Saída pela porta dos fundos

Nem a entrega do Pré-Sal, nem o esforço deliberado de destruir o Mercosul comoveram Washington. Esnobado, ministro viu sua “nova” política naufragar — com ou sem dores nas costas

Por Josué Medeiros, Gonzalo Berrón e Lys Ribeiro, em Outras Palavras

Menos de um ano após tomar a frente do Ministério das Relações Exteriores, José Serra pediu exoneração do cargo na noite desta quarta-feira 22 a Michel Temer, devido a problemas de saúde. (mais…)

Ler Mais

Com ‘risco’ de ampliar alvos, Lava Jato enrolou para prender lobista-mor, por Janio de Freitas

Na Folha

Jato lerdo é mais uma originalidade da produção nacional. Como o nome sugere, criada nos laboratórios da Lava Jato, que também deu (com a colaboração de peessedebistas) muitas provas da eficácia do invento. Sujeita, no entanto, a frequentes contestações. Todas, é verdade, relegadas ao descaso, que é a vala comum reservada aos argumentos e evidências inconvenientes ao poder. Por acaso ou por contingências incontornáveis, porém, a criação de repente se autodenuncia. (mais…)

Ler Mais

Na saída para o carnaval, Alckmin dá isenção de ICMS para ‘doadores’ de Doria

Em decreto assinado pelo tucano, laboratórios terão isenção em 165 medicamentos perto do fim da validade, que seriam recolhidos para incineração, mas que serão ‘doados’ aos usuários das UBSs

Por Cida de Oliveira, na RBA

São Paulo – O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), publicou hoje (24), no Diário Oficial, decreto de isenção do Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para 165 medicamentos “doados” por empresas farmacêuticas ao programa Remédio Mais Rápido do prefeito da capital, João Doria (PSDB).  (mais…)

Ler Mais

Novo ministro da Justiça tem agronegócio entre principais doadores e foi relator da PEC 215

Por Rubens Valente, na Folha

O deputado federal Osmar Serraglio (PMDB-PR), escolhido novo ministro da Justiça, tem o agronegócio como um de seus principais doadores de campanha, o que não o impediu de relatar matéria de interesse do setor, como a PEC 215, uma proposta de emenda à Constituição que altera o sistema de demarcação de terras indígenas. (mais…)

Ler Mais

Reforma trabalhista de Temer – Modernizar é precarizar o mundo do trabalho. Entrevista especial com Guilherme Guimarães Feliciano

João Vitor Santos – IHU On-Line

A reforma trabalhista do governo Temer é composta de propostas “que representam retrocessos em relação às garantias sociais que o Brasil já conquistou”. A opinião é do vice-presidente da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho – Anamatra, Guilherme Guimarães Feliciano. Por reconhecer a importância do tema e discordar da maneira como o Executivo está conduzindo o processo, a entidade pretende atuar no Congresso Nacional, “não propriamente para barrar essa reforma, mas para estabelecê-la em outros patamares”. A começar por uma discussão mais longa, “e não essa discussão a toque de caixa que o governo pretende”. (mais…)

Ler Mais

Bancada ruralista indica e emplaca ministro da Justiça

Aliado de Cunha, Osmar Serraglio foi relator da PEC 215, sobre terras indígenas, e é um dos responsáveis pela CPI da Funai e do Incra

Por Cauê Seignemartin Ameni, em De Olho nos Ruralistas

O deputado federal Osmar Serraglio (PMDB-PR), membro das bancadas ruralista e evangélica, diretor jurídico da Frente Parlamentar da Agropecuária, será o novo ministro da Justiça. Ele chamou atenção em 2015, ao protagonizar a luta contra as demarcações de terras indígenas: foi relator da PEC 215 na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania. A PEC transfere do Executivo para o Legislativo a palavra final sobre demarcações de terras indígenas, territórios quilombolas e unidades de conservação. (mais…)

Ler Mais

Para analisar o STF basta cinismo

Por Rubens Glezer, no Justificando

Sempre considerei que a análise da atuação do Supremo Tribunal Federal nos veículos de mídia era parte de um projeto de qualificação do debate público. Ao longo dos últimos 5 anos me orgulhei bastante de poder participar com frequência desse empreendimento de tornar acessível à população como um todo a peculiaridade do raciocínio jurídico, o funcionamento do tribunal e as nuances que existem quando o Supremo interfere nos fatos de maior relevância da nossa vida política. (mais…)

Ler Mais