executivo aprova o Projeto de Lei 510/2021, conhecido como PL da Grilagem, inclusive para latifúndios, e defendeu que o texto seja discutido apenas entre parlamentares. Nabhan participou nesta quinta-feira (29) de audiência pública da Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA) do Senado.

(mais…)

Ler Mais

Uma semana após discurso, veja principais ações de Bolsonaro contra o meio ambiente

Segundo especialistas, o projeto a ser apresentado no Senado é uma versão piorada da antiga MP da Grilagem

Vanessa Nicolav, Brasil de Fato 

Após descumprir promessa feita durante a Cúpula do Clima, ao cortar o orçamento destinado aos programas do Meio Ambiente em 35%, o governo Bolsonaro segue avançando pautas que enfraquecem ainda mais as leis ambientais no país.

(mais…)

Ler Mais

Ambientalistas e representantes do agro contestam PL da grilagem no Senado

ClimaInfo

Por falta de acordo entre os parlamentares, o Senado Federal retirou de sua pauta desta 4ª feira (28/4) o Projeto de Lei 510/2021, que afrouxa as normas para regularização fundiária. Desde a última 3ª feira, ambientalistas se mobilizaram em Brasília e nas redes sociais contra a iniciativa, por conta dela abrir espaço para a legalização em massa de propriedades rurais decorrentes de invasão de Terras Públicas. Congresso em Foco e Exame destacaram a decisão do Senado.

(mais…)

Ler Mais

PL da Grilagem na pauta de votação de hoje no Senado

ClimaInfo

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, pautou para hoje (28) a votação em plenário do projeto de lei 510/2021, que muda as regras sobre regularização fundiária no país, segundo matéria de André Borges no Estadão. A exemplo do ministro do meio ambiente, Pacheco está aproveitando que a imprensa está focada na pandemia – com a abertura da CPI, o vergonhoso acumulado de quase 400 mil mortos e a trágica volta do país ao mapa da fome – para passar a boiada.

(mais…)

Ler Mais

Desmatamento da Amazônia com Bolsonaro visa a grilagem, aponta dirigente do MST

Na Cúpula do Clima, Bolsonaro prometeu aos líderes mundiais dobrar os recursos para fiscalização, mas no dia seguinte cortou R$ 240 milhões de verbas para o meio ambiente

Por Solange Engelmann, na Página do MST

Nas últimas semanas formam divulgados os números sobre o aumento do desmatamento e a devastação ambiental na Amazônia e de outros biomas brasileiros, o que demonstra que o governo de Jair Bolsonaro vem cumprindo seu objetivo de aproveitar para “passar a boiada”, como afirmou o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, a partir do estímulo e uso de estratégias para a liberação da mineração e grilagem de terras no país.

(mais…)

Ler Mais

Parlamento de Rondônia reduz em 90% reserva Jaci-Paraná em prol da pecuária ilegal

Redução recorde de áreas de conservação premia invasores e ameaça biodiversidade

por Murilo Pajolla, no Brasil de Fato 

Dias antes da abertura da Cúpula do Clima, quando aumentaria a pressão internacional sobre o governo de Jair Bolsonaro (sem partido), a Assembleia Legislativa de Rondônia “passou a boiada” e promoveu a maior redução de unidades de conservação já aprovada por um parlamento estadual.

(mais…)

Ler Mais