Povos indígenas reforçam barreiras sanitárias e cobram poder público enquanto covid-19 avança para aldeias

Com mais de 70 povos indígenas já afetados pela covid-19, barreiras sanitárias se multiplicam pelo país como forma de controlar o acesso às terras indígenas e diminuir contaminação

por Renato Santana e Tiago Miotto, em Cimi

Os povos indígenas têm adotado medidas próprias para conter a chegada da pandemia do novo coronavírus nas aldeias. As barreiras sanitárias se multiplicam país afora como uma forma de controlar o acesso às terras indígenas e evitar ao máximo o contágio nas comunidades.

(mais…)

Ler Mais

Violação ao direito de consulta prévia, livre e informada dos povos durante a pandemia é tema de novo debate

Discussão integra a série online ‘Direitos Humanos em Foco’ realizada pela Terra de Direitos.

Terra de Direitos

Mesmo diante da mais forte crise epidemiológica que o país vive, com impacto mais intenso em populações vulneráveis, o direito de comunidades e povos tradicionais à consulta prévia, livre e informada têm sido violado. 

(mais…)

Ler Mais

Polícia Federal deflagra Operação Alfeu para combater garimpo ilegal em terra indígena

PF investiga associação criminosa que promovia desmatamento e garimpo ilegal no Rio Sararé, em Mato Grosso

Cuiabá/MT – A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira (28/5), em Pontes e Lacerda/MT, a operação ALFEU, em cumprimento à decisão judicial da 2ª Vara da Justiça Federal de Cáceres/MT.  A operação tem o objetivo de apurar associação criminosa voltada ao desmatamento e garimpo ilegal no Rio Sararé.

(mais…)

Ler Mais

Fospa exige ação imediata dos governos ante o etnocídio dos povos amazônicos

Em documento oficial divulgado na quarta-feira (27), Fórum Social Panamazônico (Fospa) listou reivindicações voltadas aos povos amazônico e andino.

CPT

Leia o documento na íntegra:

Pronunciamento público Fospa: Comunidades da Amazônia exigem ação imediata de governos dos 9 países Amazônicos

Deter a propagação da pandemia de Covid19 nos territórios amazônicos, impedir o etnocídio de seus povos e o desaparecimento da Floresta Amazônica

(mais…)

Ler Mais

Kits de Malhadeiras, higiene e alimentação são distribuídos em aldeias Mundurukus

Distribuição faz parte da Campanha #ComSaudeAlegriaSemCorona de apoio ao Baixo Amazonas contra a covid-19. Os materiais transportados de caminhão foram higienizados antes da entrega para garantir segurança dos indígenas

Projeto Saúde e Alegria

Com número crescente de vítimas pela covid-19 na região do Baixo Amazonas, a preocupação com as comunidades isoladas é ainda maior. Manter os moradores nas próprias regiões é uma necessidade para evitar que o contágio se prolifere entre os comunitários. Na região de abrangência do Dsei Rio Tapajós há cinco casos confirmados, treze suspeitos e dois óbitos, segundo a Enfermeira especialista em saúde indígena e saúde coletiva, Coordenadora do Distrito Sanitário especial Indígena – DSEI, Cleidiane Carvalho: “É um momento de enfrentamento. Um momento árduo, onde o medo reina até por se tratar de uma luta onde não sabemos com quem de fato estamos lutando. Em meio ao caos nós percebemos o quanto as pessoas/instituições/ONGs ainda conseguem ajudar e o Saúde Alegria tem sido parceiro de outras épocas” – ressalta.

(mais…)

Ler Mais

Moradores da aldeia Murutinga (AM) estão em alerta com chegada da covid-19

Um homem havia sido tratado de uma suposta virose pela equipe de saúde local. Mais tarde, teria voltado a sentir sintomas associados à doença. Desta vez, o teste para covid-19 deu positivo

Por J. Rosha, no Cimi

Na última quinta-feira, 21, foi identificado o primeiro caso de covid-19 na aldeia Murutinga, na Terra Indígena Murutinga/Tracajá, do povo Mura, em Autazes (AM). A informação causou apreensão entre os moradores. As lideranças sugeriram adotar o isolamento social e restringir a saída de indígenas para pescar como forma de evitar a propagação da doença.

(mais…)

Ler Mais

Covid-19: MPF requer segurança alimentar e acesso a benefícios sociais para indígenas e povos tradicionais do AM

Instituições do Poder Público devem adequar cronograma de pagamento e possibilitar acesso aos benefícios nas aldeias e comunidades, além de garantir distribuição de alimentos a esses povos, defende ação do MPF

Procuradoria da República no Amazonas

O Ministério Público Federal (MPF) ajuizou ação civil pública, com pedido de liminar, para que a União, Caixa Econômica Federal, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e a Fundação Nacional do Índio (Funai) adotem medidas emergenciais em favor de povos indígenas, quilombolas e comunidades tradicionais (extrativistas e ribeirinhos) do estado do Amazonas para facilitar o acesso a benefícios sociais e previdenciários concedidos pelo governo federal, incluindo o auxílio emergencial, e garantir segurança alimentar a esses grupos para evitar que se desloquem às sedes dos municípios, enquanto vigoram as medidas de isolamento social em decorrência da pandemia de covid-19.

(mais…)

Ler Mais

Memórias da Pandemia — Messias Kokama: um cacique de muitos povos

Ele idealizou um bairro indígena em Manaus, o Parque das Tribos; vítima da Covid no dia 13, ele fez questão de reivindicar educação e saúde para as diversas etnias que ali se reuniram, diante dos conflitos com grileiros, madeireiros e garimpeiros nas aldeias

Por Maria Fernanda Ribeiro, em De Olho nos Ruralistas

A criação de um bairro indígena em uma metrópole cravada no meio da floresta amazônica era o sonho de Messias Kokama, 53 anos, que morreu no dia 13 de maio, vítima da Covid-19. Moradia digna para todos os povos que desejassem viver em Manaus, cidade de 1,7 milhão de habitantes, foi a grande luta do cacique, que não deixou apenas uma ideia como legado, mas uma comunidade onde vivem 700 famílias de 35 etnias do Amazonas, o Parque das Tribos.

(mais…)

Ler Mais

Covid-19: MPF viabiliza implantação de barreiras sanitárias nas aldeias indígenas de Caieiras Velha e Irajá, no Espírito Santo

Barreiras funcionarão, a princípio, por três semanas e serão abordados todos os veículos e pessoas que passarem pelas aldeias

Ministério Público Federal no Espírito Santo

O Ministério Público Federal (MPF) viabilizou a implementação de duas barreiras sanitárias na rodovia estadual que corta as aldeias indígenas de Caieiras Velha e Irajá, localizadas em Aracruz (ES). As barreiras entraram em funcionamento nessa terça-feira (26), e têm o objetivo de conter o avanço da contaminação com o novo coronavírus, causador da covid-19.

(mais…)

Ler Mais

Justiça Federal atende MPF e determina suspensão de turismo dentro da Terra Indígena Pequizal de Naruvôtu (MT)

Demarcada em 2016, a TI localizada nos municípios de Gaúcha do Norte e Paranatinga (MT), no Alto Xingu, permanece ilegalmente ocupada

Procuradoria da República em Mato Grosso

A Justiça Federal em Mato Grosso determinou, em caráter liminar em tutela de urgência a pedido do Ministério Público Federal (MPF), a imediata interrupção de toda e qualquer atividade exploratória das riquezas naturais do solo, dos rios e dos lagos existentes no interior da Terra Indígena Pequizal de Naruvôtu, especialmente do comércio e/ou turismo nos imóveis em que estão instaladas a Fazenda Santa Fé e a Pousada Cotovelo do Xingu, no município de Gaúcha do Norte (MT), localizado no Alto Xingu. Também foi determinada a proibição da entrada de não-índios nas comunidades indígenas sem a supervisão e o controle da União, do Ministério Público Federal, da Fundação Nacional do Índio (Funai) e/ou da Associação Indígenas Pequizal do Naruvôtu, sob pena de multa diária de R$ 5 mil.

(mais…)

Ler Mais