Carta Compromisso da Abrasco contra o racismo, sexismo, patriarcado e todas as formas de discriminação – Abrascão 2022

Na Abrasco

A ABRASCO tem em seus fundamentos a permanente defesa do Estado democrático de direito e promotor de um desenvolvimento inclusivo. Esta carta compromisso atualiza sua agenda política frente as demandas contemporâneas pela equidade e justiça social, enfatizando que não existe democracia plena sem o combate ao racismo, sexismo, capacitismo, xenofobia, LGBT+fobia, etarismo e outras formas de discriminação. (mais…)

Ler Mais

PE: “Somos uma comunidade adoecida”: Jardim Monteverde, 6 meses depois das chuvas

Raíssa Ebrahim, no Marco Zero Conteúdo

“As pessoas aqui estão pedindo pra morrer”. A frase de Dalva Damares, 67 anos, moradora de Jardim Monteverde, resume o adoecimento mental de toda a comunidade como uma das mais graves consequências da omissão do poder público em relação à tragédia provocada pelas chuvas que atingiram a Região Metropolitana do Recife no final de maio e início junho deste ano. (mais…)

Ler Mais

A Copa do Mundo e suas perplexidades. Por Elaine Tavares

No Correio da Cidadania

Pouco antes da Copa do Mundo no Brasil, o Instituto de Estudos Latino-Americanos da UFSC promoveu uma edição das Jornadas Bolivarianas tratando do tema dos megaeventos e seus impactos, tanto para a América Latina quanto para o mundo no que diz respeito a uma mirada de classe: ou seja, as consequências para os trabalhadores. Foi um momento muito bom para compreendermos como os países se curvam aos interesses da FIFA, ou, em última instância, do capital. (mais…)

Ler Mais

Fiocruz aborda desigualdade social e etnorracial no Abrascão 2022

Mariana Sebastião e Clarissa Viana, Cidacs/Fiocruz Bahia

A desigualdade existe mesmo quando comparadas as populações das classes mais pobres. Essas diferenças no acesso a alimentação, serviços de saúde, condições de habitação, acesso a escolaridade são o que norteia a saúde coletiva e que têm ganhado números nos estudos do Centro de Integração de Dados e Conhecimentos para Saúde (Cidacs/Fiocruz Bahia) e são esses números, e metodologias, que têm sido apresentados nos diversos achados científicos no 13º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva (Abrascão 2022), realizado no Centro de Convenções Salvador, desde o dia 20 de novembro. (mais…)

Ler Mais

Branquitude: Um campo de estudos críticos referentes ao privilégio das pessoas brancas em sociedades estruturadas pelo racismo

Por Erika Farias – EPSJV/Fiocruz

Estudos sobre história e cultura afro-brasileiras têm evidenciado o fato de que a sociedade ocidental foi educada a partir de uma visão eurocêntrica de mundo, em que os feitos dos colonizadores foram ensinados, geração após geração, como conquistas e atos heroicos. Por este ponto de vista, criou-se uma ideia do homem branco como vencedor, a força motriz de uma expansão capitalista que, por séculos, sequestrou, escravizou e aniquilou povos inteiros. Mais de 130 anos após a assinatura da Lei Áurea, declaração ‘formal’ que determinou a abolição da escravatura em solo brasileiro – sem que houvesse indenizações ou posteriores políticas de integração aos recém libertos – hoje, são notórios e crescentes o ativismo e o movimento social negro, bem como os debates acerca de consequências pessoais, sociais e econômicas dos quase 400 anos de escravização do povo africano e afrodescendente. Apesar do avanço das discussões referentes à reparação histórica de pretos e pardos, um aspecto desta engrenagem permanece em segundo plano: a invisibilização do branco escravizador. É neste campo crítico, de estudos referentes aos privilégios da pessoa branca em sociedades estruturadas pelo racismo, que surge o conceito de ‘branquitude’. (mais…)

Ler Mais

Declaração: Acabou o tempo, a COP27 deve entregar

Por Rachel Rose Jackson*, da Corporate Accountability

Vinte e sete COPs. Vinte e sete chances de evitar uma catástrofe climática. Vinte e sete oportunidades para salvar milhões de vidas. Vinte e sete momentos que poderiam ter alterado o curso da história. No entanto, à medida que o relógio termina nas negociações sobre o clima deste ano, a COP27 está prestes a entregar outro fracasso global… a menos que os governos mundiais possam reunir na 11ª hora a resolução que os iludiu até este ponto. (mais…)

Ler Mais

Pesquisa financiada pelo Fundo Malala revela desigualdade de gênero na educação

Giovanna Carneiro, em Marco Zero Conteúdo

O Centro Dom Helder Câmara de Estudos e Ação Social (Cendhec) lançou a pesquisa “Meninas por uma Educação com Igualdade”, que expõe dados sobre desigualdades de gênero na Educação. O objetivo do levantamento, que compõe uma das ações do projeto Na Trilha da Educação – Gênero e Políticas Públicas para Meninas, do Fundo Malala, é entender os efeitos das desigualdades de gênero na vida escolar de meninas. (mais…)

Ler Mais