Ecocídio. Por H. Ricken

Aqui,
junto e nas vizinhanças
da Linha do Equador,
há uma conta que não fecha:
o ecocídio como forma de governo.

A liberdade da natureza foi programada para morrer queimada.

Queimaram
2.500 espécies de árvores de toda a madeira tropical do mundo.

Queimaram
80 espécies da flora amazônica ameaçada de extinção.

Queimaram
os cravos-do-maranhão,
os cumarus de cheiro,
as sequoias-gigantes,
as árvores de cacau,
as maçarandubas,
os jequitibás-rosa,
as flor de carajás,
as maracatiaras,
as castanheiras,
as seringueiras,
os jacarandás,
as samaúmas,
as andirobas,
as cerejeiras,
as pupunhas,
os paus rosa,
os cupuaçus,
os quarubas,
os guaranás,
os cajuaçus,
os tucumãs,
os mognos,
os angelins,
os cedros,
os xaxins,
os açaís.

Queimaram
180 espécies de animais ameaçadas de extinção das quais, 124 ocorrem apenas neste bioma.

Queimaram
todos os passarinhos em seus ninhos.

Queimaram
os papagaios-de-peito-roxo,
os cardeais da Amazônia,
os pavãozinhos do Pará,
as araras vermelhas,
as saí-andorinhas,
os jacus estalo,
os gaviões real,
as araras jubas,
as araras azuis,
Os coró-coró,
os tucanos,
os ciganas,
os mutuns,
os chauás,
os socós.

Queimaram
as harpias e seus filhotinhos.

Queimaram
a floresta com todos os animais vivos… dentro.

Queimaram
as pacas mães e seus recém nascidos..

Queimaram
as pumas, as onças pintadas,
as onças pretas, as onças pardas e toda as suas crias.

Queimaram
os gatos-do-mato.
as ariranhas,
os cachorros do mato,
os cachorros-vinagre,
as sucuris,
as surucucus,
as iraras,
os tamanduás-bandeira.

Queimaram
os macacos-de-cheiro-de-cabeça-preta,
os macacos-aranha-de-cara-branca
os mico leão dourado,
os saguis imperador,
os uacaris de coleira,
os macacos aranha,
os sauim de coleira,
os macacos prego,
os uacaris branco,
os guaribas,
os bugios.

Todos agonizaram
agarrados aos seus bebezinhos.

Queimaram
os jacarés e jacaretingas e seus ovos nos ninhos.

Queimaram
os caititus e todos os seus filhinhos.

Queimaram tudo.
Queimaram a vida.
Queimaram todo ar.
Queimaram o futuro.
Queimaram as chuvas.
Queimaram a humanidade.
Queimaram o crime de queimar.

Queimaram
apoiados por 57 milhões de desumanos,
incapazes de reflexão,
cegos de pensamentos e analfabetos de humanidades.

Queimaram
por narcisismo.

Queimaram
por ganância.

Queimaram
para mostrar ao mundo que eles querem e vão queimar.”

Encaminhada para Combate Racismo Ambiental por Regina Moreira.

Deixe uma resposta

O comentário deve ter seu nome e sobrenome. O e-mail é necessário, mas não será publicado.

dezesseis + nove =