Homem que espancou idoso no Recife em vídeo que viralizou é evangélico, bolsonarista e já foi preso anteriormente

Por Kiko Nogueira, no DCM

Um vídeo postado nas redes sociais na manhã de sábado, dia 29, deixou a população pernambucana revoltada.

Câmeras de segurança de prédios da Rua Amazonas, no bairro do Pina, no Recife, registraram o momento em que o flanelinha William José de Souza, de 61 anos, foi espancado pelo fisiculturista Bruno Nunes Elihimas.

A vítima perdeu dentes e foi encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Imbiribeira, mas, devido à gravidade das lesões, seguiu para o Hospital da Restauração (HR).

Bruno, de 35 anos, já foi preso por receptação de carro roubado e venda de anabolizantes, chegando a ser conduzido ao Centro de Observação e Triagem Everardo Luna, COTEL, em Abreu e Lima, mas teve alvará de soltura por liberdade provisória.

Segundo o advogado Marcelo Soares, Souza teria agredido a namorada de seu cliente um dia antes. Ela estava grávida e teria perdido o bebê.

Não há nenhuma prova disso.

Em nota, a Polícia Civil de Pernambuco informou que não há registro de queixa por parte de Bruno contra William.

Soares contou que Bruno está escondido na casa de familiares e “no momento propício” vai se apresentar às autoridades, possivelmente no próximo dia 1º de janeiro.

Nas redes sociais, Bruno fez campanha para Bolsonaro e aparece sendo batizado por um pastor evangélico numa praia.

Um típico cidadão de bem.

O Brasil dormirá tranquilo sabendo que Bruno pode ter uma arma amanhã.

Reprodução: Rede social

Reprodução: Rede social

Imagem capturada de vídeo

Deixe uma resposta

O comentário deve ter seu nome e sobrenome. O e-mail é necessário, mas não será publicado.

nove + doze =