Cidinha da Silva: Precisamos reagir ao genocídio da população negra sem tripudiar na dor das famílias

No The Intercept Brasil

AS VARIAÇÕES DO BORDÃO IRREFLETIDO que atribui à Marielle morta poderes de promover justiça ou vingança sobre seus algozes, como “Marielle vai nos vingar”, podem ser lidas como ingenuidade, boa fé desprovida de leitura política, ou ainda o modismo de tornar tudo um espetáculo. Mas desconsidera a dor das famílias, amigas, companheiras, admiradoras e todas as pessoas que de alguma forma se sentem sobreviventes de um crime que nos assombrará para sempre.

(mais…)

Ler Mais

Negros são 82% dos resgatados do trabalho escravo no Brasil

Maioria dos 2.043 negros e pardos encontrados em situação análoga à escravidão entre 2016 e 2018 é de jovens, nordestinos e sem escolaridade. Para especialistas, dados revelam a marginalização das populações negras.

Por Daniela Penha, em Repórter Brasil / CPT

Uma família de homens e mulheres negras. Nenhum dos quatro filhos conseguiu terminar o ensino médio. Cresceram na roça e começaram a trabalhar ainda crianças. João (nome fictício), de 26 anos, deixou a escola na sexta série, por volta dos 12 anos. Desde então, trabalha cortando cana ou colhendo café.  Em agosto de 2018, foi um dos 18 trabalhadores resgatados em situação análoga à de escravo em uma fazenda de café em Minas Gerais. 

(mais…)

Ler Mais

‘A maioria das sentenças são machistas, racistas e excludentes’, diz estudioso da branquitude na Justiça brasileira

Por Annie Castro, no Sul21

Dos mais de 700 mil presos cumprindo pena nas prisões brasileiras, 61,7% são pessoas pretas ou pardas, de acordo com o Infopen, plataforma do Ministério da Justiça que reúne estatísticas do sistema penitenciário brasileiro. Para o pesquisador e professor Edileny Tomé da Mata, natural de São Tomé e Príncipe, a realidade do sistema carcerário do Brasil é um reflexo da branquitude na Justiça, ou seja, de privilégios simbólicos e subjetivos vivenciados pela maioria dos magistrados e magistradas do país.

(mais…)

Ler Mais

Tradutor de Tolstói conta alegrias e dramas de um professor da rede pública

Renomado tradutor de Tolstói relembra, em depoimento tocante, 30 anos como professor na rede estadual do Rio, tempo marcado por condições precárias e posteriores melhorias, hoje sob ameaça, pela dura constatação da desigualdade e pela emoção de ensinar adultos a ler.

Por Rubens Figueiredo, na Folha

Fui professor de português na rede estadual do Rio de Janeiro por 30 anos, no turno da noite, em dois colégios e em três prédios. O primeiro era da década de 1960 e, em 1984, quando pela primeira vez pus os pés na sua escada, tinha um aspecto que vale a descrição.

(mais…)

Ler Mais

Patricia Collins: “Os EUA têm instituições democráticas, mas não têm uma democracia”

Autora de ‘Pensamento Feminista Negro’ vê como positivo o aumento da representação dos negros na mídia mas enfatiza que isso não substitui a representação política

Por Rute Pina, em Agência Pública

A socióloga e ativista estadunidense Patricia Hill Collins cita produções cinematográficas recentes, como o filme Pantera Negra e a obra da cineasta Ava DuVernay, para afirmar que estamos na “era de ouro” da representação das mulheres negras na mídia. Ao mesmo tempo, ela faz um alerta: a representatividade pode ser sedutora, mas é não suficiente se não vier acompanhada da participação política.

(mais…)

Ler Mais

CDHM pede ao governo e justiça de São Paulo providências na apuração do caso do menino torturado porque roubou chocolates

por Pedro Calvi / CDHM

A vítima de 17 anos foi chicoteada nas costas, durante cerca de 40 minutos, por dois seguranças de um supermercado. Um vídeo, divulgado em redes sociais nesta segunda-feira (2), mostra que o adolescente se contorce de dor a cada golpe. O espancamento ocorreu numa manhã do mês de agosto. Na terceira chibatada, um dos agressores ri, manda a vítima se virar e comenta: “não quebrou nada”. Mais adiante, um dos agressores avisa: “vai tomar mais uma para a gente não te matar. Você vai voltar?” A sessão de tortura aconteceu no depósito de um supermercado da Rede Ricoy, na Vila Joaniza, zona sul da capital paulista. Também na segunda-feira foi instaurado inquérito policial no 80º DP e funcionários do estabelecimento vão depor. A rede supermercadista informou que os seguranças foram afastados de suas funções. No boletim da ocorrência, o adolescente disse que foi chicoteado porque furtou barras de chocolates do supermercado.

(mais…)

Ler Mais

Ministério da Economia inviabiliza recursos da ONU para estados do Nordeste

Maranhão e Ceará, governados por opositores de Bolsonaro, deixam de receber 45 milhões de dólares em financiamento a pequenos agricultores

Por Marcelo Menna Barreto, em Extra Classe

Os estados do Maranhão e Ceará governados por partidos de esquerda e opositores do governo Bolsonaro perderam 45 milhões de dólares de financiamento do Fundo Internacional para o Desenvolvimento Agrícola da ONU (Ifad) por falta de aprovação da Comissão de Financiamento Externo do Ministério da Economia (Cofiex). Os recursos perdidos seriam utilizados para a instalação de cisternas, apoio a pequenos agricultores, comunidades indígenas e quilombolas. Segundo estimativas, 100 mil famílias deixarão de ser atendidas pelo programa das Nações Unidas.

(mais…)

Ler Mais

Jornalista é condenado por ofensas à Comunidade Indígena Morro dos Cavalos, SC

Justiça Federal em Santa Catarina

A juíza Marjôrie Cristina Freiberger, da 6ª Vara da Justiça Federal em Florianópolis (Ambiental) condenou o jornalista Moacir Pereira ao pagamento de R$ 50 mil de indenização por danos morais à Comunidade Indígena Morro dos Cavalos, de Palhoça (SC). A sentença, proferida sexta-feira (21/6/2019), atendeu a pedido da Defensoria Pública da União (DPU), que alegou a publicação, no blog e na coluna do jornalista, vinculados a jornal de grande circulação no Estado, de afirmações preconceituosas e discriminatórias contra a comunidade. O jornalista, que em sua defesa alegou exercer o “papel de informar, comentar e abordar assuntos de interesse da população”, pode recorrer ao Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), em Porto Alegre.

(mais…)

Ler Mais

Descobertas redes de extrema direita com meio bilhão de visualizações na Europa

Relatório da Avaaz revela redes de ódio em sites como Facebook antes de eleições da União Europeia

Redação Brasil de Fato*

Um novo relatório da ONG Avaaz divulgado nesta quarta-feira (22) mostra que pelo menos 533 milhões de europeus, nos últimos três meses, foram expostos a propaganda de extrema direita, mensagens de ódio, notícias e citações falsas e vídeos editados para estigmatizar imigrantes.

(mais…)

Ler Mais