Nota de Repúdio das Mulheres da Amazônia contra a fala misógina, machista da Ministra Damares

“Nós, mulheres da Amazônia, ribeirinhas, pescadoras, camponesas, extrativistas, parteiras tradicionais, quebradeiras de coco, erveiras, indígenas, negras, de matriz africana, do campo, da floresta, das águas e das cidades, repudiamos e desaprovamos publicamente a postura da Ministra Damares que devido a sua ignorância e total desconhecimento da realidade dos povos amazônicos, se reporta de forma indigna e desrespeitosa à condição de vida das mulheres e crianças amazônidas.

O conteúdo expresso ao se reportar sobre a violência sexual praticada contra às mulheres, jovens e crianças traduz de forma agressiva, MACHISTA, misógina e discriminatória a prática do governo brasileiro ao tratar a questão da violência praticada contra mulheres jovens e crianças no Brasil.

A manifestação da Ministra, ao se referir às mulheres e meninas da Amazônia, que sofrem diariamente as consequências do descaso e ausência do estado brasileiro, em não promover a distribuição de renda justa para aplicar em políticas públicas que garantam a geração de trabalho, emprego e renda para as mulheres desta região, demonstra o quanto o governo brasileiro está distante da realidade dos povos amazônicos.

Não bastasse a posição delinquente e preconceituosa do governo brasileiro contra o povo nordestinos, agora presenciamos o discurso de um Ministério constituído para resguardar os direitos das mulheres, vindo a público se manifestar contra as mulheres do Norte, da Amazônia brasileira!

Diante dessa triste e perversa realidade as entidades, organizações, movimentos sociais de mulheres, coletivos feministas, dos nove Estados da Amazônia Brasileira que integram o Movimento Articulado de Mulheres da Amazônia denunciam, junto às autoridades, órgãos nacionais e internacionais, a violação institucional dos direitos das cidadãs brasileiras que vivem nas florestas, no campo e nas cidades amazônicas!

Exigimos respeito e políticas públicas!

POR MIM, POR NÓS, POR TODAS!

Movimento Articulado de Mulheres da Amazônia/ MAMA

Enviada para Combate Racismo Ambiental por Isabel Carmi Trajber.

Deixe uma resposta

O comentário deve ter seu nome e sobrenome. O e-mail é necessário, mas não será publicado.

quatro × 5 =