Incra do DF e Entorno recebe imissão na posse de imóvel em Planaltina de Goiás

No Incra

Famílias acampadas na região de Planaltina de Goiás (GO), a 120 quilômetros de Brasília, participaram na manhã desta segunda-feira, 5, da cerimônia de imissão de posse para o Incra da fazenda Corrégo Bonito. A área de 897 hectares dará lugar ao projeto de assentamento Nova Jerusalém que abrigará cerca de 23 famílias de trabalhadores rurais.

Juracy Manuel Pereira, 65 anos, é agricultor e há 11 anos vive acampado aguardando a desapropriação de um imóvel para criação de assentamento. “A imissão de posse é a realização do nosso sonho, mas a partir da criação do assentamento iremos trabalhar pelo desenvolvimento de cada família assentada”, diz.

O assessor da presidência do Incra, Jorge Tadeu Jatobá Correia, participou da cerimônia. Ele reforçou a importância do trabalho conjunto dos futuros assentados. Segundo ele, a imissão e a criação do assentamento são a primeira etapa do processo. “As condições básicas para produzir os alimentos irão assegurar que vocês e a sociedade ganhem”, disse.

O superintendente do Incra no Distrito Federal e Entorno, Marco Aurélio Bezerra da Rocha, também destacou a importância do fortalecimento do trabalho conjunto das famílias que serão assentadas no local. Conforme o superintentende, a criação do assentamento não é o fim de uma luta, é o começo do trabalho. “O apoio e a infraestrutura irão garantir que cada família possa produzir na terra e assegurar qualidade de vida”.

Imissão de posse

A imissão de posse é feita pela Justiça Federal que concede à autarquia a posse do imóvel rural desapropriado. A partir da posse sobre a área o Incra inicia os procedimentos para selecionar as famílias cadastradas e criar o projeto de assentamento no local.

Deixe uma resposta

O comentário deve ter seu nome e sobrenome. O e-mail é necessário, mas não será publicado.