Conselho de Gestão Ka’apor: “Nosso Plano de Vida e nossa força é maior que as mentiras e ameaças do governo e madeireiros”

No dia 2 de agosto, este blog recebeu uma “Nota de Associação Kaapor Tá Hury do Rio Gurupi”, acompanhada de um pedido de divulgação que acolhemos. O documento abaixo é a resposta do Conselho de Gestão Ka’apor à nota em questão. (TP)

***

Nosso Plano de Vida e nossa força é maior que as mentiras e ameaças do governo e madeireiros

Nos do Conselho de Gestao Ka’apor queremos esclarecer pra vocês que nossa organização é do nosso povo. Surgiu da nossa cultura, representa nossos antigos Tuxa. Nós temos uma historia que fala da origem dos Tuxa, do nosso Conselho de Gestao Ka’apor. (mais…)

Ler Mais

A liberdade em tempos sombrios

Por Márcio Sotelo Felippe , no Justificando

Em um artigo publicado em 1944, A república do silêncio, Sartre escreveu que os franceses nunca foram tão livres quanto no tempo da ocupação alemã. Um chocante e brilhante paradoxo que só a grande Filosofia, como exercício de pensar fora do senso comum, é capaz de produzir. Por que os franceses eram livres se todos os direitos haviam sido aniquilados pelos alemães e não havia qualquer liberdade de expressão? Como se podia ser livre sob a cerrada opressão do invasor que fiscalizava os gestos mais triviais do cotidiano? Porque, dizia Sartre, cada gesto era um compromisso. A resistência significava uma escolha e, pois, um exercício de liberdade. Significava não renunciar à construção de sua própria existência quando os invasores queriam moldá-la, reduzindo-a a objeto passivo e sem forma. (mais…)

Ler Mais

TRF5 mantém decisão do júri popular no caso Manoel Mattos

Por unanimidade, a Terceira Turma negou provimento às apelações das defesas dos réus e do Ministério Público Federal para anular a sentença da 36ª Vara Federal de Pernambuco

TRF5

Por unanimidade, a Terceira Turma do Tribunal Regional Federal da 5ª Região – TRF5 negou provimento, nesta quinta-feira (10/08), às apelações do Ministério Público Federal (MPF) e da defesa dos acusados pelo assassinato do advogado e ativista dos direitos humanos Manoel Mattos. A vítima foi executada em janeiro de 2009, na praia de Pitimbu/PB. As partes apelaram contra sentença da 36ª Vara Federal de Pernambuco, após Júri Popular realizado no Recife/PE, em 2015, que condenou José da Silva Martins e Flávio Inácio Pereira pelo crime, e absolveu outros três réus. (mais…)

Ler Mais

Quase 15 anos de autogoverno Zapatista: Em Chiapas, a revolução continua

No início dos anos 1990, o levante zapatista encarnou uma opção estratégica: mudar o mundo sem tomar o poder. A chegada ao governo de forças de esquerda na América Latina, alguns anos depois, parecia tirar-lhes a razão. Mas, da Venezuela ao Brasil, as dificuldades das administrações progressistas levantam uma questão: como está Chiapas?

Por François Cusset, no Le Monde Diplomatique Brasil (mais…)

Ler Mais

A coroa de lata e o rei do Amazonas, por José Ribamar Bessa Freire

No Taqui Pra Ti

De longe, eu te avistei, meu maninho, meu irmão, assistindo o debate na quinta-feira (3) na Rede Amazônica, entre os oito candidatos a governador na eleição de domingo (6). O primeiro a falar foi Amazonino: “Eu acumulei experiência” – ele disse, sem especificar, mas nós sabemos qual a experiência que ele entesourou. “Dá para você pelo menos ter de volta o que já teve” – prometeu. Anunciava assim devolução do que foi subtraído ao povo? Foi ai, meu maninho, meu irmão, que você, empanturrado com tanto blá-blá-blá, desligou a TV e eu me lembrei da eleição para prefeito de Manaus em 2004. (mais…)

Ler Mais

Aula Magna e Ato em Defesa dos Direitos dos Povos Indígenas e Quilombolas: contra o marco temporal, na UnB, 11/08

No Índio é Nós

No dia 16 de agosto, é possível que o Supremo Tribunal Federal julgue três ações sobre o chamado marco temporal, tese anti-indígena que tem a finalidade de limitar as demarcações de terras no Brasil. Tanto os povos originários quanto os quilombolas, que também estão sob a ameaça de aplicação dessa tese inconstitucional, vêm se mobilizando contra esse marco, que pretende negar as territorialidades históricas desses povos, bem como legitimar o genocídio que eles sofreram e a usurpação de suas terras por invasores e grileiros. (mais…)

Ler Mais

Temer comprou o que há de pior no Congresso para se salvar, diz deputado, por Leonardo Sakamoto

No blog do Sakamoto

Se a Câmara dos Deputados confirmar os prognósticos e não garantir os 342 votos para afastar Michel Temer a fim de que seja julgado pelo Supremo Tribunal Federal por corrupção passiva, podemos ter uma Presidência da República sequestrada por deputados que representam apenas a si mesmos e aos interesses de seus patrocinadores. (mais…)

Ler Mais

Um Rio de ódio: a cada 61 casos de injúria por preconceito, apenas um réu é condenado no estado

Por Bruno Alfano, Luã Marinatto, Pedro Zuazo e Rafael Soares, no Extra

A cada seis horas, uma vítima procura a polícia no estado para denunciar casos de intolerância. Só no ano passado, segundo o Instituto de Segurança Pública (ISP), foram 1.511 registros de injúria qualificada por preconceito de raça, cor, etnia, religião, origem e condição de pessoa idosa ou portadora de deficiência — basicamente, a tipificação que abrange quase todas as formas de discriminação, exceto a homofobia. No capítulo final da série de reportagens “Um Rio de Ódio”, o EXTRA mostra que, apesar de tão frequentes nas delegacias, esses crimes se alimentam da dificuldade do poder público em punir os culpados: no mesmo período, apenas 23 réus foram responsabilizados por seus atos preconceituosos, numa média de 61 ocorrências para cada condenação. (mais…)

Ler Mais

O desconforto com as cotas é patente e emerge um racismo de reação

Por Angela Alonso*, na Folha

O Brasil agora gosta de se definir como multicultural. O nome antigo era “democracia racial”, mas o sentido permanece: não temos conflitos étnicos. A harmonia na diversidade é um mito nacional e, como todos os mitos, encobre e revela. Encobre a desigualdade entre os grupos étnicos e revela a dificuldade coletiva em tratar do assunto. (mais…)

Ler Mais