La academia indigenista, ¿es ingenua de su función sociopolítica?

En el pasado siglo, ante la evidente complicidad de los indigenistas con el sistema de dominación, emergió la corriente basada en los idearios Túpac Katari-Bartolina Sisa

Por Ollantay Itzamná* – Servindi

El indigenismo como corriente sociopolítica consiste en la defensa que se hace del indígena vencido frente a sus vencedores. Esta corriente posiblemente nació, a inicios del siglo XVI, con los frailes dominicos Antonio Montesinos y Bartolomé de las Casas, defensores de indígenas. (mais…)

Ler Mais

Caiado divulga informação falsa sobre novas terras indígenas

Checamos se há realmente 339 requerimentos de novas áreas de terras indígenas no país, como disse o senador, e se isso corresponde a 20% do território nacional. “Hoje, há 339 [requerimentos de] novas áreas de terras indígenas no país, o que vai acrescer mais 20% ao território nacional, que é de terra produtiva, que serão transferidas [para os indígenas].” – Ronaldo Caiado (DEM-GO), durante a sabatina de Alexandre de Moraes no Senado Federal, em 21 de fevereiro de 2017

por Étore Medeiros – A Pública

Sempre crítico da política de demarcação de terras indígenas no Brasil, o senador Ronaldo Caiado (DEM-GO) não deixou de abordar o assunto durante a sabatina de Alexandre de Moraes ao Supremo Tribunal Federal. Protestou contra a “insegurança jurídica” e o “clima de enfrentamento” no campo. (mais…)

Ler Mais

Breve radiografia dos conflitos ambientais no Brasil tendo por base o Mapa da Fiocruz*

Por Tania Pacheco

O Mapa de Conflitos envolvendo Injustiça Ambiental e Saúde no Brasil foi disponibilizado na internet em março de 2010, após dois anos de pesquisas. Na ocasião, apresentava 297 casos, georreferenciados numa plataforma construída a partir do Google Maps. Eram os 297 conflitos considerados os mais graves existentes no País à época, e não digo isso considerando apenas os depoimentos e as vivências das comunidades neles empenhadas, fontes primárias das nossas pesquisas, ou dos parceiros e instituições que colaboraram no levantamento de dados a respeito. Os resultados dos levantamentos por estado foram cuidadosamente referendados por respeitados pesquisadores locais, que concordaram com a nossa triagem em 100% dos casos. No máximo, algumas dessas pessoas, às quais chamamos de ‘validadores’ e cujos nomes podem ser verificados no site, sugeriram outros casos a serem pesquisados num segundo momento, considerando sua importância secundária ante a nossa seleção. (mais…)

Ler Mais

Enquanto seu presidente se reúne com ruralistas, Senado tenta dar mais um passo para acabar com a Funai

Tania Pacheco

Enquanto o presidente da Funai cumpre agenda coerente (pausa para sorriso irônico), recebendo alguns dos maiores inimigos dos povos indígenas (ver AQUI), o ínclito Senado da República decidiu retomar o Projeto de Lei nº 173/2011, de autoria do senador Vicentinho Alves PR/TO). O objetivo é autorizar o Poder Executivo a criar a Secretaria Nacional dos Povos Indígenas e voltou a tramitar dia 17, na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania. (mais…)

Ler Mais

Ganha um link para este blog quem adivinhar de quem é a agenda abaixo na primeira tentativa

Tania Pacheco

A agenda abaixo, relativa ao dia de hoje, pertence ao presidente de um órgão do segundo escalão do atual Executivo.  No intuito de contribuir para a transparência e para a divulgação da seriedade, competência, coerência, ética objetividade ou quaisquer outras palavras destituídas de fundamento que você, leitor/a, quiser escolher, optamos por divulgá-la. Mas não só: para garantir o seu interesse e leitura, estaremos premiando todas as pessoas que acertarem a quem ela pertence na primeira tentativa com um link para este blog!  (mais…)

Ler Mais

Papa diz que povos indígenas devem ter a palavra final sobre suas terras

No século XV, as bulas papais promoveram e forneceram uma justificativa legal para a conquista e o saqueamento das terras e recursos dos povos indígenas – cujas consequências são sentidas ainda hoje. O direito à conquista em uma tal bula, Romanus Pontifex, emitida por volta de 1450 quando Nicolau V era o papa, foi dada em caráter perpétuo.

David Hill* – The Guardian / IHU On-Line

Mas o tempo muda. Na semana passada, mais de 560 anos depois, Francisco, o primeiro papa latino-americano, deu um tom bem diferente: pôs-se a favor dos povos indígenas ao redor do mundo, a favor do direito à terra (algo que possui um significado prático), e pôs-se a favor de uma melhor relação com o meio ambiente. Publicamente disse que os povos indígenas têm o direito ao “consentimento prévio e informado”. Em outras palavras, nada deveria acontecer nas – ou impactar suas – terras, territórios ou recursos a menos que concordem. (mais…)

Ler Mais

Defender a Mãe terra, um programa político para toda esquerda latino-americana. Entrevista especial com Katu Arkonada

Por: João Flores da Cunha | Tradução: Evlyn Louise Zilch | Edição: Márcia Junges – IHU On-Line

Na América Latina, a luta por direitos básicos para melhorar a vida das pessoas ainda é uma constante. Enquanto isso, no Norte abastado, aumenta o consumo de artigos luxuosos e o extrativismo predatório, “aquele que acontece nos EUA ou na Europa por fracking ou pela construção de trens de alta velocidade”, acentua Katu Arkonada, membro da Secretaria Executiva da Rede de Intelectuais em Defesa da Humanidade, que vive e trabalha nessa realidade. (mais…)

Ler Mais