Estudante usa agroecologia para resgatar cultura de comunidades em Matopiba

Região é marcada pelo agronegócio e pela ofensiva contra as famílias que tentam sobreviver no local

Camila Salmazio*, Brasil de Fato

Foi na escola agrícola que Jaime Lima Honório deu os primeiros passos rumo ao seu projeto voltado à agroecologia. Até então, a escola particular onde Jaime cursa técnico agrícola, em Balsas, no Maranhão, só havia desenvolvido projetos voltados ao monocultivo. Os benefícios eram voltados aos grandes fazendeiros.  (mais…)

Ler Mais

‘E Quanto às Pessoas?’ Desenvolvimento Comunitário Sustentável no Rio, Parte 1—Definindo Resiliência

Esta é a primeira matéria, de uma série de duas partes, de uma resenha do livro ‘Social Sustainability, Climate Resilience and Community-Based Urban Development: What About the People?’ (Sustentabilidade Social, Resiliência Climática e Desenvolvimento Comunitário Urbano: E Quanto às Pessoas?), de Cathy Baldwin e Robin King, incorporando conceitos que contribuem para pensar sobre as favelas do Rio. Volte amanhã para a segunda parte

por Kimberly Farnham e Patricia Basile, em RioOnWatch

As favelas do Rio de Janeiro são cada vez mais reconhecidas como inovadoras em termos de seus projetos comunitários de base sustentável. No Vale Encantado, os moradores construíram biodigestores e hortas comunitárias e limitaram suas próprias construções para proteger o ambiente natural ao seu redor. Na Vila Autódromo, os moradores plantaram árvores para construir o ecossistema local, fornecer uma fonte natural de frutas e oferecer sombra aos pedestres. No Morro da Formiga, os moradores administram uma infraestrutura hídrica cooperativamente gerenciada, juntamente com iniciativas de horticultura e apicultura. No entanto, nem todas as favelas têm moradores proativos em iniciativas para o desenvolvimento comunitário e ambiental. O livro Sustentabilidade Social, Resiliência Climática e Desenvolvimento Comunitário Urban: E Quanto As Pessoas?, de Cathy Baldwin (Universidade de Oxford) e Robin King (Instituto de Recursos Mundiais), atribuiriam a diferença ao grau variado de sustentabilidade social entre as comunidades. (mais…)

Ler Mais

quilombo

MPF: União tem 30 dias para destinar recursos ao Incra para regularizar terras quilombolas no Espírito Santo

Comunidades estão localizadas em São Mateus e Conceição da Barra, norte do estado

Ministério Público Federal no Espírito Santo

O Ministério Público Federal (MPF) no Espírito Santo (ES) obteve decisão na Justiça, em tutela de urgência, para que a União, no prazo de 30 dias, reforce o orçamento do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) para que seja dada continuidade aos processos de reconhecimento de comunidades quilombolas e à emissão de títulos de propriedades situadas nos municípios de São Mateus e Conceição da Barra, no norte do estado. Foi determinada multa diária de R$ 3 mil em caso de descumprimento da decisão, e o Incra deve retomar as atividades assim que os recursos orçamentários estiverem disponíveis. (mais…)

Ler Mais

Os EUA de Trump revivem os zoológicos humanos. Por Ariel Dorfman

Encarceramento de crianças retoma uma história do colonialismo, cuidadosamente esquecida: as exposições em que indivíduos dos “povos primitivos” eram apresentados como animais nas capitais “cultas” do Ocidente

Por Ariel Dorfman, no Outras Palavras

Quando Donald Trump acusou recentemente os “imigrantes ilegais” de querer “invadir e infestar nosso país”, houve um clamor imediato. Afinal aquele verbo, infestar, fora usado pelos nazistas para desumanizar judeus e comunistas como ratos, vermes ou insetos que precisam ser erradicados. (mais…)

Ler Mais

Na terceira edição, curso debate perspectivas de compreensão das realidades dos povos indígenas no Brasil

Com 30 cursistas das cinco regiões do país, iniciativa propõe formação para apropriação de referenciais conceituais e legais que permitem o conhecimento e valorização da sociodiversidade indígena

por Marline Dassaler, no Cimi

Iniciou no dia 09 de julho, no Centro de Formação Vicente Canãs, em Luziânia (GO), a terceira edição do Curso de Extensão em Histórias e Culturas Indígenas. A iniciativa é resultado da parceria entre o Conselho Indigenista Missionário (Cimi) e a Universidade Federal da Integração Latino-Americana (UNILA). Participam desta edição 30 cursistas das cinco regiões do país.  (mais…)

Ler Mais

Animação inspirada nos indígenas Guajajara (MA) vence Prêmio Mercosul de Direitos Humanos

Na Funai

O curta-metragem “Festa dos Encantados”, inspirado no projeto Alma Brasileira – Coisa de Índio, produzido pela Coletivo 105, Idade da Pedra e Instituto Makarapy, é vencedor do Prêmio Mercosul de Direitos Humanos no 22º Florianópolis Audiovisual Mercosul (FAM 2018).

Além do troféu, os autores receberam como premiação o valor de US$ 500,00. O dinheiro será destinado ao Fundo de Produção Audiovisual para Jovens Indígenas do Maranhão do Instituto Makarapy. (mais…)

Ler Mais

SBPC Afro e Indígena traz a ancestralidade a evento científico

Será um espaço de socialização das investigações e de troca de saberes à sociedade

Por Paulo Canuto e Rafaela Oliveira, na UFAL

Com programação diversificada e composta por convidados locais, nacionais e internacionais, a SBPC Afro e Indígena traz para a programação da 70ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) o enfoque nas discussões relacionadas aos povos negro e indígena. Mesas-redondas, conferências e oficinas são algumas das atividades oferecidas na programação, que também incluirá mostra de curtas-metragens, desfile de moda afro, relançamento de títulos, espaço infantil Erê, Ibeji e Curumim, e comemoração dos 36 anos do Neab-Ufal, com homenagens a ex-diretores.  (mais…)

Ler Mais

Documentário sobre direitos de crianças Guarani-Kaiowá será exibido na Aldeia Amambai em MS

“O evento reúne de 10 a 14 de julho representantes de todas as aldeias do Cone Sul do Mato Grosso do Sul, bem como organizações indigenistas e autoridades ligadas às questões indígenas”

No MS Notícias

O documentário Guarani-Kaiowás Ivy Poty – Flores da Terra, que aborda o contexto das crianças e jovens indígenas em Dourados, terá um pré-lançamento exclusivo esta semana durante a “VI Kuñangue Aty Guasu – Grande Assembleia das Mulheres Kaiowá Guarani”, na Aldeia Amambai. (mais…)

Ler Mais

A coreógrafa por trás do sucesso ‘This is America’, de Childish Gambino

Na BBC Brasil

Incensado pela crítica, o videoclipe de “This is America”, do rapper americano Childish Gambino, já superou a marca de 300 milhões de visualizações no YouTube. Trata-se de uma crítica principalmente ao racismo e à violência por armas de fogo nos Estados Unidos.

Mas poucos conhecem a verdadeira responsável pela coreografia do videoclipe, que gerou debates no mundo todo: Sherrie Silver, de apenas 23 anos. (mais…)

Ler Mais