A Amazônia é uma questão de vida ou morte para todos nós. Precisamos lutar por ela. Por Jonathan Watts

Aqueles que se preocupam com a sobrevivência do planeta devem fazer mais do que expressar mensagens de apoio – a Amazônia é a nova ‘grande causa’ do mundo

Por Jonathan Watts, editor global de meio ambiente do The Guardian

Os incêndios na floresta tropical foram finalmente extintos com a chegada da estação das chuvas, mas ameaças e violências seguem intensas contra os guardiões da floresta. Eles precisam de apoio internacional para que a Amazônia esteja no centro da ação climática, em vez de ocupar apenas um lugar distante na linha de frente da guerra contra a natureza.

(mais…)

Ler Mais

Movimentos do Tapajós realizam seminário para discutir resistência aos grandes projetos

O seminário reuniu indígenas, quilombolas, ribeirinhos, pescadores, agricultores e atingidos por barragens somando cerca de 100 lideranças da bacia do rio Tapajós e Rodovia BR 163

No Mab

Entre os dias 09 e 11 de dezembro, foi realizado o seminário “Povos do Tapajós construindo resistência em defesa da Amazônia” em Itaituba (PA). O evento foi organizado pela Comissão Pastoral da Terra (CPT), Conselho Indigenista Missionário (CIMI), Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB), Sindicato das Trabalhadoras e Trabalhadores Rurais de Itaituba (STTR) e Terra de Direitos.

(mais…)

Ler Mais

MPF solicita providências para reprimir ameaças e violência contra defensores de direitos humanos em Anapu (PA)

Procuradores da República iniciaram procedimento para acompanhar as investigações dos crimes e viabilizar proteção a lideranças ameaçadas

Ministério Público Federal no Pará

O Ministério Público Federal (MPF) instaurou procedimento para acompanhar investigações e solicitar providências às autoridades de segurança pública do Pará sobre a nova escalada de violência no município de Anapu, no oeste do Pará.

(mais…)

Ler Mais

Atingidos constroem Planos de Ação em Saúde para vítimas do Rio Doce

No Mab

Atendendo à recomendação do Ministério Público Federal, em Minas Gerais, e a Defensoria Pública Estadual, no Espírito Santos, os municípios atingidos pelo rompimento da Barragem de Fundão devem adequar os Planos Municipais de Saúde em função das demandas aumentadas pelos novos problemas de saúde surgidos ou agravados pela contaminação do Rio Doce. O crime completou 4 anos no dia 05 de novembro.

(mais…)

Ler Mais

Mineração de granito está ameaçando novamente área de proteção ambiental, territórios e águas do rio Doce?

Por Alenice Baeta[1]

Em 2006, foram observadas irregularidades graves na lindíssima Serra da Onça, no município de Conselheiro Pena, leste de Minas Gerais, na margem direita do rio Doce, próximo à divisa do Parque Estadual Sete Salões (PESS). Foi constatado na ocasião, para nosso espanto, um novo acesso na subida da serra que culminava em uma lavra de rocha granitoide com montes de vários blocos detonados e recortados prontos para o transporte. Além de se situar na zona de amortecimento de uma unidade de proteção integral, esta lavra ainda se encontra em Área de Preservação Permanente (APP) Topo de Morro, e por suas características degradantes, tais como, desmatamento de mata nativa, pilha de estéril, maquinário, utilização de bomba de água no córrego da Lapa, assoreamento, abertura de estrada, apresentava sinais, na época, de se tratar de atividade clandestina, ou seja, sem licenciamento ambiental. Fotografias foram tiradas e no dia seguinte foi feita uma comunicação emergencial aos gestores do Parque Estadual Sete Salões, que por sua vez, fizeram contato com a Polícia Ambiental e com o Núcleo Operacional (NO) de Conselheiro Pena, que realizaram na mesma semana vistoria no local indicado, situado na Fazenda da Lapa, comprovando a já suspeita irregularidade da lavra.  A mineradora foi então multada e autuada, segundo informações do IEF-MG, dando retorno imediato à nossa denúncia.

(mais…)

Ler Mais

A pedido do MPF, Secretaria de Estado da Agricultura, Municípios e Comunidades tradicionais realizam cadastramento dos atingidos pelas manchas de óleo no litoral

Levantamento será realizado pelas Colônias e Associações de Pescadores artesanais e Marisqueiras, em parceria com os municípios afetados

Ministério Público Federal em Sergipe

Em reuniões realizadas na última sexta-feira (06/12) e ontem (09/12) o Ministério Público federal em Sergipe (MPF/SE), comunidades tradicionais e os órgãos públicos envolvidos pactuaram a realização de um cadastramento de todos os pescadores tradicionais e marisqueiras atingidos pelo derramamento de óleo na costa do Nordeste desde 30 de agosto. A medida atende solicitação do MPF.

(mais…)

Ler Mais

Política de saneamento rural resgata dívida histórica com populações do campo

Ana Paula Evangelista*, do Repórter SUS, no Brasil de Fato

Considerado um “divisor de águas”, o Programa Nacional de Saneamento Rural (PNSR), foi publicado na última quarta-feira (4), no Diário Oficial da União. A avaliação é de Alexandre Pessoa, engenheiro sanitarista e professor-pesquisador da Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio da Fundação Oswaldo Cruz (EPSJV/Fiocruz). O programa tem o objetivo de implementar a garantia do direito à água, ao esgotamento sanitário e aos manejos de resíduos sólidos e de águas pluviais para as populações rurais.

(mais…)

Ler Mais

Manifesto dos Atingidos do Paraopeba – Os atingidos e as atingidas não param de lutar!

Manifesto dos atingidos e atingidas organizados da Bacia do Paraopeba sobre decisão da audiência da 6ª Vara Fazendária do TJMG no dia 28/11

No Mab

Nestes dez meses de crime da Vale na bacia do Paraopeba é fato a incansável luta dos atingidos e atingidas por direitos e pela reparação integral. Todo o dia 25, denunciamos juntos aos familiares das vítimas e entoamos o mesmo grito por justiça a todas as joias enterradas na lama e a todos os projetos de vida destruídos.

(mais…)

Ler Mais

Atingidas denunciam violações da mineração em conferência de investidores

Atingidas de Mariana (MG) e Brumadinho (MG) vão falar para 200 investidores nesta quarta-feira (4), na Inglaterra

Da Redação Brasil de Fato*

Por meio de diálogos entre as comunidades atingidas e investidores que buscam processos mais responsáveis e sustentáveis, duas pessoas atingidas pelas barragens da Samarco, Vale e BHP Billiton estão na Inglaterra para denunciar as consequências dos crimes. Mônica Santos e Marcela Rodrigues participam hoje (4) do painel “Update on the Investor Tailing Dams Iniciative” (em português:  “Atualizações sobre a iniciativa dos investidores sobre barragens de mineração”), na Conferência 2019 do Local Authority Pension Fund, em Bournemouth.

(mais…)

Ler Mais