Em Jaqueira (PE), empresa é novamente acusada de destruir plantação de família camponesa

Na CPT/NE2

Na manhã desta terça-feira, 19/05, a Comissão Pastoral da Terra (CPT) recebeu mais um relato de violência praticada pela empresa Agropecuária Mata Sul S/A contra a comunidade de Fervedouro, localizada em Jaqueira, Zona da Mata Sul de Pernambuco. Segundo informações locais, por volta das 7h, cerca de 20 funcionários da empresa destruíram aproximadamente dez mil pés de banana plantados pela família do agricultor Reginaldo Felix. Durante a destruição, a família se encontrava na escola comunitária, na sede do Engenho Fervedouro, participando da campanha de vacinação promovida pela Prefeitura de Jaqueira. Só chegou ao sítio quando tudo já havia sido destruído, mas ainda a tempo de avistar funcionários da empresa indo embora com carros e motos.

(mais…)

Ler Mais

Nota Pública da comunidade de Garapuá sobre os ataques e ameaças que vêm sendo feitos às nossas famílias por poderosos de Cairu, Bahia

“Nossa comunidade é formada por famílias de gente trabalhadora e honesta que vive da pesca, da produção de artesanatos, de pequenos comércios, da agricultura. Somos uma comunidade tradicional e para exercer nosso modo de vida precisamos ter acesso ao mar, à praia, aos manguezais, às matas, às lagoas, e a um pedaço de terra para nossa moradia e dos nossos filhos. Precisamos do nosso território garantido e preservado, como determina a Lei.

(mais…)

Ler Mais

‘É a principal ameaça’: situação de pandemia no Brasil gera temor em vizinhos na América do Sul

Marcia Carmo, para a BBC Brasil

Com mais de 11 mil mortes por coronavírus e a maior taxa de letalidade por covid-19 na América do Sul, o Brasil virou motivo de grande preocupação e temor nos países vizinhos — levando aliados do presidente Jair Bolsonaro a colocar a afinidade política de lado e adversários na região a intensificar suas críticas ao líder brasileiro.

(mais…)

Ler Mais

Front Line Defenders condena violência policial contra Raull Santiago e outros integrantes do Coletivo Papo Reto

Front Line Defenders 

No final da tarde de 19 de fevereiro de 2020, Raull Santiago e seus colegas do Coletivo Papo Reto foram violentamente detidos e ameaçados por policiais da Tropa de Choque ao retornarem de reuniões na Favela da Maré, no Rio de Janeiro. Os agentes pararam uma das três motos que transportavam Raull Santiago e seus colegas, enquanto apontavam fuzis para eles. As pessoas nas outras duas motos ouviram dos policiais: “mete o pé e nem olha para trás”. Aqueles que receberam ordem de permanecer foram então obrigados a sentar-se e entregar seus telefones.

(mais…)

Ler Mais

CDHM pede informações ao governador e justiça de São Paulo sobre agressão a jovens e ameaças ao padre Júlio Lancelotti

Pedro Calvi / CDHM

Na noite desta terça-feira (4), o padre Júlio Lancelotti, coordenador da Pastoral do Povo de Rua da Arquidiocese de São Paulo e defensor de direitos humanos, sofreu mais uma ameaça por parte de agentes da segurança pública do estado. De acordo com o religioso, jovens acolhidos pela Pastoral foram agredidos por policiais que teriam enviado um “recado” em tom ameaçador. Segundo Lancelotti, os jovens foram agredidos enquanto policiais diziam “vocês são protegidos daquele padre que defende bandido, avisem a ele que a hora dele vai chegar”. Lancelotti denunciou a violência na corregedoria da polícia acompanhado de advogada e dos jovens agredidos. Houve reconhecimento fotográfico.

(mais…)

Ler Mais

Em Jaqueira (PE), empresa é acusada de destruir 10 mil pés de banana de agricultor

Negócio Imobiliária S/A tem um histórico de intimidação contra agricultores da comunidade rural do Barro Branco

Da Redação Brasil de Fato*

Na terça-feira (28), a Comissão Pastoral da Terra em Pernambuco recebeu um relato de violência praticada pela empresa Negócio Imobiliária S/A na comunidade de Barro Branco, localizada na zona rural do município de Jaqueira, Zona da Mata Sul de Pernambuco. Segundo informações, por volta das 5h, um ônibus cheio de funcionários da empresa compareceu à comunidade, mais precisamente no sítio do agricultor José Cícero da Silva, e destruíram cerca de 10 mil pés de banana.

(mais…)

Ler Mais

Procurador que denunciou Glenn cometeu crime de abuso de autoridade, dizem juristas

Wellington de Oliveira contrariou a PF e o STF para agir politicamente contra o jornalista, afirmam advogados

Erick Gimenes, Brasil de Fato

O procurador Wellington Divino Marques de Oliveira deve ser enquadrado na Lei de Abuso de Autoridade (nº 13.869) por denunciar sem provas Glenn Greenwald, co-fundador do The Intercept, afirmam juristas ouvidos pelo Brasil de Fato. A acusação contra o jornalista é de participação na invasão de celulares de autoridades brasileiras.

(mais…)

Ler Mais

Família camponesa sofre ameaças no Engenho Barro Branco, em Jaqueira/PE

Família tentou registrar Boletim de Ocorrência na Delegacia de Jaqueira, mas servidores se opuseram e pediram para que voltasse em outro horário. Ao retornar, a delegacia estava fechada.

Na CPT NEII

Na manhã desta terça-feira, 08/01, a Comissão Pastoral da Terra (CPT) recebeu novos relatos de violência praticada por seguranças que seriam contratados pela empresa Negócio Imobiliária S/A contra família camponesa moradora do Engenho Barro Branco, localizado no município de Jaqueira, Zona da Mata Sul de Pernambuco.

(mais…)

Ler Mais