Servidores federais alertam para a destruição da Gestão Ambiental Federal

Em carta aberta do servidores da ASCEMA Nacional alerta sobre as atitudes do Ministro do meio Ambiente Ricardo Salles

por Jornalistas Livres

Carta aberta à Sociedade:

A DESTRUIÇÃO DA GESTÃO AMBIENTAL FEDERAL E OS ATAQUES AOS SERVIDORES

Preocupados e indignados com as últimas declarações e posturas do atual ministro do meio ambiente, nós servidores federais da carreira de especialista em meio ambiente, representados por sua Associação Nacional de Servidores da Carreira de Meio Ambiente (ASCEMA Nacional), vimos a público trazer à sociedade informações corretas e embasadas sobre a atuação do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e sobre as conquistas alcançadas pela instituição, apesar das dificuldades impostas por governos de todos os matizes ideológicos, em termos de orçamento e pessoal insuficientes para o cumprimento das suas importantes funções, determinadas pela Constituição Federal.

(mais…)

Ler Mais

Primeira Conferencia Livre de Atingidos e Atingidas do país é realizada em Minas Gerais

No Mab

Primeira “Conferência Livre de Saúde das Atingidas e Atingidos” em todo o Brasil marca momento histórico na ultima sexta-feira, 12, em Brumadinho. Com a presença de 250 pessoas, atingidos por barragens de todo o estado de Minas Gerais e o tema “Água é vida: queremos viver com saúde”, o dia foi de debates e discussão da importância do direito à saúde, a manutenção do SUS e os problemas vividos pela população atingida por barragem.

(mais…)

Ler Mais

MPF acompanha vistoria socioambiental nos rios Sarapuí e Iguaçu em Duque de Caxias (RJ)

Comissão de pescadores locais realizou vistoria nos rios impactados pela indústria do petróleo e pelo lixão de Gramacho

Procuradoria da República no Rio de Janeiro

O Ministério Público Federal (MPF) acompanhou no sábado (13), vistoria socioambiental na região dos rios Sarapuí e Iguaçu, em Duque de Caxias (RJ). Organizada por comissão de pescadores e catadores de caranguejos tradicionais da região, a inspeção teve como objetivo levantar informações sobre a situação do território tradicional de água e mangue impactado pela contaminação, principalmente pelo chorume decorrente do lixão a céu aberto e pelas emissões oriundas da indústria do petróleo.

(mais…)

Ler Mais

Contaminação do Rio São Francisco pode afetar os diversos usos da água

Lama tóxica vinda do crime da Vale em Brumadinho pode restringir uso da água para consumo humano

Vanessa Gonzaga, Brasil de Fato

Após a chegada da lama tóxica da Vale nas barragens de Três Marias e Retiro Baixo, uma das preocupações tem sido a contaminação do Rio São Francisco, que em algumas cidades já vem apresentando sinais de contaminação, como a turbidez da água. Caso a suspeita de contaminação se concretize, serão mais de 500 municípios afetados social e economicamente.

(mais…)

Ler Mais

Condenado a 30 anos, fazendeiro mandante da execução de Dorothy Stang é preso no Pará

Regivaldo estava solto, desde maio de 2018, aguardando uma decisão sobre o recurso em segunda instância

Redação Brasil de Fato

Foi preso em Altamira, no Pará, o fazendeiro Regivaldo Pereira Galvão, conhecido como “Taradão”, condenado pela Justiça por ser o mandante do assassinato da missionária católica Dorothy Stang. A militante, nascida nos EUA e naturalizada brasileira, atuava na luta pela terra, contra os latifundiários e pela preservação da floresta, entrando em conflito com grileiros e madeireiros. O crime teve repercussão mundial.

(mais…)

Ler Mais

Rejeitos de Brumadinho chegam ao São Francisco e autoridades ainda não têm plano

Poderes municipais, estadual e federal ainda não sabem o que fazer para proteger o Velho Chico e as comunidades

Vinícius Sobreira, Brasil de Fato

No último dia 25 de janeiro, quando a barragem de Córrego do Feijão rompeu e devastou Brumadinho, poucos perceberam que o crime e a lama poderiam afetar a região Nordeste do país. Mas não tardou até que os rejeitos de minério matassem o rio Paraopeba, afluente do São Francisco em Minas Gerais, comprometendo a vida vegetal e animal na zona de mata atlântica, e seguissem em direção ao Velho Chico.

(mais…)

Ler Mais

Conflitos no campo: PFDC lança roteiro de atuação para casos de violência contra defensores de direitos humanos

Material traz sugestões de ações práticas na definição de estratégias de curto e longo prazo. Quase um milhão de pessoas estiveram envolvidas em conflitos campesinos no Brasil em 2018

Na PFDC

A Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão (PFDC), por meio do seu Grupo de Trabalho Direito à Reforma Agrária, elaborou um roteiro para subsidiar a atuação do Ministério Público Federal em casos de violência contra defensores de direitos humanos no campo.

(mais…)

Ler Mais

“O governo não diz que vai combater o crime organizado? Vá lá no assentamento e combata”, diz agricultor jurado de morte no Pará

Em programa de proteção, três agricultores do Assentamento Areia falaram à Pública sobre a rotina de ameaças, mortes e trabalho escravo na comunidade dominada por madeireiros e fazendeiros

Por Ciro Barros, na Agência Pública

O Projeto de Assentamento Areia (PA Areia), no município de Trairão (PA), é a porta de entrada para uma imensidão de floresta disputada palmo a palmo por grupos de madeireiros que há décadas dominam a área. Cercado de Unidades de Conservação que formam uma das maiores áreas contínuas de floresta tropical do planeta, o PA Areia é uma rota privilegiada para acessar as madeiras de lei que ainda abundam ali. Por isto, o projeto de assentamento apresenta intensa reconcentração dos lotes de reforma agrária, coleciona inúmeros episódios de violência, trabalho escravo e crimes ambientais já denunciados na Justiça Estadual e Federal do Pará. O acesso ao PA é controlado por madeireiros, que chegam a cobrar entrada para o local, uma área pública pertencente à União.

(mais…)

Ler Mais

MPF pede explicação ao Ibama sobre conversão de multa aplicada à Vale

Ministro do meio ambiente teria afirmado que valor das multas aplicadas à mineradora seriam revertidas a sete parques no estado

Ministério Público Federal em Minas Gerais 

O Ministério Público Federal (MPF), por meio da Força-Tarefa Brumadinho, solicitou explicações ao presidente do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) sobre a possível conversão em investimentos da multa de R$ 250 milhões aplicada à Vale S/A pelo rompimento de suas barragens na Mina Córrego do Feijão.

(mais…)

Ler Mais