Parlamentares alemães cobram de Bolsonaro proteção a líder indígena ameaçada

Na DW

Um grupo de deputados federais da Alemanha pediu nesta sexta-feira (06/12) que o governo brasileiro garanta a proteção da líder indígena Alessandra Korap, do povo munduruku, que vem recebendo ameaças de morte e teve sua casa invadida no fim de novembro, em Santarém, no Pará.

Em uma carta endereçada ao presidente Jair Bolsonaro e entregue à embaixada do Brasil em Berlim, o grupo formado por três deputados do partido Die Linke (A Esquerda) ainda pediu para que as autoridades brasileiras instruam os responsáveis pela investigação da invasão da casa de Korap a iniciar uma apuração aprofundada para “assegurar que os líderes materiais e intelectuais sejam responsabilizados conforme a lei”.

(mais…)

Ler Mais

Povos Xerente e Krahô denunciam invasão de madeireiros a seus territórios em ato no STF

A delegação de 45 lideranças permanece em Brasília até esta sexta-feira, 6. Entre as pautas, a demarcação de seus territórios tradicionais

Por Adi Spezia, Cimi

Nem mesmo a chuva impediu os povos Xerente e Krahô, do Tocantins, de realizar o ato em frente ao Supremo Tribunal Federal (STF), na Praça dos Três Poderes, durante a tarde desta quarta-feira, 4.

(mais…)

Ler Mais

Indígenas ameaçam interditar aeroporto contra nomeação de fuzileiro naval na Funai

Jorge Gerson Baruf foi nomeado pelo Ministério da Justiça para o cargo de coordenador regional da Funai no Alto Solimões

Caroline Oliveira, Brasil de Fato

Os povos indígenas Tikuna-Maguta e Kokama, do Alto Rio Solimões, oeste do estado do Amazonas, reagiram à nomeação do fuzileiro naval da reserva Jorge Gerson Baruf como coordenador regional do Alto Solimões da Fundação Nacional do Índio (Funai) de Tabatinga (AM) no último dia 27.

(mais…)

Ler Mais

Indígenas do Paraná cobram direitos, em audiência na Assembleia Legislativa

Audiência Pública “Direitos da população indígena do Paraná” aconteceu nesta terça (3), na (Alep)

Lia Bianchini, Brasil de Fato

“Por que não tem estudo para ver onde não é terra indígena?”. A provocação é de Laercio da Silva, cacique da aldeia Araçai, de Piraquara. Ele foi uma das lideranças indígenas presentes na Audiência Pública “Direitos da população indígena do Paraná”, nesta terça (3), na Assembleia Legislativa (Alep).

(mais…)

Ler Mais

Onde era monocultura de cacau, os Tupinambá de Olivença plantam produtos orgânicos

Em pouco mais de quinze anos de luta, os indígenas da Serra do Padeiro resgataram área ocupada por mais de 87 fazendas; as terras na Bahia foram usurpadas por latifundiários ao longo do século 20 e hoje se tornam produtivas novamente, o que fortalece a comunidade

Por Priscilla Arroyo, em De Olho nos Ruralistas

Os Tupinambá têm como guia os espíritos vivos que habitam as florestas, denominados “encantados”. Somente quando receberam autorização desses aliados, os indígenas da Serra do Padeiro, uma das aldeias da Terra Indígena (TI) Tupinambá de Olivença, no sul da Bahia, iniciaram a retomada do seu território ancestral. Eles foram espremidos por latifundiários que, desde o fim do século 19, usurparam grandes áreas com cultivo de cacau para transformarem os espaços em pastos ou monoculturas. Em 2004, começaram a lutar para reaver suas terras.

(mais…)

Ler Mais

Funai desiste de ação que mantém indígenas em Ñande Ru Marangatu; GT sofre interferência e portarias isolam aldeias

Indigenistas Associados (INA) denunciam em nota portarias que impedem servidores de cumprir agendas nas aldeias

por Renato Santana, em Cimi

Contrariando a missão institucional do órgão, o presidente da Fundação Nacional do Índio (Funai), o delegado da Polícia Federal Marcelo Augusto Xavier da Silva, assinou um despacho, no dia 26 de novembro, requerendo à Procuradoria Especial Especializada a desistência de ordem judicial que mantém na Terra Indígena Ñande Ru Marangatu, município de Antônio João (MS), indígenas do povo Guarani Kaiowá.

(mais…)

Ler Mais

Funai veta ida de servidores a terras indígenas em demarcação

Ordem do órgão é que os deslocamentos só poderão ocorrer em casos onde a terra indígena já esteja ‘homologada ou regularizada’

Por André Borges, em O Estado de S.Paulo

BRASÍLIA – O presidente da Fundação Nacional do Índio (Funai), Marcelo Augusto Xavier da Silva, decidiu impedir que servidores da autarquia possam visitar terras indígenas que estejam em processo de demarcação. A ordem agora é que os deslocamentos só poderão ocorrer em casos onde a terra indígena já esteja “homologada ou regularizada”.

(mais…)

Ler Mais

CDHM pede apuração de violação de direitos indígenas no sul da Bahia

Pedro Calvi / CDHM

A Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados (CDHM) enviou, nesta quarta-feira (20), para a procuradora-geral de Justiça do Ministério Público da Bahia, Ediene Lousado, pedido de apuração de possíveis violações de direitos humanos relativos à demora na demarcação da Terra Indígena Tupinambá de Olivença, no sul do estado. O processo já dura 18 anos. A Funai aprovou o pedido em 2009 e reconheceu, depois de estudo técnico, a tradicionalidade da ocupação indígena. A Terra Indígena Tupinambá é formada por 23 aldeias, onde vivem 8 mil pessoas. Também hoje, a CDHM enviou ofício com o mesmo teor para o subprocurador-geral da República Antônio Carlos Bigonha, coordenador da 6ª Câmara – Populações Indígenas e Comunidades Tradicionais Procuradoria-Geral da República Ministério Público Federal.

(mais…)

Ler Mais

Primeiro quilombo titulado no Paraná ainda luta por terra

Justiça manda Incra fazer titulação integral da comunidade Paiol de Telha em 180 dias

Ana Carolina Caldas, Brasil de Fato

Mais de 15 mil comunidades quilombolas espalhadas pelo território brasileiro mantêm-se vivas e atuantes, lutando pelo direito de propriedade de suas terras, consagrado pela Constituição Federal desde 1988. Essa é a luta da Comunidade Quilombola Invernada Paiol de Telha, que, ao longo dos anos de luta, teve inúmeros direitos violados. Atualmente, moradores da comunidade aguardam cumprimento pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), após determinação judicial, da titulação de toda área. 

(mais…)

Ler Mais