15 anos do Fundo Dema: luta e resistência na Amazônia

Dezenas de mártires foram lembrados pela doação da vida em defesa da Amazônia e de seus povos. As atividades ocorreram em Altamira (PA), contando com a realização de seminário, feira agroecológica, campanha para plantio de árvores nativas e ato em praça pública

por Élida Galvão¹, em Fase

Foi voltando ao seu lugar de origem que o Fundo Dema celebrou seus 15 anos. A comemoração ocorreu entre 11 e 13 de setembro, em Altamira, no Oeste do Pará, reunindo cerca de 150 pessoas no Centro de Formação Betânia. Além de rememorar a trajetória de atuação do Fundo, a atividade teve como foco o fortalecimento do movimento agroecológico e a contribuição para o reflorestamento da Amazônia com o plantio de espécies frutíferas e florestais nativas, em especial o mogno. (mais…)

Ler Mais

Publicação que apresenta o lado B do agronegócio será tema de debate em Curitiba

Por Fundação Heinrich Böll, na Terra de Direitos

No dia 25 de setembro, o Solar do Rosário receberá um debate sobre o “Atlas do Agronegócio – fatos e números sobre as corporações que controlam o que comemos”, publicação lançada pelas fundações alemães Heinrich Böll e Rosa Luxemburgo no início do mês, no Rio de Janeiro. O evento, organizado em parceria com a Terra de Direitos, contará com a presença de Bel Coelho, chef do restaurante paulista Clandestino e apresentadora;  Claudia Schmitt, professora e pesquisadora da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro; Darci Frigo, coordenador geral da Terra de Direitos;  Jonas Souza, representante do MST e Maureen Santos, editora do Atlas e coordenadora da Fundação Heinrich Böll no Brasil.  (mais…)

Ler Mais

Brasil avança na liberação de agrotóxicos que matam 193 mil pessoas por ano no mundo

Enquanto diversos países começam a restringir uso de quimícos como o glifosato, Brasil corre para aprovar o PL do Veneno

Lilian Campelo, Brasil de Fato

Na contramão de diversos países do mundo e das resoluções da Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil tem avançado na liberação de agrotóxicos e aprovação de projetos de lei que abrandam as restrições ao uso de químicos agrícolas que, segundo dados da Organização das Nações Unidas, são responsáveis pela morte de 193 mil pessoas todos os anos. (mais…)

Ler Mais

Audiência pública debate agrotóxicos em Porto Alegre

Tema da audiência foi o “Desmonte do Sistema Regulatório dos Agrotóxicos” e o PL da Política nacional para a redução do uso de agrotóxicos (PNaRA)

Ministério Público Federal no Rio Grande do Sul

Audiência pública promovida pelo Fórum Nacional de Combate aos Impactos dos Agrotóxicos e Transgênicos reuniu, na tarde desta segunda-feira (17), em Porto Alegre (RS), aproximadamente 100 pessoas interessadas em debater o desmonte do sistema regulatório dos agrotóxicos. O encontro foi realizado no auditório da Procuradoria Regional da República da 4ª Região. (mais…)

Ler Mais

Um aborto a cada quatro grávidas

A cidade em que o agrotóxico glifosato contamina o leite materno e mata até quem ainda nem nasceu

por Nayara Felizardo, em The Intercept Brasil

O filho de Maria, Félix, de 21 anos, resistiu pouco mais de seis meses de gestação. Morreu ainda no ventre, com apenas 322 gramas. A causa do aborto, que aconteceu com 25 semanas de gravidez, foi má formação: o bebê tinha o intestino para fora do abdômen e também problemas no coração. Não é incomum que as mães da região percam seus filhos precocemente. O bebê de Maria, ao que tudo indica, foi mais uma vítima precoce do agrotóxico glifosato, usado em grandes plantações de soja e de milho em Uruçuí, a 459 km de Teresina, no Piauí. (mais…)

Ler Mais

“Dos troncos retorcidos surge a esperança” inspira a 3ª Romaria do Cerrado de Rondonópolis (MT)

Romaria ocorrerá neste domingo, 16, cinco dias após do Dia Nacional do Cerrado. Inciativa chama atenção para a degradação de nascentes na região. A CPT estima que entre 800 a 1000 nascentes, apenas no município de Rondonópolis, necessitam, hoje, de proteção.

Por Elvis Marques – Assessoria de Comunicação CPT

A aproximadamente 60 quilômetros de Rondonópolis, município situado no sudeste mato-grossense e com cerca de 228 mil habitantes, estão localizados o Assentamento Olga Benário e a Comunidade Bananal, que acolherão, neste próximo dia 16, os romeiros e as romeiras para a 3ª Romaria do Cerrado, cujo tema é “Dos troncos retorcidos surge a esperança”. (mais…)

Ler Mais

Bancada ruralista quer o tucano Xico Graziano na presidência da Embrapa

Servidores temem que próximo gestor seja nomeado por questões políticas; Alckmin e Temer protagonizaram polêmica relativa à adesão do PSDB ao governo Temer

De Olho nos Ruralistas

A bancada ruralista no Congresso pressiona pelo nome de Xico Graziano, chefe de gabinete de Fernando Henrique Cardoso no primeiro ano de seu governo, em 1995, para a presidência da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). A notícia divulgada pelo Relatório Reservado informa que os funcionários da Embrapa desejam um nome técnico e com história na instituição, como o atual diretor de Inovação e Tecnologia, Cléber Soares. (mais…)

Ler Mais

Brasil atende a interesses do latifúndio e do capital internacional, diz pesquisadora

Para Larissa Mies Bombardi, em vez de seguir o caminho da segurança e soberania alimentar, país “se vira do avesso” para transformar o território nacional em base para o capitalismo internacional

por Redação RBA

Autora do Atlas de Geografia do Uso de Agrotóxicos no Brasil e Conexões com a União Europeia, a professora do Programa de Pós Graduação em Geografia Humana da Universidade de São Paulo (USP) Larissa Mies Bombardi acredita que, para entender a configuração da agricultura no Brasil, é preciso antes compreender a existência de uma questão agrária mal resolvida. “Nós não fizemos a lição de casa, que era promover o acesso à terra. Temos uma classe social, o campesinato, que foi e é permanentemente excluída da terra. E se temos as experiências agroecológicas trazidas pelos camponeses, por outro lado, temos a força enorme do latifúndio”, afirmou, em entrevista nesta quinta-feira (13), aos jornalistas Marilu Cabañas e Glauco Faria, na Rádio Brasil Atual(mais…)

Ler Mais

Como Coca-Cola, Bunge e 110 empresas ganham com o pior da bancada ruralista

Por The Intercept Brasil

A cadeira ocupada pelo deputado federal Nelson Marquezelli no Congresso parece servir a um único objetivo: beneficiar seus negócios privados. Às vezes, o esforço é escrachado. Produtor de laranjas, o parlamentar do PTB paulista já tentou tornar o suco da fruta “bebida oficial” do governo federal e item obrigatório nas merendas. Fracassou. Mas, junto à bancada ruralista, o político coleciona vitórias bem mais significativas – todas facilitadas pelas ligações de Marquezelli e seus colegas de bancada com gigantes como a Coca-Cola, a Schweppes e o grupo Mitsubishi. (mais…)

Ler Mais