‘O Conama foi ferido na alma’: Conselheiro capixaba foi agredido em reunião após segregação inédita do ministro Ricardo Salle

Por Fernanda Couzemenco, no Século Diário

Na primeira reunião ordinária do ano do Conselho Nacional de Meio Ambiente (Conama), realizada nessa quarta-feira (20), o regimento interno foi atropelado e uma série de constrangimentos e até agressões físicas aconteceram.

Uma das vítimas foi o representante do Governo do Espírito Santo, Mário Stella Cassa Louzada, atual diretor-presidente do Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal (Idaf). Conselheiro há 14 anos no Conama, entre titularidades e suplências, Mário Louzada atualmente é suplente e foi impedido, por guardas armados, de entrar na sala principal da reunião.

(mais…)

Ler Mais

O Olavo do mercado

A mídia gosta de diferenciar os olavetes e fanáticos religiosos, que formariam a “ala psiquiátrica” do governo, de seu homem no Ministério da Economia. Mas Paulo Guedes não é tão diferente do guru de Richmond, em seu apego a teorias sem fundamento e em sua arrogância e truculência na discussão pública

Por Luis Felipe Miguel, no blog da Boitempo

Nas eleições do ano passado, diante da inviabilidade eleitoral de seus candidatos, os grupos dominantes do Brasil se viram frente a uma encruzilhada. Podiam reabrir um caminho de negociações com o PT, que lançara um candidato presidencial mais do que palatável, Fernando Haddad, e assinalava com clareza sua disposição para pactuar um lulismo 2.0, adequado às condições adversas do pós-golpe de 2016. Esse caminho implicava restabelecer algum grau de vigência da Carta de 1988 e alguma moderação no frenesi pela destrutiva de direitos e de políticas de proteção social. A outra opção era apoiar um candidato destemperado e despreparado, notabilizado por seu discurso histriônico de apologia à violência e com notórias ligações suspeitas com grupos criminosos. A burguesia, as elites políticas tradicionais, a imprensa e as classes médias não titubearam e escolheram a segunda opção.

(mais…)

Ler Mais

Para Jean Wyllys, prisão de Temer é ameaça velada de Moro a Maia

Ex-deputado também acredita que há ligação entre a família Bolsonaro e os assassinos de Marielle Franco

Entrevista de Márcia Bechara, da RFI, na Carta Capital

O ex-deputado federal Jean Wyllys, que cumpre há cerca de uma semana uma agenda de compromissos em Paris, concedeu entrevista exclusiva nesta quinta-feira 21 à RFI. Ele comentou as prisões do ex-presidente brasileiro Michel Temer e do ex-ministro Moreira Franco, que classificou de “cabo de guerra entre facções políticas que deram o golpe de 2016”. Wyllys falou também sobre exílio, refúgio político, planos para o futuro e o governo de Jair Bolsonaro no Brasil.

(mais…)

Ler Mais

Fala de Onyx sobre Pinochet aumenta resistência a Bolsonaro no Chile, com protestos dos Presidentes da Câmara e do Senado

Ministro disse que houve “banho de sangue”, mas bases econômicas foram fixadas. Parlamentares querem presidente “persona não grata” no país

Por Cristina Serra, enviada especial do Metrópoles

Aumentaram os protestos de parlamentares chilenos contra a visita do presidente da República brasileiro, Jair Bolsonaro (PSL), ao país. Agora, as mobilizações são reforçadas por uma declaração do ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni (DEM-RS). Em entrevista à rádio BandNews FM, Onyx justificou a ditadura chilena, comandada pelo general Augusto Pinochet entre 1973 e 1990.

(mais…)

Ler Mais

Em queda livre. Por Vladimir Safatle

O desmonte brasileiro será feito com declínio da popularidade do governo

Na Folha

Foram necessários três meses para que o desgoverno Bolsonaro se consolidasse como o responsável pela mais baixa aprovação de um presidente em primeiro mandato nos últimos 24 anos. 

O nível de confiança passou de 55% em fevereiro para 49% em março. A queda de sua popularidade, como todos já sabem agora, foi de 15% desde o dia de sua posse.

(mais…)

Ler Mais

Professora fala sobre militarização de escolas em Goiás: ‘estamos colecionando e exportando lixo tóxico’

Por Luís Eduardo Gomes, no Sul21

Do pouco que se sabe do projeto de educação do presidente Jair Bolsonaro (PSL) para a educação — além da perseguição a professores supostamente doutrinadores –, desde a campanha ele defende a implementação da educação militarizada na rede pública. Como isso será feito, ainda é uma incógnita, se ampliando a rede de colégios militares administrados pelo Exército — como o Colégio Militar de Porto Alegre (CMPA) — ou se incentivando a militarização das redes estaduais. Este último um processo que já vem ocorrendo há pelo menos duas décadas no estado de Goiás, tendo sido acelerado nos últimos anos e ampliado para outros estados.

(mais…)

Ler Mais

Obrigado por mostrar como se faz, Jacinda Ardern

Com proibição de armas de estilo militar, apoio às vítimas e solidariedade a muçulmanos, premiê mostra que a política pode ser algo simples e feito com sensibilidade e sensatez

Por Martin Muno, Deutsche Welle

Quando pessoas indefesas são mortas por terroristas, sentimentos como incredulidade e horror são dominantes. Os políticos se refugiam em lugares-comuns. Outros exigem leis mais rígidas ou condenam grupos sociais inteiros por ações individuais.

(mais…)

Ler Mais

‘Anistia’ para migrantes grávidas que derem filhos para adoção choca espanhóis

Proposta de lei do partido conservador espanhol tem provocado intenso debate na Espanha. Migrantes que chegassem ao país grávidas poderiam ter sua situação regularizada, se aceitarem entregar seus bebês para adoção

por RFI, no G1

Uma proposta de lei do partido conservador espanhol tem provocado intenso debate na campanha das eleições legislativas antecipadas de 28 de abril na Espanha. Migrantes que chegassem ao país grávidas poderiam ter sua situação regularizada, se aceitarem entregar seus bebês para adoção.

(mais…)

Ler Mais

Maia critica Moro e diz que pacote anticrime será votado após Previdência

“Ele é funcionário do presidente Bolsonaro. Então, o presidente é que tem que conversar comigo”, disse o presidente da Câmara

por Murilo Souza, em Câmara dos Deputados

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, criticou nesta quarta-feira (20) o ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sérgio Moro, por ter defendido a tramitação simultânea do pacote anticrime com a reforma da Previdência.

(mais…)

Ler Mais

Nunca fomos tão pequenos

Atitude submissa, alienação e oportunismo mofado marcaram visita de Bolsonaro a Trump. Felizmente, mostra o novo Ibope, pode durar pouco – desde que haja uma oposição

por Antonio Martins, em Outras Palavras

No início desta tarde (20/3), o Ibope tornou públicos os dados da primeira pesquisa de opinião sobre o governo Bolsonaro feita por um instituto relevante. O desgaste foi rápido, nos dois primeiros meses de mandato. O presidente, que já não assumiu com popularidade excepcional, perdeu 15 pontos percentuais de apoio, em 60 dias. Agora, apenas 34% consideram seu governo “ótimo” ou “bom”. No gráfico abaixo a queda fica mais nítida. Agora, a linha que representa as opiniões favoráveis, descendente já se encontra com o “regular” e se aproxima perigosamente daquela que registra a crítica, os que julgam o governo “ruim” ou “péssimo”.

(mais…)

Ler Mais