Novos vazamentos e o silêncio ensurdecedor do STF e da PGR: ou se explicam ou reagem

Por Tânia Maria de Oliveira, da ABJD, no GGN

Enquanto o país aguardava mais um capítulo da série “The Intercept Brasil – As Mensagens Secretas da Lava Jato”, o Diário Oficial da União informou que o ex-juiz implicado nas denúncias estava indo para os Estados Unidos, como Ministro da Justiça e Segurança Pública, “fazer visitas técnicas a instituições”. E, claro, nós acreditamos no motivo. Parece muito lógico e inquestionável que viaje para fora do Brasil, diante da crise em que está envolvido, sobremaneira para os EUA, já que existem, desde sempre, acusações e suspeitas do comprometimento de autoridades americanas na Lava Jato, incluindo a NSA e a CIA, denunciadas por Edward Snowden de espionagem internacional, por meio do mesmo jornalista responsável pelo The Intercept, Glenn Greenwald. Sim, somos crédulos das “visitas técnicas a instituições”, assim como acreditamos na versão do “não lembro se disse, mas se disse não tem problema”.

(mais…)

Ler Mais

Íntegra da troca de mensagens entre Moro e Deltan mostra tensão com STF

Equipe da Lava Jato articulou apoio e blindagem do então juiz federal diante do Supremo e do Conselho Nacional de Justiça, após advertência por ter vazado conversas entre Lula e DilmaPublicado

Por Redação RBA 

São Paulo – Para evitar que Sergio Moro se desgastasse ante o Supremo Tribunal Federal (STF) a ponto de ver paralisadas as investigações num momento crítico para a Lava Jato – logo após o polêmico vazamento de conversas entre os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff, em 2016 –, procuradores na linha de frente da operação se articularam para preservar e proteger o então juiz, conforme se comprova pela troca de mensagens publicadas neste domingo (23) pela Folha de S.Paulo, a partir de material obtido com exclusividade pelo The Intercept Brasil. A série de reportagens mostra condutas antiéticas e criminosas de Moro e da força tarefa, em conluio para processar e condenar Lula e tirá-lo da disputa eleitoral de 2018, além de poupar aliados, como o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

(mais…)

Ler Mais

A justiça que burla a Constituição joga a democracia na cova. Por João Filho

No The Intercept Brasil

Há três anos, o premiado jornalista investigativo Lúcio de Castro descobriu que Paulo Henrique Cardoso, filho do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, atuava no ramo do petróleo — um fato até então desconhecido pela opinião pública. PHC era sócio de uma empresa de comércio de produtos petroquímicos. Essa empresa mantinha negócios com empresas investigadas pela Lava Jato, como a Odebrecht e a Braskem, e possuía uma offshore em paraíso fiscal. Lúcio de Castro descobriu também que o filho de FHC era sócio, em outros negócios, de um argentino, braço direito do presidente Mauricio Macri, que se suicidou após se ver envolvido em escândalos de corrupção na Argentina.

(mais…)

Ler Mais

Em vez dos militares. Por Janio de Freitas

O verdadeiro combate à corrupção só pode ser feito por gente honesta

Na Folha

Ainda sem saber o que liga o Exército ao bolsonarismo, estamos sob um teste novo do nosso futuro democrático e das perspetivas do país. As consequências que o Poder Judiciário der às transgressões de Sergio Moro vão indicar a determinação de sustentar o Estado de Direito ou a capitulação a um vale tudo irremediável, escancarando o país, ainda mais, ao que nele haja de pior.

(mais…)

Ler Mais

Intercept anuncia parceria jornalística com a Folha no arquivo da Vaza Jato – e as impropriedades reveladas na primeira reportagem conjunta com o jornal

Tania Pacheco

Nesta madrugada, The Intercept Brasil publicou texto de Leandro DemoriGlenn Greenwald anunciando o início da parceria com a Folha de S.Paulo, com matéria publicada este domingo. Na suaNewsletter, diz a Folha na chamada para a reportagem Lava Jato articulou apoio a Moro diante de tensão com o STF, mostram mensagens:

(mais…)

Ler Mais

#VazaJato Diálogos inéditos: concordamos com Deltan

Antes de serem alvos de vazamentosDeltan e Lava Jato celebravam direito de jornalistas publicarem informações vazadas ilegalmente.

Newsletter do The Intercept Brasil, por Glenn Greenwald, Leandro Demori e Victor Pougy

Desde que o Intercept começou a publicar a série de reportagens demonstrando conduta irregular da força-tarefa da Lava Jato e do então juiz – agora ministro – Sergio Moro, os defensores da operação vêm adotando uma postura de criminalização do jornalismo, tendo o próprio ministro se referido ao Intercept como “site aliado a hackers criminosos”. Essa tentativa de nos colar a criminosos foi denunciada por diversos grupos de defesa da liberdade de imprensa – como o Comitê para a Proteção dos JornalistasRepórteres sem Fronteiras e a Abraji –, que emitiram comunicados condenando a estratégia de Moro e das autoridades brasileiras de usar intimidação e ameaças para impedir a realização de nosso trabalho jornalístico.

(mais…)

Ler Mais

Boaventura de Sousa Santos: “Os trabalhadores estão ficando cada vez com mais trabalho e sem direitos”

Em visita ao RS, Boaventura de Sousa Santos falou com o Brasil de Fato sobre a situação política e social do Brasil

Fabiana Reinholz e Katia Marko; Luiz Muller (Rede Soberania), no Brasil de Fato

Em uma manhã de um leve frio, depois de alguns dias de um “veranico” um tanto quanto atípico para o mês de junho porto-alegrense, o sociólogo e jurista português Boaventura de Souza Santos, das universidades de Coimbra (Portugal), de Wisconsin-Madison e de Warwick (EUA), conversou por mais de uma hora com o Brasil de Fato RS e com a Rede Soberania. 

(mais…)

Ler Mais

Ex-presidentes do BNDES se unem em defesa do banco e do desenvolvimento do país

Para ex-dirigentes do BNDES, relatório da PEC da Previdência é incompatível com investimento, emprego e crescimento, e pode acabar com banco de fomento

Por Redação RBA

São Paulo – A Associação dos Funcionários do BNDES (AFBNDES) promoveu na manhã desta quarta-feira (19), no Rio de Janeiro, um ato em defesa do banco de fomento e um debate com a participação e apoios de vários ex-presidentes da instituição. Na mesa de discussão, comentaram a proposta do relator da reforma da Previdência na comissão especial da Câmara dos Deputados, Samuel Moreira (PSDB-SP), que excluiu a destinação para o BNDES de 40% dos recursos das contribuições sociais do PIS/Pasep como previsto pelo artigo 239 da Constituição. O relatório redireciona a previsão constitucional para pagamento de pensões e aposentadorias. O texto original do governo reduz o montante que cabe ao banco para 28%.

(mais…)

Ler Mais

A Amazônia está à venda: quem der menos leva

Leis federais e estaduais vêm sofrendo mudanças que estimulam o roubo de florestas públicas, que são desmatadas para assegurar sua posterior privatização

Por Brenda Brito e Jeferson Almeida, no El País

O desmatamento na Amazônia continua crescendo e afasta cada vez mais a chance de o país cumprir a meta de redução prevista para 2020. Pelos compromissos assumidos em 2010, o Governo Federal definiu que chegaria no próximo ano com uma taxa anual de 3.900 km2 de perda da cobertura florestal na Amazônia. No entanto, em 2018 esse índice chegou a 7.900 km2 (o maior da década) e os sistemas de alerta já indicam aumento de 20% do desmatamento entre agosto de 2018 e abril de 2019. Esses números mostram que Brasil continua destruindo um de seus maiores patrimônios sem gerar melhoria de qualidade de vida na região, que continua com indicadores socioeconômicos abaixo da média nacional.

(mais…)

Ler Mais