Futuro do livro didático no Brasil

Como evitar a ideologia direitista e o lucro de empresários inescrupulosos?

Sílvia Amélia de Araújo*, em Vitruvius

“A partir de 2021, todos os livros serão nossos, feitos por nós. Os pais vão vibrar. Vai estar lá a bandeira do Brasil na capa. Vai ter lá o hino nacional. Os livros hoje em dia, como regra, são um montão de amontoado de muita coisa escrita. Tem que suavizar aquilo. Falar em suavizar, estudei na cartilha Caminho suave, você nunca esquece. Não esse lixo que, como regra, está aí. Essa ideologia de Paulo Freire” (Jair Bolsonardo, presidente da República).

Sabe quem é o maior comprador de livros do mundo? O governo brasileiro.

(mais…)

Ler Mais

Resposta a Bolsonaro. Por Vinícius Fernandes da Silva

No GGN

O presidente Jair Bolsonaro, em conversa com jornalistas no dia de hoje, abordou assuntos a respeito dos livros didáticos e mencionou o Colégio Pedro II, instituto federal de ensino básico sediado no Rio de Janeiro.

Em sua fala o presidente disse que o CPII “acabou”.

Como professor efetivo e com dedicação exclusiva de uma das unidades (temos 11) da centenária instituição, me perguntei sobre as muitas interpretações que o verbo “acabar” pode suscitar. Cheguei a algumas conclusões e tomarei como referência somente o resultado do Campus Centro no ENEM 2018, porém somando as médias de todos os outros campus, o efeito seria praticamente idêntico.

(mais…)

Ler Mais

Seis pontos que reafirmam o lugar de Paulo Freire na educação

O educador pernambucano segue sendo alvo de ataques pelo presidente Jair Bolsonaro e pelo ministro Abraham Weintraub

Por Ana Luiza Basilio, na Carta Capital

Entra ano, sai ano e o educador Paulo Freire segue sob ataque de integrantes do governo Bolsonaro. Ao longo de 2019, o presidente Jair Bolsonaro e o ministro da educação Abraham Weintraub vincularam inúmeras vezes a baixa qualidade da educação brasileira ao pernambucano, e se esforçaram (muito!) em manchar a memória do educador. “Energúmeno” e “vodu, sem comprovação científica” são apenas alguns dos baixos predicados atrelados ao educador pela dupla bolsonarista.

(mais…)

Ler Mais

Janine: É preciso derrubar a MP 914. “Nem na ditadura foi assim”

Por Renato Janine Ribeiro

Tenho insistido faz algum tempo que as universidades federais estão em sério risco com o governo Bolsonaro. Infelizmente, parece que muita gente, inclusive alguns reitores, não notou isso até agora. Continuou-se, em várias universidades federais, a votar para reitor como se estivéssemos num governo democrático, normal, que valorizaria a escolha da comunidade.

(mais…)

Ler Mais

Bolsonaro edita MP que muda escolha de reitor e reduz autonomia de federais

Coordenadora da Frente Parlamentar pela Valorização das Universidades Federais disse que vai questionar medida provisória dada a ausência de urgência que justifique uso do instrumento

Por Folhapress, em O Tempo

O governo Jair Bolsonaro (sem partido) editou uma medida provisória que altera o formato de escolha de reitores de instituições federais de ensino. O texto reduz a autonomia das universidades ao eliminar possibilidade de consulta paritária à comunidade acadêmica.

(mais…)

Ler Mais

Entrevista: Sandices de Weintraub abrem as portas para invasão por universidades estrangeiras, diz ex-reitor da UFABC

Por Nathalia Braga, no The Intercept Brasil

POUCAS COISAS PODERIAM ser mais diferentes de uma plantação de maconha do que o laboratório de engenharia onde conversei em meados de dezembro com o professor Luiz Bevilacqua, dentro do campus da Universidade Federal do Rio de Janeiro, a UFRJ. Não que surpreenda que as sandices do atual ministro da educação, Abraham Weintraub, não tenham lastro algum na realidade. Além de descrever as “extensas plantações de maconha” presentes nos campi das federais, Weintraub também gosta de reforçar que as universidades brasileiras – ele é empregado de uma delas – são irrelevantes.

(mais…)

Ler Mais

Maioria dos brasileiros defende educação gratuita da creche à universidade

Pesquisa Datafolha mostra que 70% partilham da opinião no caso das creches, 79% no ensino fundamental e médio e 67% no ensino superior

Na Carta Capital

A maior parte da população brasileira considera que o governo tem que oferecer educação gratuita a todos e não só aos que não podem pagar, da creche à universidade. É o que aponta pesquisa Datafolha divulgada neste domingo 22.

(mais…)

Ler Mais

Audiência pública envolvendo órgãos e entidades federais e estaduais debate garantias à liberdade de ensino na Paraíba

Comunidade escolar foi ouvida pelo MPF, MPT, MPPB, DPU, DPE, OAB, órgãos dos Poderes Executivo e Legislativo, entidades e movimentos sociais

Durante aproximadamente quatro horas, na tarde do Dia Internacional dos Direitos Humanos (10 de dezembro), professores, estudantes e pais de alunos foram ouvidos em João Pessoa (PB) por representantes de órgãos públicos, dos Poderes Executivo e Legislativo, de entidades e movimentos sociais durante audiência pública na qual foi discutida a liberdade de cátedra (liberdade de ensino) nas escolas da Paraíba. A audiência, promovida pelo Ministério Público Federal (MPF), Ministério Público do Trabalho (MPT), Ministério Público Estadual (MP/PB), Defensoria Pública da União (DPU), Defensoria Pública Estadual (DPE/PB) e Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), ocorreu na Escola Cidadã Integral Francisca Ascensão Cunha (FAC), no bairro dos Bancários, em João Pessoa.

(mais…)

Ler Mais