”Estamos vendo o início da era da barbárie climática.” Entrevista com Naomi Klein

Nesta entrevista, a autora de “Sem logo” fala sobre possíveis soluções, de Greta Thunberg, das greves de nascimento e sobre onde ela encontra esperança.

por Natalie Hanman, em The Guardian / IHU On-Line*

Por que você está publicando o livro “On Fire: The (Burning) Case for a Green New Deal here” [Pegando fogo: a (ardente) defesa de um New Deal Verde, em tradução livre] agora?

Eu ainda sinto que o modo como falamos sobre as mudanças climáticas é muito compartimentado, muito isolado das outras crises que enfrentamos. Um tema realmente forte que atravessa o livro são os vínculos entre isso e a crise da supremacia branca crescente, as várias formas de nacionalismo, o fato de tantas pessoas serem expulsas das suas pátrias e a guerra que é travada pela nossa atenção. São crises intercruzadas e interconectadas, e, portanto, as soluções também precisam ser.

(mais…)

Ler Mais

Minas Gerais: como estão as pessoas que saíram de suas casas por risco de barragens?

Assim que a barragem de Brumadinho rompeu, em janeiro, pelo menos seis cidades tiveram alertas de risco

Rafaella Dotta, Brasil de Fato 

No final de janeiro, o pânico se espalhou por Minas Gerais. As mortes e a lama da barragem da Vale, em Brumadinho, fez com que muita gente perdesse o sono e a sua própria casa. Barragens da Vale e de outras mineradoras passaram a apresentar níveis 2 e 3 de risco e populações de seis cidades mineiras foram evacuadas às pressas em menos de dois meses.

(mais…)

Ler Mais

MPF em Minas pede esclarecimentos à Fundação Renova sobre reuniões secretas com atingidos

Os encontros fora de pauta e sem qualquer comunicação aos demais atingidos têm gerado desconfiança e conflitos nas comunidades. Para o MPF, tal procedimento viola diversas cláusulas dos acordos firmados com as empresas e com a própria Renova

Ministério Público Federal em Minas Gerais

O Ministério Público Federal (MPF) em Belo Horizonte (MG) requisitou ao presidente da Fundação Renova informações sobre reuniões de caráter sigiloso que teriam sido realizadas com atingidos pelo rompimento da Barragem de Fundão, ocorrido em Mariana (MG) em novembro de 2015.

(mais…)

Ler Mais

Por negligência, entes públicos têm que indenizar e recuperar danos da mineração ilegal de ouro, defende MPF

MPF acusa União, Agência Nacional de Mineração e Banco Central de serem omissos na tomada de medidas contra ilegalidades da cadeia econômica

Ministério Público Federal no Pará

O Ministério Público Federal (MPF) pediu à Justiça que, em conjunto com um grupo responsável por fraudes no comércio de ouro no sudoeste do Pará, a União, a Agência Nacional de Mineração (ANM) e o Banco Central (BC) sejam obrigados a recuperar a área degradada e a indenizar povos indígenas e a sociedade em geral. O grupo de fraudadores é acusado de incentivar a extração ilegal do ouro, e os entes públicos são acusados de terem sido omissos na tomada de medidas para evitá-la e combatê-la.

(mais…)

Ler Mais

“Não há segurança de que o ouro do seu anel não seja clandestino”, diz procurador do MPF

Luís de Camões Boaventura explicou à Pública o descontrole da cadeia econômica do ouro paraense, que movimenta ilegalmente seis vezes mais recursos que o mercado legal

Por Ciro Barros, Agência Pública

O Ministério Público Federal no Pará moveu neste ano uma das maiores ações da história do país no combate à comercialização ilegal de ouro. Denunciada pelo órgão, a empresa Ourominas foi apontada como receptadora de mais de 600 kg de ouro ilegal, o que gerou à União um prejuízo de cerca de R$ 70 milhões. A investigação do caso, no entanto, revelou falhas graves no controle da cadeia econômica do ouro como um todo – desde a extração até a venda do produto beneficiado ao consumidor final. “A principal revelação [da investigação] é que no Brasil não há nenhum controle, zero controle, sobre a cadeia econômica do ouro”, diz o procurador Luís de Camões Boaventura, titular do 1º Ofício da Procuradoria da República em Santarém, que recebeu a Agência Pública para esta entrevista. Boaventura e outros quatro procuradores ajuizaram na esfera cível a União, a Agência Nacional de Mineração (ANM) e o Banco Central por conta da ausência de fiscalização sobre um dos bens mais cobiçados da Amazônia.

(mais…)

Ler Mais

Carta Política IX Encontro e Feira dos Povos do Cerrado

Por Rede Cerrado, na CPT

A Rede Cerrado, articulação entre entidades sem fins lucrativos, fundada em 1992 durante o Fórum Global 92, como resultado da assinatura do “Tratado dos Cerrados”, realizadora do IX Encontro e Feira dos Povos do Cerrado, suas entidades filiadas e organizações de base comunitária que compõem seu alicerce de atuação, povos indígenas, comunidades quilombolas, geraizeiros/as, raizeiras/os, veredeiros/as, quebradeiras de coco babaçu, vazanteiros/as, retireiros/as do Araguaia, agroextrativistas, agricultores/as familiares, reunidos em Brasília-DF, entre os dia 11 a 14 de setembro de 2019, reafirmamos nosso compromisso na defesa do Cerrado e de seus povos.

(mais…)

Ler Mais

Enquanto Câmara debate menos veneno na comida, governo libera mais 63 agrotóxicos

Entidades e parlamentares pressionam pela aprovação da política nacional para redução do uso de pesticidas no Brasil

Cristiane Sampaio*, Brasil de Fato

O Ministério da Agricultura liberou, nesta terça-feira (17), mais 63 agrotóxicos para serem usados no Brasil. Do total, 56 são genéricos de pesticidas existentes no mercado, cinco são produtos novos e dois são princípios ativos para produção de venenos ainda inéditos.

(mais…)

Ler Mais

Activistas jóvenes intervienen en la agenda ecológica global

Tres mujeres lideran el activismo ambiental juvenil a nivel mundial. La sueca Greta Thunberg (16) lidera protesta en Nueva York, la americana Nadia Nazar (16) pide responsabilizar a las corporaciones y la española Patricia Ramos (19) demanda acciones al Gobierno de España y a la Unión Europea.

Por José Díaz, en Servindi

Desde hace unos días Nueva York y Washington se han convertido en el centro del debate público sobre el cambio climáticos y las políticas globales. Desde que la activista sueca de 16 años, Greta Thunberg llegó a los Estados Unidos, la agenda ambiental se ha agitado en este país, a poco de la celebración de la Cumbre de Acción Climática de las Naciones Unidas.

(mais…)

Ler Mais

Uma semana contra o Capitalismo de Desastre

Greve Global pelo Clima, que começa sexta, já contagia centenas de cidades. Autora de “A Doutrina do Choque” afirma: sistema não é invencível; mas é preciso superar o “sentimento de apocalipse inevitável que permeia nossa cultura”

Por Naomi Klein*, em Outras Palavras

Estamos vivendo tempos assustadores. Como Greta Thunberg tem dito com frequência: “Nossa casa está pegando fogo”. E eu acredito firmemente que três coisas devem estar alinhadas, se quisermos extinguir as chamas. Para começar, precisamos de coragem para sonhar com outro tipo de futuro. Para afastar o sentimento de apocalipse inevitável que permeia nossa cultura. Para nos dar orientação, um objetivo comum, um vislumbre do mundo pelo qual estamos trabalhando.

(mais…)

Ler Mais

Parecer do MPF aponta danos milionários causados pela extração ilegal de ouro à Floresta Amazônica

Documento requisitado pela FT Amazônia auxiliará na atuação de procuradores da República em casos de apreensão de ouro ilegal

Procuradoria da República no Amazonas

O Ministério Público Federal (MPF) produziu parecer para quantificação de danos ambientais decorrentes de atividades de exploração mineral de ouro no bioma amazônico. A fórmula foi desenvolvida por peritos da Secretaria de Perícia, Pesquisa e Análise (SPEA) do MPF, a pedido da Força-Tarefa Amazônia. O objetivo é auxiliar procuradores da República a identificar a grandeza, em valores pecuniários, da destruição causada pela extração ilegal de ouro em solo amazônico, viabilizando o ajuizamento de ações civis públicas e a adoção de outras medidas judiciais para a reparação dos prejuízos causados à floresta.

(mais…)

Ler Mais