A mais nova chantagem de Paulo Guedes

Após recuo frente ao desgaste do governo, ministro retorna com sua “demagogia liberalóide”: sugere que auxílio emergencial é “bomba nuclear” — e que, para retomá-lo, será necessário retirar direitos de servidores e aprofundar Estado mínimo

por Paulo Kliass*, em Outras Palavras

A semana começou com algumas iniciativas e declarações do Ministro Paulo Guedes, dando a falsa ideia de que ele continua a pleno vapor. Na verdade, o que ocorreu foi exatamente o oposto. Todo mundo percebeu que ele tinha recolhido um pouco o time de campo. Guedes andou um pouco sumido das páginas dos jornais, das telas das televisões e até mesmo das “laivis”, que costumava entusiasticamente fazer com exclusividade para seus coleguinhas da nata do sistema financeiro. Esse recuo estratégico do “old chicago boy” até que é bem compreensível, pois qualquer observador da cena política percebe que a maré não está para peixe. Assim, na dúvida, ele preferiu se resguardar e se esconder.

(mais…)

Ler Mais

Campanha de Vacinação: é como planejar construir uma casa sem comprar o terreno

Com esse desplanejamento nacional de imunização não temos certeza de quando vai melhorar o cenário da pandemia no Brasil

Da Página do MST

Quase um ano após o primeiro caso de coronavírus registrado no Brasil, o país registrou nesta segunda-feira (25), a triste marca de 8.872.964 infectados desde o começo da pandemia e 217.712 óbitos causados pela doença em todo o país.

(mais…)

Ler Mais

Pelo menos 10 milhões de pessoas passam fome no Brasil. Pandemia piorou quadro já desolador. Entrevista especial com Francisco Menezes

Estimativas apontam que nos próximos meses, com o fim do Auxílio Emergencial, a situação deve se agravar muito

Por: Patricia Fachin, em IHU On-Line

A conjuntura não era boa e o ano de 2019 encerrou com o fantasma da volta do Brasil para o Mapa da Fome. Em 2020, na eclosão da pandemia, a falta de comida na mesa virou uma realidade não somente para aqueles que estão em vulnerabilidade social, mas também para quem ‘se virava’ e tinha um trabalho mesmo que informal. “As pessoas ficam desprovidas de renda, de início se endividam, depois já não tem mais condições de garantir compras de alimentos, mesmo os de mais baixo valor e pior qualidade”, aponta o economista Francisco Menezes, em entrevista concedida por e-mail à IHU On-Line.

(mais…)

Ler Mais

Aras é a antessala de Bolsonaro no Tribunal Penal Internacional. Por Conrado Hübner Mendes

Corte tem no procurador-geral a omissão de que precisa

Na Folha

Jurista leão de chácara é aquele que empresta vocabulário, gravata e biografia à violência. Não lhe falta vontade de servir e sujar as mãos. Regimes autocráticos alugam esse bando para organizar, sob o verniz do direito, a repressão e a mútua proteção. O lugar da profissão jurídica na história universal da infâmia política varia entre servidão e complacência. Descontadas as exceções.

(mais…)

Ler Mais

Associação Juízes para a Democracia (AJD) entra com representação na PGR contra Bolsonaro

Na manhã desta terça-feira, 26, a Associação Juízes para a Democracia (AJD) protocolou na Procuradoria Geral da República (PGR) representação para que o presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, seja processado pelos crimes tipificados nos artigos 132, 257 e 268 do Código Penal, mediante denúncia a ser apresentada ao Supremo Tribunal Federal (STF).

(mais…)

Ler Mais

Lideranças religiosas pedem impeachment de Bolsonaro

Agência Câmara de Notícias

Lideranças religiosas apresentaram, nesta terça-feira (26), um pedido de impeachment do presidente Jair Bolsonaro. Mais de 370 pessoas, de diferentes movimentos, assinaram o documento.

Segundo a denúncia, Bolsonaro teria praticado um conjunto de transgressões “em diversas áreas de ação governamental, decisivas na perpetração de um pernicioso processo de esvaziamento de políticas públicas de inspiração constitucional, assim como de subversão de diretrizes constitucionais relacionadas com direitos focados principalmente na área da saúde pública.”

(mais…)

Ler Mais

Nota Pública: Sobre o “fura-fila” dos empresários com Bolsonaro

Em vista do anúncio de uma tentativa de uma parcela dos empresários brasileiros, avalizados pelo presidente da república, em comprar vacinas para imunizar pessoas de seus interesses específicos, a Abrasco e demais entidades abaixo-assinadas vêm a público se manifestar.

O aval do governo brasileiro para a compra da vacina da AstraZeneca, fora do contrato com a Fiocruz/Ministério da Saúde, é nada mais do que uma autorização oficial para inutilizar o esquema de prioridades elaborado pelo próprio governo. Caso houver essa compra, será a oficialização do “fura-fila”.

(mais…)

Ler Mais

‘Vacina é a única solução’, diz Margareth Dalcolmo, uma das vozes mais atuantes no combate à Covid-19

No Informe Ensp

A revista Radis de fevereiro destaca a entrevista com a pesquisadora da ENSP/Fiocruz, Margareth Dalcolmo. Ela afirma que “teremos um ano de 2021 ainda muito difícil e, nos próximos dois anos, o mundo todo terá que guardar alguns cuidados coletivos de proteção”. Confira a matéria da repórter Ana Cláudia Peres e do subeditor Luiz Felipe Stevanim. Dalcolmo ainda não havia sido imunizada com a vacina AstraZeneca/Oxford quando foi entrevistada pela Radis, o que aconteceu em 23/1 durante cerimônia na Fiocruz para liberação de duas milhões de doses da vacina importada do Instituto Sérum, na Índia.

(mais…)

Ler Mais

Senadores pedem que procurador-geral da República seja investigado

Da Agência Senado, na Amazonas Atual

BRASÍLIA – Os senadores Alessandro Vieira (Cidadania-SE), Randolfe Rodrigues (Rede-AP) e Fabiano Contarato (Rede-ES) entraram com representação junto ao Conselho Superior do MPF (Ministério Público Federal) para que o procurador-geral da República Augusto Aras responda por infrações administrativas.

Os parlamentares solicitaram a apuração disciplinar contra Augusto Aras no âmbito do Conselho Superior do MPF pela declaração sobre “estado de defesa” e afirmaram que o procurador é omisso em apurar crimes do presidente da República.

(mais…)

Ler Mais

Vacinas: empresas já tramam um mega-fura-fila

Depois de negligenciar compra de imunizantes, governo dá sinal verde a plano que pode tirar milhões de doses dos grupos prioritários. E mais: pandemia ameaça economia global; caótico, ultracapitalismo não consegue enfrentá-la

Por Raquel Torres, em Outra Saúde

AS NEGOCIAÇÕES DO SETOR PRIVADO

O governo federal mandou uma carta à AstraZeneca dizendo que não se opõe à  compra de 33 milhões de doses da vacina contra a covid-19 pelo setor privado. O documento foi obtido primeiro pelo Globo e se refere a uma negociação de empresários revelada ontem cedo pelo Painel da Folha

(mais…)

Ler Mais