Produtores de leite alertam para prejuízos com normativas do governo

Instruções 76 e 77 do MAPA eliminam os pequenos produtores em favor dos grandes

Por Leandro Molina, na Página do MST 

As novas regras para a produção de leite no país, que especificam os padrões de identidade e qualidade do leite cru refrigerado, estabelecidas pelo Ministério da Agricultura e Abastecimento (Mapa), foram tema de audiência pública da Câmara de Vereadores de Candiota, na Campanha do Rio Grande do Sul.

(mais…)

Ler Mais

Frente Parlamentar da Agropecuária compôs 52% dos votos da reforma da Previdência

Bancada ruralista deu 199 dos 379 votos pela aprovação em primeiro turno da PEC 6/2019; com apoio de Bolsonaro, FPA manteve isenção fiscal de R$ 84 bilhões e perdão às dívidas do Funrural

Por Bruno Stankevicius Bassi, em De Olho nos Ruralistas

Dos 379 deputados que votaram pela aprovação da reforma da Previdência, em sessão de primeiro turno realizada ontem (10/07) na Câmara, 199 são membros da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), de acordo com levantamento do De Olho nos Ruralistas. O número representa 52,5% dos votos favoráveis ao texto-base da reforma, que segue agora para a inclusão de destaques antes da votação em segundo turno.

(mais…)

Ler Mais

Um Brasil envenenado: a realidade dos agrotóxicos em números

Mais de 111 mil brasileiros foram afetados por venenos em 10 anos – a maior parte decorrente do uso de agrotóxicos.

por Giovanna Galvani, em CartaCapital / IHU On-Line

O cenário da liberação dos agrotóxicos no Brasil pode ser visto, antes de qualquer análise, em números. Assusta que, em menos de seis meses de  governo Bolsonaro, já sejam quase 300 as novas autorizações para a utilização de produtos químicos nas lavouras brasileiras. Há quem diga que os números não mentem, mas é fato que eles precisam de contexto.

(mais…)

Ler Mais

Votação da Previdência em comissão da Câmara dá vitória a ruralistas no último minuto

Aprovação de texto-base em comissão não atende completamente a policiais e agrada produtores rurais. Texto vai ser analisado pelos 513 deputados

por Afonso Benites e Heloísa Mendonça, em El País

A reforma da Previdência foi aprovada com folga na comissão especial do tema nesta quinta-feira, mas chega ao plenário da Câmara dos Deputados na próxima semana com algumas batalhas ainda a serem travadas. Uma delas envolve diretamente uma base de apoio do presidente Jair Bolsonaro: a bancada ligada à segurança pública. Outra atinge uma categoria que tem obtido êxito em seus anseios e também o apoio de boa parte da sociedade, os professores. Já outra base bolsonarista, a dos ruralistas, obteve uma vitória no último minuto.

(mais…)

Ler Mais

Com empresas vinculadas a políticos ruralistas, setor de grãos deve R$ 23,6 bilhões à União

Equivalente a três quartos do orçamento da agricultura familiar para 2019/20, dívida de sojeiros e outros produtores de grãos inclui ruralistas e offshores; do Paraguai à Amazônia, grupos endividados controlam terras

Por Bruno Stankevicius Bassi, em De Olho nos Ruralistas

Apesar de representar cerca de 55% da produção agrícola brasileira, quando o assunto é a participação no estoque de dívidas ativas da União o setor de grãos, cereais e oleaginosas tem um peso inferior ao da indústria da carne e do complexo da cana, já retratados na série De Olho nas Dívidas.

(mais…)

Ler Mais

Autor de projeto que expande a posse de armas no campo tem terras em áreas de conflito na Amazônia

Proposta foi aprovada no dia 26 de junho na CCJ; senador Marcos Rogério (DEM-RO) tem 98,65 hectares no Vale do Jamari, em Rondônia, área onde há conflitos com indígenas, camponeses e áreas de proteção

Por Leonardo Fuhrmann, em De Olhos nos Ruralistas

O Senado aprovou no dia 26 de junho um projeto de lei que considera toda a extensão de um imóvel rural como sendo domicílio do proprietário ou do gerente. Apresentada no dia anterior, a proposta tinha sido aprovada na Comissão de Constituição e Justiça pela manhã e seguiu para o plenário em regime de urgência. A mudança, se aprovada na Câmara e sancionada pelo presidente, permite que os donos de terras usem armas em todo seu terreno sem a necessidade de se submeter às exigências para a obtenção do porte.

(mais…)

Ler Mais

Com R$ 88,1 bi, dívida da indústria da carne iguala déficit de estados com a Previdência

Levantamento realizado pelo De Olho nos Ruralistas mostra frigoríficos, abatedouros, pecuaristas, comercializadores e curtumes liderando as dívidas do agronegócio; empresas desconhecidas superam débitos de multinacionais como JBS, BRF e Marfrig

Por Bruno Stankevicius Bassi, em De Olho nos Ruralistas

Principal devedora entre os setores do agronegócio, a indústria da carne deve R$ 88,1 bilhões à União. O cálculo é baseado em levantamento feito pelo De Olho Nos Ruralistas com dados da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN). Além dos frigoríficos, a conta inclui pecuaristas, curtumes e comercializadores de carne e de animais vivos.

(mais…)

Ler Mais

Encontro de Bolsonaro com indígenas foi “cena montada”, diz general que deixou a presidência da Funai

“Esses índios não representavam suas comunidades. Foram plantados ali para reclamarem de tudo”, declarou Franklimberg de Freitas sobre encontro de indígenas com Bolsonaro ocorrido em abril e intermediado pelo secretário de Assuntos Fundiários, Nabhan Garcia

Na Fórum

Bolsonaro no encontro com supostos representantes indígenas (Reprodução)

Franklimberg de Freitas, ex-presidente da Fundação Nacional do Índio (Funai), voltou a criticar a agenda do governo Bolsonaro para a entidade. Segundo ele, o encontro entre o presidente da República e um grupo de  indígenas, em abril, foi uma “cena montada” e a política indigenista tem sido feita junto a ruralistas, sem diálogo com a Funai e sem focar no índio.

(mais…)

Ler Mais