Inscreva-se no webinar “Ser mulher e ser discriminada: a superação do racismo e da misoginia”

Na PFDC

Estão abertas as inscrições para o  webinar  “Ser mulher e ser discriminada: a superação do racismo e da misoginia”, que acontece em 26 de novembro. Promovido pela Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão (PFDC), o evento virtual abre o projeto Encontros da Cidadania, que visa debater diversos temas ligados à defesa dos direitos humanos no biênio 2020-2022.

Para discutir o racismo e a misoginia, foram convidadas especialistas como a professora Ana Flávia Magalhães Pinto, doutora e pós-doutora em História pela Unicamp, que desenvolve pesquisas na área político-cultural de pensadores/as negros/as, imprensa negra, abolicionismos e experiências de liberdade e cidadania negras no período escravista e no pós-abolição no Brasil e em outros pontos da Diáspora Africana.

A perspectiva indígena será apresentada pela painelista Cristiane Julião, que faz parte do povo Pankararu, localizado entre os municípios de Tacaratu, Petrolândia e Jatobá, Sertão de Itaparica, em Pernambuco. Ela é mestre em Antropologia Social pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.

Já Juliana Andrade Cunha falará sobre o papel das instituições no combate ao racismo e à misoginia. Ela é diretora  de  Projetos Especiais na SaferNet Brasil, onde coordena o SaferLab e o Helpline.

A abertura do evento será feita pelo procurador federal dos Direitos do Cidadão, Carlos Alberto Vilhena. A mediação ficará por conta do procurador da República Marco Antônio Delfino, coordenador do GT Combate ao Racismo e Promoção da Igualdade Racial, da PFDC.

Este é o primeiro webinar de um ciclo voltado a debater a violência contra a mulher. Ao todo, serão cinco seminários virtuais.

Todas as inscrições podem ser feitas em www.sympla.com/pfdcmpf. Serão emitidos certificados aos participantes inscritos.

Organização – O ciclo de debates foi organizado pelo Grupo de Trabalho  Mulher, Criança, Adolescente e Idoso:  Proteção de Direitos, criado por meio da Portaria PFDC 8/2020. O grupo atua no fortalecimento das políticas públicas voltadas para a proteção e promoção dos direitos da mulher, criança, adolescente e idoso, incluindo o enfrentamento da violência, em suas diversas formas.

O Projeto Encontros da Cidadania tem como propósito fortalecer a rede em defesa dos direitos do cidadão, promovendo debate de ações e estratégias que tornem ainda mais efetiva a defesa dos direitos do cidadão pelo Ministério Público Federal. Participe!

Serviço:

Webinar: Ser mulher e ser discriminada: a superação do racismo e da misoginia
Data: 26/11/2020
Horário: 17h
Local: Canal do MPF no YouTube
Inscrição: www.sympla.com/pfdcmpf

Reprodução: Rede Mulher e Mídia

Deixe uma resposta

O comentário deve ter seu nome e sobrenome. O e-mail é necessário, mas não será publicado.

2 × 2 =