Homem abre fogo dentro de Catedral de Campinas e deixa mortos e feridos

Ao menos seis pessoas morreram, entre elas o atirador que se matou. Há pessoas feridas. Testemunhas relatam que o atirador invadiu a missa e disparou aleatoriamente contra as pessoas

No El País

Um homem armado invadiu a Catedral Metropolitana de Campinas, a cerca de 100 quilômetros de São Paulo, e atirou contra as pessoas que assistiam a uma missa no início da tarde desta terça-feira. Ao menos seis pessoas morreram, entre elas o próprio atirador, que se matou. Outras três pessoas ficaram feridas.

Inicialmente a Arquidioceses de Campinas confirmou cinco mortes, citando informações do Corpo de Bombeiros, mas as autoridades confirmaram depois que um dos feridos não resistiu aos ferimentos e morreu, elevando para seis o número total de mortos na ação, de acordo com a rádio CBN Campinas.

A Catedral Metropolitana de Campinas fica em uma região central da cidade, muito movimentada no horário do almoço, quando acontecia a missa. De acordo com a Secretaria de Saúde do município,o atirador se matou após os disparos.

Ainda não se sabe a motivação do crime, e a identidade do atirador ainda não foi confirmada.

Uma mulher que estava no local disse em entrevista à GloboNews que ocorria a missa do meio-dia quando o atirador invadiu a igreja e começou a atirar “para todos os lados”. “Estava tudo tranquilo. Estou em choque”, afirmou. A Catedral continua fechada para o atendimento às vítimas e para  investigação da Polícia.

Foto: EBC

Deixe uma resposta

O comentário deve ter seu nome e sobrenome. O e-mail é necessário, mas não será publicado.

1 × 4 =