O que muda (para pior) no financiamento do SUS

Ministério da Saúde ameaça tirar mais de 50% dos recursos de alguns municípios. Unidades Básicas serão financiadas por quantidade de pessoas cadastradas e por “produtividade”. Princípio da universalidade, essencial ao sistema, é ameaçado

Por Luiza Pinheiro, no Inesc / Outras Palavras

Primeiro, o que é atenção básica?

A atenção básica à Saúde (ABS) ou atenção primária é conhecida como a porta de entrada dos sistemas de saúde. Ou seja, é o atendimento inicial, o primeiro nível de atenção. Ela oferece desde a promoção da saúde (por exemplo, orientações para uma melhor alimentação) e prevenção (como vacinação e planejamento familiar) até o tratamento de doenças agudas e infecciosas, bem como controle de doenças crônicas, cuidados paliativos e reabilitação. A ABS organiza o fluxo dos serviços nas redes de atenção à saúde, dos mais simples aos mais complexos.

(mais…)

Ler Mais

Alteração no financiamento da Atenção Primária à Saúde é tema de diálogo com a PFDC

Durante reunião, presidente do Conselho Nacional de Saúde destacou que as mudanças afrontam o princípio da universalidade consagrado pelo SUS

A mudança no modelo de financiamento de custeio da Atenção Primária à Saúde – proposta pelo Programa Previne Brasil por meio da Portaria nº 2.979/2019 do Ministério da Saúde – foi tema de diálogo na segunda-feira (1) entre a procuradora federal dos Direitos do Cidadão, Deborah Duprat, e o presidente do Conselho Nacional de Saúde (CNS), Fernando Zasso Pigatto.

(mais…)

Ler Mais

Mineração em Barcarena: moradores do bairro Dom Manoel têm alto nível de chumbo no sangue

Em artigo científico, pesquisadores do Instituto Evandro Chagas, no Pará, atestaram que exposição ao elemento químico pode ser resultado da queima de combustíveis fósseis nas indústrias

Por: Cicero Pedrosa Neto, no Amazônia Real

Barcarena (PA) – O bairro Dom Manoel está localizado às margens da rodovia estadual PA 483, uma das vias que liga a capital Belém ao município de Barcarena, nordeste do Pará. Uma pequena placa suspensa em uma parada de ônibus assinala a entrada do “bairro fantasma”. No lugar não tem moradores. As casas começaram a ser desmontadas no ano de 2012, dando lugar a pilhas de tijolos que, com o tempo, foram levados para outros lugares ou furtados. Muitos desses vestígios e escombros permanecem como testemunhas da história de abandono do local, como se as 147 famílias que viviam ali tivessem saído às pressas.

(mais…)

Ler Mais

Saúde dos brasileiros é tema de edição especial da Revista Lancet. Crianças terão dificuldade para respirar no futuro

Publicação enfatiza os avanços e desafios do SUS e mostra a evolução recente das principais doenças e fatores de risco que afligem a população brasileira

No Otics

A revista The Lancet, uma das publicações mais renomadas da área da saúde no mundo, lançou no dia 9/5, uma edição dedicada, exclusivamente, sobre a “Saúde dos Brasileiros”. O lançamento aconteceu na Organização Pan-Americana de Saúde, em Brasília, e contou com a presença de grandes pesquisadores da saúde pública brasileira.

(mais…)

Ler Mais

MPF recomenda que atendimento à saúde do povo Zo’é, no Pará, não seja alterado sem consulta aos indígenas

Dezoito membros do MPF também recomendam que a Sesai não se intrometa em decisões sobre controle de ingresso de terceiros em terras indígenas, o que é atribuição da Funai

Ministério Público Federal no Pará

O Ministério Público Federal (MPF) enviou, nesta quarta-feira (6), recomendação a autoridades responsáveis pelo atendimento à saúde do povo indígena Zo’é, no oeste do Pará, para que não promovam qualquer alteração na forma de implementação da política diferenciada de saúde a esse povo e para que não substituam profissionais das equipes multidisciplinares sem antes proceder à consulta livre, prévia, informada e culturalmente adequada aos indígenas, nos termos da Convenção 169 da Organização Internacional do Trabalho (OIT).

(mais…)

Ler Mais

Casai Teresina (PI): Justiça atende a pedido do MPF e determina manutenção do local

No MPF

A pedido do Ministério Público Federal (MPF) a Justiça, por meio da 5ª Vara Federal, condenou a União na obrigação de manter a Casa de Saúde Indígena (Casai), de Teresina (PI), em pleno funcionamento, de forma a assegurar a prestação de serviços de maneira regular e adequada à comunidade indígena. O procurador regional dos Direitos do Cidadão no Piauí, Kelston Lages, acredita que a decisão é de grande relevância para a comunidade indígena do estado no momento em que se constata um esvaziamento da rede de proteção aos índios com o fechamento inclusive da Coordenação Técnica Local do Município de Piripiri (PI), localizado a aproximadamente 188 km da capital Teresina. “A decisão da Justiça que atendeu ao pleito do Ministério Público Federal ameniza essa situação de esvaziamento uma vez que assegura a assistência à saúde aos grupos indígenas, inclusive àqueles que se encontram desaldeados, com ações de baixa, média e alta complexidade”, frisa.

(mais…)

Ler Mais

Falta de protocolo compromete atendimento aos voluntários intoxicados pelo petróleo cru

Por Mariama Correia, no Marco Zero (colaborou Raíssa Ebrahim)

As manchas vermelhas que coçam apareceram nas pernas do voluntário Igor Travassos no último dia 24 de outubro. Ele trabalhou na limpeza das praias atingidas pelo petróleo em Pernambuco entre os dias 21 e 23, mas os sintomas de intoxicação começaram apenas no dia seguinte ao último contato direto com o óleo.

(mais…)

Ler Mais

Brumadinho: Sem acesso a exames, 1 milhão de pessoas podem ter metal pesado no sangue

BrumadinhoSem acesso a exames1 milhão de pessoas podem ter metal pesado no sangue

Por Pedro Stropasolas, no Brasil de Fato

O caminhão inutilizado, o filho caçula que abandonou a pesca e as brincadeiras, e as infecções na pele que atrapalham o sono. A vida de Aílton Silva, morador do município de Citrolândia (MG), a 20 km de Brumadinho, há meses se resume a tardes de confinamento em sua própria casa.

(mais…)

Ler Mais

Nota do PPGSAT/UFBA pela declaração de estado de emergência em saúde pública para controle dos riscos decorrentes da maior tragédia de contaminação pelo petróleo na costa do Brasil

“A situação de Emergência Ambiental nos estados do Nordeste é essencial para o controle do desastre/crime identificado em 30 de agosto de 2019, que resultou no grande derramamento de petróleo que atinge o litoral da região Nordeste do país. Entretanto, há necessidade de intervenção complementar do Setor Saúde e, para isso, se propõe que seja declarado Estado de Emergência em Saúde Pública pelas seguintes características: 

(mais…)

Ler Mais

Incertezas e precarização são os efeitos mais visíveis na saúde mental dos trabalhadores. Entrevista especial com Daniel Viana Abs da Cruz

Por: João Vitor Santos, em IHU On-Line

As transformações geradas pela Revolução 4.0 no mundo do trabalho não têm como consequência apenas a diminuição de postos de trabalho, mas também suscitam questões sobre a saúde mental tanto dos trabalhadores que já foram substituídos por máquinas, quanto daqueles que ainda nem ingressaram no mercado, como jovens e adolescentes. “Como se sente e se percebe um adolescente hoje ao acessar um mundo do trabalho que constantemente diz que só há espaço para vencedores, e que o vencedor é o mais veloz, o mais conectado, o mais empreendedor (com inglês fluente, conhecimento em finanças, e big data) e o mais hábil com suas emoções (suporta a tudo e a todos, com felicidade, gentileza e gratidão)? Como é para um adolescente perceber um mundo do trabalho que gera um imaginário de riqueza aos 20 anos, mas que muitas vezes só trabalhos precarizados, quando existem, consegue oferecer? Penso que essas questões precisam ser feitas para atendermos melhor nossa infância e adolescência hoje”, afirma o psicólogo Daniel Viana Abs da Cruz à IHU On-Line.

(mais…)

Ler Mais